Bocão Ed. nº 809

RG15

A página do jornal O Impacto na internet chamou a atenção dos leitores. Vale a pena ler o site e conferir a nova página. Matérias diárias serão publicadas de toda parte do Brasil em tempo real.

SEMMA
A Secretaria Municipal de Meio Ambiente está abandonada, os processos que poderiam desenvolver a economia estão engavetados causando prejuízo ao particular e ao poder público. Com a prisão em Belém dos servidores, uma bomba vai estourar em Santarém. A Prefeita deve ficar de olho para que não prejudique seu governo.

SEMMA II
O secretário Marcelo Correa entrou de férias e deixou os processos pendentes de despacho e não tem ninguém que responda pela Semma. Isso é uma vergonha! Secretário, trabalhar é bom, engrandece o homem. Será que o Secretário não confia em seus auxiliares, visto que o princípio da continuidade do serviço público parou, é crime impedir a continuidade, já que prejudica terceiros e o poder público.

PRONTO SOCORRO
A senhora Rosa Rego levou sua mãe em estado grave ao novo Pronto Socorro Municipal. Lá não havia medicamentos. Dona Rosa, para salvar sua mãe foi obrigada a comprar os remédios para os primeiros socorros, devido o hospital não possuir na enfermaria, e ninguém providenciou. Que vergonha, já que o Pronto Socorro é novo, porém, com administração velha. O novo Pronto Socorro continua com os mesmo vícios do velho. Dona Rosa achou muito descaso, um hospital daquele tamanho com muita gente na espera e com quantidade de profissionais insuficientes para prestar um atendimento decente àqueles que pagam seus impostos. “A gente fica muito chateada com isso”, falou.

PRONTO SOCORRO II
Dona Rosa Rego revoltada, desabafa: “Agora, eles têm que entender que estão ali para atender o público. Não tem nada de graça não, eles recebem por aquilo. O mínimo que o cidadão tem é aquilo ali pra depois chegar lá e ser retaliado da maneira que minha mãe foi, inclusive estou estudando uma maneira de mover um processo contra o Pronto Socorro”.

PRONTO SOCORRO III
“Aquilo não é lugar para salvar vidas, falta remédio, falta funcionários e médicos para atender melhor. Tem que ter vergonha na cara e melhorar o atendimento. Eu fico muito decepcionada. Quando acontece uma coisa desse tipo, dá vontade de mudar de Santarém. No Pronto Socorro ninguém vai de bobeira, ninguém vai de graça não. Vai quando precisa. E é nas piores horas que a gente precisa e não é bem atendida”.

BANCO DO BRASIL
Não recomendo abrir e movimentar conta nesse Banco, que não respeita o cliente. A falta de respeito é inacreditável. Já teve tempos melhores, quando o gerente exercia a função com espírito público. Atualmente é muita dificuldade. O comodismo toma conta da administração.

BANCO DO BRASIL II
É o pior. Muita reclamação no atendimento. O procedimento de administração deve ser mudado. Deveriam aprender com o Banco Itaú e Bradesco. O BB não está nem aí para seus clientes, tudo porque os salários dos funcionários já estão garantidos no fim do mês. Esse Banco deveria ser privatizado para acabar com o comodismo. Somente assim motivaria a quem não está nem aí para o cliente.

FAMÍLIA PELOSO
Vem forte na próxima eleição. A família está fazendo um excelente trabalho na administração do PT e merece uma vaga na Câmara de Vereadores. Dedicação, respeito e lealdade são virtudes da Família Peloso.

FERNANDO PINTO
Foi traído no PP. Fernando que junto com Benedito Guimarães foram os responsáveis pelo prestígio do partido em Santarém, foram esquecidos e sem respeitar a história do PP. Os que lá estão alugaram a sigla e o PP virou orelha do PT.

FERNANDO PINTO II
No tempo de Benedito Guimarães, com ajuda de Fernando Pinto, o partido agia com o coração. Atualmente, segundo Fernando Pinto, o partido envolve vários interesses de grupos econômicos e sociais. Não há altruísmo ou algo parecido. Sem ilusões de crescimento do partido, segundo Fernando Pinto, o partido ficou com o slogan: “É dando que se recebe”. O PP perdeu a identidade e virou tudo por cargo e interesse pessoal.

CULPADOS
As vísceras petistas após as eleições estão expostas. Perdedores buscam culpados e as divergências internas ficam ainda mais visíveis. Reagrupar a “companheirada” sob um único comando parece ser uma missão cada vez mais difícil. Everaldinho já tem o remédio, trocar alguns secretários e continuar com os mesmos partidos de apoio. Só que os novos secretários vão ter que se submeter ao comando do PT, obedecendo as regras do partido, pois nesses dois anos os interesses pessoais prevaleceram. Daí a baixa popularidade da prefeita Maria do Carmo. Everaldo vem com ideais diferentes, pois sabe quem é amigo do PT e inimigo dentro do governo.

CULPADOS II
Os próprios servidores do Estado derrubaram a governadora Ana Júlia. As fiscalizações no período da campanha pressionaram os empresários e usuários do serviço público. A prefeita Maria deve ficar de olho e apurar quem é PT e quem é oposição dentro de seu governo. Na campanha para o Estado, Ana Júlia foi prejudicada. Eu sei quem estava contra Ana Júlia e Maria do Carmo. Vem aí a disputa para a Prefeitura, é bom que a mudança ocorra para evitar traição.

CULPADOS III
A mesma situação o PSDB vai ter que analisar. Tem gente que vai ficar prestando serviço que ama o PT, mas jura que é PSDB, tudo para ficar mamando e garantir o apoio ao PT na próxima eleição.

A FATURA
O PMDB no Pará não quer perder espaços no governo Jatene e já tem uma fatura pronta para garantir o apoio ao partido. Jader, Priante, Luiz Otavio e Domingos Juvenil, por já conhecerem a generosidade da máquina do Estado, vão lotar seus membros no governo para se beneficiar do dinheiro do contribuinte. Tudo se ajeita.

SUJEIRA
Nem bem guardaram as urnas das eleições 2010 e a volta da CPMF, o imposto sobre as movimentações financeiras, já começa a ser discutida. Se aprovada, a volta da CPMF terá sido um golpe baixo nos eleitores, tanto pelos governadores eleitos quanto pela presidente Dilma. Voltam a dizer que a CPMF se faz imperiosa para melhorar a saúde do brasileiro, quando, durante todos os anos em que foi cobrada, não temos lembrança de um serviço de saúde pública sequer aceitável.

SUJEIRA II
Vivemos em um País com uma das maiores cargas tributárias do mundo, com o governo batendo recordes de arrecadações nos últimos anos. E agora estão querendo ressuscitar a CPMF? Isso é um absurdo, inadmissível. Temos que brigar para que os impostos diminuam e não pensar em criar outros. A criação da CPMF, isso sim, é um golpe contra a população brasileira.

SUJEIRA III
Por que esse tema não foi objeto de transparência da candidata Dilma, durante a campanha eleitoral? Onde termina a política começa a trapaça. E já começaram a trapacear o incauto eleitor brasileiro, com o aceno da volta da CPMF. O problema está na falta de caráter do homem público nacional, que desvia o dinheiro do erário, sem sofrer punição, e depois a sociedade é chamada para pagar a conta. Somos otários e babacas, já que deveríamos votar em branco como protesto.

MULHER
Um empresário procurou a Delegacia da Mulher para levar sua filha. Saiu de lá impressionado com a delicadeza, competência, educação e presteza da Delegada Márcia Rabelo. É importante registrar o excelente trabalho que a Delegada Márcia vem prestando à comunidade Santarena. Objetiva e promove um bom trabalho de investigação, visto que não deixa nada para depois. Parabéns, Delegada!

Um comentário em “Bocão Ed. nº 809

  • 8 de dezembro de 2010 em 14:25
    Permalink

    legal, muito bom o jornal impacto, estou aqui em minas gerais na cidade de paraopeba e não perco uma edição deste grande veiculo. parabens
    marcio

    Resposta
  • 22 de novembro de 2010 em 09:07
    Permalink

    SEMMA.
    A SEMMA não parou nem um minuto pelo fato do secretario ter tirado uma semana de férias, apesar de ter direito a um mês. e nem os trabalhos estão abandonados, pois o secretario Cassio Portela atendou e assinou tudo q foi dado entrada durante essa semana. voces como imprensa deveriam se informar melhor antes de divulgar falsas notícias.

    Resposta
  • 18 de novembro de 2010 em 11:32
    Permalink

    O Sr. Rubson deveria é ser preso pela Policia Federal, pois,alem de ser gerente de uma instituição bancaria OFICIAL que financia casas e outros fins, sua esposa é dona de uma imobiliária, o que faz do cidadao em questao uma pessoa detentora de informaçoes privilegiadas que naturalmente sua “esposa” tambem tera no ramo imobiliario, quer apostar?

    Resposta
  • 16 de novembro de 2010 em 14:36
    Permalink

    Não podemos avaliar ainda quem saiu perdendo nesta eleição passada,mais podemos aqui tecer uma reflexão onde consideramos alguns pontos que talvez tenham passado despecebido,por nos mesmos eleitores principalmente do Oeste do Pará:1-consideração:vc ja parou para pensar sobre sua opção do dia 03 de Outubro,e que ela irá lhe representar nos proximos 4 anos?consideração2:antes de votar vc fez uma analise dos projetos em disputa?
    consideração3-voce votou no candidato ou no partido dele?
    consideração4-As cores do partido e os temas musicais influenciaram sua decisão.
    consideração5- vc gostou das propostas de trabalho do candidato?
    Consideração5-vc gostou da aparencia e da retórica usada pelo candidato?
    consideração6-vc foi convencido por um amigo ou pessoa?
    consideração7-vc votou porque as pesquisas disseram que ele iria ganhar?
    Bem, talvez nesta reflexão onde foram levantados vários pontos.Vc ainda está em dúvida porque votou,pq numa democrácia como a nossa vc é obrigado a votar.Bem os dois lados usaram o markenting de campanha saiu vitórioso quem conseguiu nos converser.Legal,só que desmontados os palaques ficamos a nos perguntar:”que garantia temos que as promessas do candidato eleito serão realizadas?”.Bem eu te respondo o seguinte:Legalmente,nenhuma,mais se guardamos os Cds da campanha eleitoral,não seremos mais enganados.Penso que gostariamos que em breve não daqui a 300 anos como passou para ser criado a lei da ficha limpa,fosse criado também algumas obrigações eleitorais para o candidatos sugestões:1-Registro de propostas no TRE(sendo acompanhado pelo MP),Escolaridade Minima com cursos em gestão de políticas públicas)e por que não o voto facultativo!-talvez por ai se alcance a certa qualidade na politica!podemos concluir que o futuro do Estado e do Brasil ainda pode ser uma caixinha de surpresa esperamos que nos sumpreenda positivamente e que esta eleição sirva como uma lição de vida e cada vez mais saibamos tomar decisões pautados sobretudo no que os nossos sentidos nos orientam:não fechando os olhos,perdendo a percepção,só ouvindo…Pois,no presente precisamos está bem atento,pois oq muitas vezes se ouve não é o que se enchega,o que se pensa,contraria o coração…Então temos que agir com a razão!
    Tomara que todos nos tivemos tido razão na hora de votar!

    Resposta

Deixe seu comentário aqui: