Descaso – Prefeitura abandona escolas do Município

Escolas em várias localidades do Município, que tiveram suas obras iniciadas em 2008, até hoje não foram concluídas e estão se deteriorando

A pedido de moradores de várias comunidades, iniciamos a partir desta edição uma série de reportagens especiais sobre a educação do Município.
Ao percorrermos áreas da BR e ribeirinha constatamos que o Poder Municipal iniciou há dois anos a construção de um bom número de escolas, que segundo comunitários, após o pleito de 2008 a Prefeitura literalmente abandonou essas obras.
O descaso do poder público com as escolas causou estragos de centenas de sacos de cimento, devido as comunidades estarem localizadas distantes da cidade de Belterra. O desperdício de materiais está sendo levado ao conhecimento da população, através de denúncias feitas pelas próprias comunidades.
Na segunda-feira, dia 17, a reportagem do Jornal O Impacto visitou a comunidade de São João (Travessão, Km 115 da BR 163), onde encontramos uma das muitas escolas da rede municipal inacabada e cercada de mato. A moradora Maria das Dores nos informou publicamente que há mais de um ano a secretária de educação Dilma Serrão não comparece naquela localidade. “Precisamos urgentemente da presença da secretária Dilma Serrão em nossa vila, mensalmente recebemos a merenda escolar, porém, estamos sem panelas, pratos, colheres para fazer e servir a merenda de nossas crianças. Grande também é a nossa carência de material didático”, disse a moradora.
Na comunidade de Betânia – km 140 há outra construção de escola esquecida pelo Poder Público. Nossa reportagem encontrou no terreno da escola uma caixa d’água destampada, onde há proliferação do mosquito da dengue. Ao serem informados da omissão das autoridades com as escolas do interior da Bela Terra, professores aposentados, que não quiseram gravar entrevista, disseram para a imprensa na manhã de terça-feira que na época em que Belterra era distrito de Santarém o alunado andava quilômetros para chegar até o educandário e pouco se falava em recursos dos governos, os professores recebiam pagamentos rigorosamente em dias. Atualmente a Secretaria de Educação mensalmente recebe milhares de reais de programas dos governos Estadual e Federal, no entanto, a educação belterrense está mergulhada em uma das maiores crises financeiras já presenciada pelos habitantes do principado.
Os professores aposentados finalizaram dizendo que alguns líderes do Sindicato dos Profissionais de Educação e do Conselho Municipal de Educação de Belterra são funcionários da Prefeitura, o que contribui para que as instituições em certas circunstâncias sejam inoperantes.

Por: N. Silva / Fone:  (93) 9194-4597

Um comentário em “Descaso – Prefeitura abandona escolas do Município

  • 25 de março de 2011 em 02:41
    Permalink

    BRINCADEIRA CADÊ O PREFEITO, MAIS UMA DIGO MUDANÇAS JÁ!!!!!!!!!!!!! EU FUI UM DOS PRIMEIROS PROFESSORES DE BELTERRA A LECIONAR EM COMUNIDADES RIBEIRINHAS E FALO COM TODA CERTEZA SÃO PESSOAS DE GRANDE CORAÇÃO E QUE NECESSITAM DE ESCOLA PARA PODER UM DIA ALMEJAR ALGO NA VIDA. FORAM OS MOMENTOS DA MINHA VIDA QUE APRENDIE A VALORIZAR A HUMILDADE, A SIMPLINCIDADE E ACIMA DE TUDO A FRATERNIDADE QUE CADA COMINIDADE TEM EM SEU MEIO , SÃP PESSOAS SIMPLES SMAIS DE GRANDE CORAÇÃO E TALENTO PRA DAR E VENDER, O GOVERNO PASTANA PRA MIM É LAMA…….

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *