Cais da Avenida Tapajós está se deteriorando

Apesar dos apelos, nada foi feito

Quem passa pela avenida Tapajós se depara com o descaso das autoridades locais com o cais. Os transtornos estão aparentes, mas nada é feito.

As rachaduras aumentam a cada dia, e a preocupação das pessoas que frequentam local é que, no período chuvoso, o cais ceda. Grande parte da lateral já se desprendeu da base, mas mesmo assim as embarcações continuam atracando. Não existe nenhuma fiscalização.

Percebendo o perigo eminente, a população deixa o apelo.

“‘Tá’ faltando uma reforma nele, porque vem a enchente e a água pode passar para dentro da cidade. Aí fica ruim pra a gente transitar aqui”. Alerta o agricultor Enildo Carvalho.

Na Vila Arigó a situação não difere muito, os moradores afirmam que o problema já é antigo, e parte do cais já desabou.

Quem transita pelo local teme que as crateras, que já existem, aumentem com o período das chuvas. “E a gente não tem mais condições. Quando chove é só lama, ninguém pode andar nem descalço. Fica horrível”. Reclama Raimundo de Lima, vendedor ambulante.

Novo porto

As obras no Novo Porto, localizado na Prainha, continuam. A primeira etapa da obra, que consiste na construção de dois flutuantes, deve ser entregue no dia 22 de junho, no aniversário de Santarém.

Tâmia Lacerda com informações de Márcia Andrade

Um comentário em “Cais da Avenida Tapajós está se deteriorando

  • 19 de Janeiro de 2011 em 16:56
    Permalink

    Tem que cuidar senão vai tudo “água abaixo” e que sofre é o povo que paga os altos tributos.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *