Enfermeiras brigam por causa de paciente em posto de saúde

Posto de Saúde do Livramento foi o alvo da briga entre os enfermeiras

Uma semana depois de médicos do Pronto Socorro Municipal de Santarém (PSM) ameaçarem pedir demissão em massa por causa de vários problemas no logradouro de saúde, desta vez a briga entre duas enfermeiras do Posto de Saúde do Livramento virou alvo de críticas de pacientes daquele bairro. A discussão teria acontecido após as duas enfermeiras disputarem quem iria aplicar uma injeção de Dipirona em um ancião.
Depois de muita discussão entre as enfermeiras de pré-nomes Beatrice e Maura, segundo testemunhas, o ancião não agüentou esperar pelo atendimento e voltou indignado para sua residência. O caso foi parar na 16ª Seccional de Polícia Civil.
Famílias que residem próximo ao Posto de Saúde do Livramento afirmaram que desde o dia em que aconteceu a desavença entre as duas enfermeiras, elas não voltaram mais a se falar. O Conselho Municipal de Saúde e a Secretaria Municipal de Saúde informaram que estão acompanhando o caso e, que as enfermeiras poderão sofrer punições por conta da briga que efetuaram na frente dos pacientes.
Para os comunitários do Livramento, a briga entre as profissionais de saúde do posto médico poderá agravar a crise de atendimento básico de saúde a pacientes daquela área de Santarém.
MPE APURA DENÚNCIAS – Denúncias contra o serviço oferecido no Pronto Socorro Municipal (PSM) levaram o Ministério Público do Estado (MPE) a investigar o problema. Com o objetivo de investigar as reclamações da comunidade santarena, o MPE destacou que está com duas frentes de ação, entre elas, uma cível voltada para as reclamações quanto a qualidade do atendimento e relacionadas à higienização hospitalar. A outra relacionada à área criminal, que apura denúncias de crime de omissão de socorro.
De acordo com o promotor do MPE, José Menezes, os problemas denunciados pela população não são recentes e, que a situação já era de conhecimento do órgão em razão de uma consulta pública realizada no primeiro semestre deste ano. Depois da consulta pública, segundo o Promotor, a saúde pública no Município passou a constar no plano de atuação do MP ainda neste ano.
Dr. José Menezes afirmou que por causa do problema, o Ministério Público tem feito algumas inspeções e vai continuar com as investigações visitando hospitais, postos de saúde, com a proposta de identificar as deficiências e cobrar das autoridades e dos setores responsáveis à solução.

Posto de Saúde do Livramento foi o alvo da briga entre os enfermeiras

Por: Manoel Cardoso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *