Secretaria de saúde realiza campanha contra hanseníase

Secretário de Saúde Gilson Macedo junto com sua equipe de trabalho

Janeiro e fevereiro é o período da campanha de combate a Hanseníase. No município de Placas, a Secretaria de Saúde tem se mobilizado em favor da campanha. Profissionais da área têm se empenhado, buscando atender as necessidades e conscientizando as pessoas que Hanseníase tem tratamento.

Segundo orientação da Secretaria de Saúde, Hanseníase é uma doença que atinge a pele e os nervos dos braços, mãos, pés, rosto, orelhas, olhos e nariz. O tempo entre o contágio e o aparecimento dos sintomas é longo, pode variar de 2 até mais de 10 anos.

A Hanseníase pode causar deformidades físicas, que podem ser evitadas com diagnósticos no início da doença e o tratamento imediato. Uma das orientações da campanha é para que as pessoas que já foram diagnosticadas e iniciaram o tratamento, não o interrompam, pois é de suma importância manter o medicamento, pois só assim pode ser curado.

Uma vez iniciando o tratamento, esta pessoa continuará levando uma vida normal no trabalho, na família e na sociedade. Também é importante que as pessoas que estejam em tratamento procurem um posto médico para receber a vacina, só assim ficará imune da doença.

A campanha de Combate a Hanseníase está sendo feita de forma clara e objetiva, através de orientações com palestras, distribuição de folders e panfletos e este trabalho se propaga por meio de comunicação e trabalhadores da saúde, bem como com os Agentes Comunitários de Saúde e demais profissionais coordenadores da campanha.

O secretário municipal de saúde, Gilson Macedo, disse que junto com sua equipe buscará os meios mais viáveis para combater este mal e garante que no que depender de sua secretaria, trabalhará diuturnamente em prol da campanha.

Jornal O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *