Sargentos da PM se revoltam com Governo do Estado

Formatura de Sargentos foi uma farsa e causou revolta

Sargento Nascimento, presidente da Associação dos Militares Estaduais do Oeste do Pará, chegou a dar declarações à imprensa sobre a promoção que não houve para os novos graduados. A declaração serviu para dar uma noção do reflexo que a promoção para o posto de Terceiro Sargento que não houve,  provocou na tropa formada por Cabos que concluiram o Curso .
O Curso de Formação de novos sargentos, que foi concluido e que teria seu evento de comemoração aos novos graduados na terça feira, dia 28, infelizmente trouxe decepção para os cabos promovidos a sargento e seus familiares que estiveram no Quartel do 3º BPM para assistir a solenidade de graduação e parabenizar.
Tamanha aflição felizmente foi contornada com a intervenção sábia do corregedor da Polícia Militar na região, major Mardoch, assim que ele, através de uma ligação telefônica, manteve contato com o Comandante Geral da PM em Belém. Major Mardoch informou ao jornal O Impacto  que o problema ocorreu com a confecção da Ata de Conclusão do Curso, “mas para dar maior brevidade, foi feito um contato direto com o Comandante da Corporação Militar, Coronel Leitão, que informou que ainda no dia 28 estaria sendo publicada no Diário Oficial a Ata final do Curso”, explicou, “portanto, todos os alunos podem se considerar promovidos ao posto de Terceiro Sargento PM”, afirmou o Corregedor PM Regional em Santarém.
Este ano, 68 novos sargentos estarão em seus postos de serviço, para trabalhar para a comunidade e população em toda a região Oeste do Pará. A coordenadora do Curso, Tenente Marcelia, reunida com os novos graduados, fez a distribuição dos novos sargentos em seus futuros postos de serviço. Felizmente, tudo foi contornado através da intervenção sábia do Major Mardoch.
Por:  Carlos Cruz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *