Lula diz que salário mínimo será mantido em R$ 540

Lula relembrou principais momentos de seus dois mandatos

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta segunda-feira (27) que manterá o salário mínimo em R$ 540, como previsto no Orçamento de 2011, aprovado pelo Congresso Nacional da semana passada. Lula ofereceu um café da manhã para jornalistas e conversou sobre os principais momentos de seus oito anos de governo.

Ele disse que espera do Congresso a aprovação da proposta que regula o aumento do salário mínimo para se evitar que “todo ano se discuta aumento do mínimo”. Para ele, o valor de R$ 540 está mantido e, caso haja alguma mudança, “Dilma fará depois de janeiro”.

– A nossa proposta é uma proposta justa e coerente e tem que ser levada a sério. Os movimentos sindicalistas não podem fazer um acordo e esse acordo só vale quando é para ganhar mais, quando é para ganhar menos, não vale. Ou seja, não nós temos um acordo para recuperar o salário mínimo até 2023 e isso foi um projeto de lei do poder executivo para o Congresso Nacional em uma combinação entre a inflação e o crescimento do PIB [Produto Interno Bruto].

O presidente enfatizou que a inflação prevista para o ano que vem, de 5,8%, está dentro da meta do governo, que é de 4,5% com dois pontos para menos ou para mais. Para Lula, “o Brasil hoje está seguro para enfrentar qualquer situação”.

– Inflação me preocupa a todo dia e a todo momento. Todo mundo que tem responsabilidade preocupa-se com a inflação porque ela corrói os salários.

Ele ponderou, no entanto, que o aumento do mínimo este ano será menor por causa da crise americana, que acabou derrubando o PIB do Brasil.

Priscilla Mendes, do R7, em Brasília

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *