Simão Jatene é empossado como novo Governador do Pará

Simão Jatene recebeu a faixa da ex-governadora Ana Júlia Carepa

Oficialmente Simão Robson de Oliveira Jatene tem nas mãos a missão de governar o Pará nos próximos quatro anos. A posse aconteceu na manhã de sábado, 1º de janeiro de 2011, no plenário da Alepa (Assembléia Legislativa do Pará), no bairro da Cidade Velha, em Belém, com a presença de autoridades do Estado.
Após sair da Igreja da Sé, onde assistiu a missa de ação de graças celebrada pelo arcebispo dom Alberto Taveira e pelo arcebispo emérito dom Vicente Zico, o, agora, Governador do Pará seguiu a pé para a Alepa para a cerimônia de posse.
Jatene foi recebido com honras militares na Assembléia e entrou no plenário sob aplausos de autoridades. No local estiveram também cerca de 56 militares e 20 agentes de segurança para garantir a tranquilidade.
Na cerimônia, Jatene assumiu o juramento: ‘Prometo manter, defender, cumprir e fazer cumprir as constituições do Brasil e do Estado do Pará (…) com objetivo de ajudar a construir uma sociedade livre, justa e solidária.’ Em seguida, o vice-governador Helenilson Pontes foi empossado no novo cargo.
Em seu primeiro discurso oficial como Governador do Pará no sábado (1º), Simão Jatene saudou autoridades e amigos, agradeceu a Deus pela oportunidade e salientou:
‘Estou aqui para servir a todos no Governo do Pará. Para isso, trago meus valores (…) para ajudar, especialmente, os que mais precisam. À confiança (do povo paraense), só posso agradecer com trabalho. Agradeço aos familiares e às pessoas mais próximas e, de forma muito, muito profunda aos militantes (…) que mostraram que minha campanha estava sendo realizada com muitas vozes e corações. (..) Precisamos corresponder às expectativas dos milhões que constroem este Estado com o suor do seu rosto e o calo de suas mãos’
Além disso, Jatene destacou três setores básicos que considera essenciais. ‘Devemos priorizar a Saúde, a Segurança e a Educação’, disse. Veja abaixo alguns trechos do que Simão Jatene falou sobre estas áreas.
Sobre a Saúde, o novo Governador do Pará falou: ‘Dois novos hospitais irão se somar aos cinco construídos no nosso primeiro governo e, em parceria com as prefeituras, vamos modernizar os hospitais municipais’.
Sobre a Segurança: ‘É importante também investir em todo o sistema de segurança, mas é igualmente importante criar e cultivar a cultura da paz. Isto significa acabar com o conflito e caminhar para a Paz, tão desejada pela população.’
Sobre a Educação: ‘Construir e manter escolas são tarefas do cotidiano do poder público. O que precisamos fazer é criar homens e mulheres. Esta é a prioridade do nosso governo.’
Simão Jatene finalizou o discurso como Governador do Pará ressaltando o sentimento que vai levar em sua gestão: ‘É com muita humildade frente à grandeza deste Estado que volto assumir o governo do Pará’, disse.
Faixa – Após as honras militares, a faixa de Governador do Pará foi entregue, exatamente às 11h34 do dia 1º de janeiro de 2011, pela ex-Governadora Ana Júlia Carepa, sob todas as cerimônias tradicionais que precedem o evento e, em seguida, assistiu ao desfile da tropa militar.
Perfil – Filho de um imigrante libanês com uma nordestina, Simão Jatene nasceu em Belém, mas foi criado em Castanhal. Se formou em Economia pela Universidade Federal do Pará e fez mestrado na mesma área na Universidade de Campinas (SP).
Em 1982, participou da primeira eleição direta para governador depois da ditadura militar. Já ocupou cargo de secretário de Planejamento do Estado em dois governos e secretário geral do Ministério da Previdência, quando participou da criação do Ministério da Reforma Agrária. Em 1988, foi um dos fundadores do PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira). Também já foi secretário de Produção.
Foi eleito governador do Pará em 2002. Nas eleições de 2010, Simão Jatene voltou a ocupar o maior cargo do Executivo paraense.

ORM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *