Orquestra Vale Música faz concerto de fim de ano no Theatro da Paz

Na ultima terça-feira (28), acontecel o Concerto de Fim de Ano da Orquestra Jovem Vale Música (OJVM), às 20h, no Theatro da Paz. A orquestra é composta pelos alunos do Projeto Vale Música-Belém e o evento contará ainda com as participações da solista Renata Tavernard (piano) e do maestro Miguel Campos Neto.

A apresentação faz parte da série de concertos “Sons da Amazônia”, que tem o patrocínio da Vale e o apoio cultural do MinC/Governo Federal. A realização é da Musikart Produções Culturais junto com o governo do Estado.

No programa musical constam algumas peças de Handel e Villa-Lobos, além de um Medley Natalino que serão interpretadas pela solista Renata. O maestro convidado é Miguel Campos Neto, que é regente principal da OJVM e acumula outros cargos fora do estado.

Maestro convidado – Miguel Campos Neto é atualmente diretor artístico e regente titular da Chelsea Symphony de Nova York e regente assistente da Amazonas Filarmônica.
Ele rege anualmente nos festivais de Ópera de Manaus e Belém e regeu a estréia mundial da ópera “Viajante das Lendas Amazônicas” com em Belém e no Palácio das Artes de Belo Horizonte. Em Manaus, colaborou em ensaios com o compositor Roger Waters e regeu sua opera “Ca Ira”.

Em julho de 2009, o maestro colaborou com o aclamado compositor Stephen Schwarzt (Wicked) e regeu a pré-estréia da sua mais nova opera “Seance on a Wet Afternoon” liderando um elenco de solistas da New York City Opera. Miguel Campos possui diplomas de Bacharelado e Mestrado em violino e Mestrado em Regência (Mannes College of Music, Nova York). Ele também foi regente convidado frente a Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz, The Mannes Orchestra, Mannes Repertory Orchestra, Orquestra de Camara do Amazonas e a Orquestra de Violoncelos da UNM.

Orquestra Jovem – A OJVM é formada por 70 adolescentes, que estudam em escolas da rede pública em Belém e participam do Vale Música. O programa social da Fundação Vale promove a inclusão social por meio do ensino de música clássica e da preservação de manifestações culturais locais. Seu repertório inclui peças eruditas e populares, dando ênfase ao caráter didático musical.

Os alunos que integram a OJVM já se apresentaram em diversos eventos culturais, como a ópera infanto-juvenil “O Viajante das Lendas Amazônicas”, apresentada em Belém (Theatro da Paz) e em Marabá (Ginásio Poliesportivo), e também levada aos palcos do Palácio das Artes, em Belo Horizonte, do Teatro Nacional Cláudio Santoro de Brasília, e do Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

Em junho deste ano, a OJVM interpretou peças de Beethoven e Tchaikovsky ao lado do renomado violoncelista Antônio Meneses, em Belém, e novamente no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

A orquestra também tem desenvolvido o intercâmbio com instrumentistas e regentes internacionais, entre os quais David Spencer (USA), Jooyong Ahn (Coréia do Sul), Ricardo Cabrera (Colômbia), Brian Lewis (EUA), Yerko Tabilo (Chile), Alexander Shityakov (Rússia), Evgueny Pustovalov (Rússia) e Walter-Michael Vollhardt (Alemanha).

Ascom Fundação Amazônia de Música

Agência  Pará de Notícias

Um comentário em “Orquestra Vale Música faz concerto de fim de ano no Theatro da Paz

  • 2 de dezembro de 2011 em 15:06
    Permalink

    carla diss eu odei a isabela ela e uma pessima aluna eu prefiro a angela

    Resposta
  • 25 de maio de 2011 em 11:15
    Permalink

    foi muito feio e orrivel eu odiei por que eu sou uma pirua

    Resposta
  • 25 de março de 2011 em 11:04
    Permalink

    foi lindo impresionante eu chorei foi tão lindo

    Resposta
  • 20 de março de 2011 em 10:30
    Permalink

    eu gosto muito de lá , porque quando você faz música , vôce passa a ver o mundo de outra for- ma.
    palavra de quem faz música e mudou por ela.

    Resposta
  • 21 de fevereiro de 2011 em 19:55
    Permalink

    eu sou do infanto juvenil vale música ja estou a 1 ano lá é ótimo

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *