Falta d`água incentiva comércio do líquido precioso em Monte Alegre

Prefeito Jardel Vasconcelos - PMDB

O preço varia de R$ 15,00 a 25 reais por mil litros, a pergunta que se faz é a seguinte: pore onde anda o prefeito Jardel Vasconcelos, que obriga o povo da cidade a tantos sacrifícios? Verdade é que o prefeito de Monte Alegre,  ganhou mais um grupo de cidadãos e cidadãs revoltados com o seu desgoverno. Cansados de ter que conviver sentindo o mau odor de lixos acumulados nas ruas; um grupo de jovens uniu-se em mutirão e juntos foram as ruas coletar toneladas e mais toneladas  de lixo doméstico, acumulados nas principais ruas da cidade a mais de um mês.  Na cidade, as ruas da periferia estão intrafegáveis, a escuridão prolifera e o prefeito, desaparece. O grupo de jovens,. Intyefgrantes do esqudrão anti-sujeira, ainda não pitaram acara, nem formas as ruas pedir pelsa saída do alcaide de Monte Alegre, mas caso isso aconteça…

Nos bairros da periferia, o lixo acumulado se transforma em criadouro do mosquito da dengue; causam doenças constantes em crianças e idosos e, o alcaide “não está nem aí”, uma moradora do bairro da Terra Amarela, infelizmente é mais uma dentre tantas que reclamam da inoperância do prefeito. Todo o lixo doméstico arrecadado foi levado pelos organizadores do mutirão, para a frente da “ casa prefeitura” que como sempre, estava fechada. Ninguém do (des) governo Jardel compareceu para receber os manifestantes e muito menos o lixo que foi arrecadado.

A cena bem poderia ser no município de Monte Alegre...
A cena bem poderia ser no município de Monte Alegre...

Por: Carlos Cruz

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *