Manuel Pereira presta conta de sua administração na Prefeitura

Manuel Pereira presta conta de quatro meses na Prefeitura

No dia 30 deste mês, o prefeito de Aveiro, Manuel Pereira, estará fechando o quadrimestre relativo aos quatro meses de governo, considerando como positivo já que neste período foram executadas obras de 150 km de estradas, construídas as escolas São Tomé com 22 x 09 m, quatro salas, refeitório, enfim, dentro dos padrões exigidos pelo MEC.
Além das obras acima citadas, o Prefeito explica que o patrimônio do Município cresceu com recuperação de duas caçambas, mais duas caçambas novas conseguidas através de convênio com o Estado, aquisição de um caminhão F 4000 traçado, um trator jerico, com implementos agrícolas.
Outras ações importantes neste período estão na limpeza pública na sede, com colocação de bueiros, ruas aterradas que evitam alagamentos em período chuvoso. Na comunidade de Santa Cruz foi ampliada a rede elétrica em mais uma rua; foi concluída a reforma do Trapiche de Brasília Legal que ganhou, também, em regime de mutirão entre Prefeitura e comunidade um muro de arrimo (em frente a Igreja São João batista) para proteger Brasília Legal de desabamento de terras.
O Prefeito de Aveiro relaciona, ainda, como ação nos quatro meses de governo, o bloqueteamento de 900 metros na Rua Humberto Frazão, na ordem de investimentos de R$ 315.000,00, já em fase de execução; poço artesiano de Araipá (concluído) no valor de cinqüenta e um mil reais; poço artesiano de Brasília Legal, com 65 metros, também com recursos próprios.
Ao jornal O Impacto, o Prefeito convicto, afirma que esse episódio da conturbada eleição da Câmara em nenhum momento comprometeu a governabilidade de Aveiro, sendo mantida sua estabilidade, estando Aveiro com os salários de todos os servidores em dias, assim como também pagamento de fornecedores de Aveiro, Itaituba e Santarém. Isso ocorre, segundo Prefeito, porque seu governo tem planejamento, onde as metas são cumpridas em cronogramas bem elaboradas de acordo com os trâmites legais determinados pela Lei de Responsabilidade Fiscal.
Manuel Pereira assegura que independente de quem seja o vencedor da eleição para Câmara de vereadores, repassará o Município com contas saneadas e administrativamente bem estruturado. Quanto ao que ele considera onda de calúnia e difamação em alguns blogs e outros veículos na imprensa, disse que está tranqüilo e por essa razão é que não está respondendo certas críticas que ele considera sem nenhum fundamento, já que são feitas por pessoas que têm interesse direto na questão, motivadas por razões políticas apenas.
Nesse sentido, faz um questionamento: ”Se essas pessoas tinham denúncias contra mim, por que não fizeram antes? Se tinha veracidade, por que só agora? Isso seria uma maneira de tentar desestabilizar nosso governo que está indo bem?”. Manuel Pereira garante que está deixando o cargo de Prefeito de cabeça erguida e com o forte sentimento do dever cumprido, afirmando não ter prejudicado ninguém, inclusive trouxe melhorias com aumento de salários e que todas as críticas negativas feitas ao seu governo não passam de mera politicagem
Outra forte razão para desmentir as críticas injuriosas ao seu governo, segundo Sales, é sua trajetória política na região, onde está na vida pública desde 1985, iniciando em Ruropólis, onde chegou a assumir o cargo de Sub-Prefeito em 1986; posteriormente Secretário de Obras com o então prefeito Zericé Dias; se elegendo Vereador em 1992; continuando sua carreira política em Aveiro onde presidiu  por duas vezes a Câmara de vereadores e onde construiu um prédio novo e equipado.

Recuperação do Trapiche Municipal

Por: Assessoria de Imprensa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *