Caravana do Sindicato dos Bancários chega a Santarém na sexta-feira

Uma caravana do Sindicato dos Bancários do Pará estará na cidade de Santarém nesta sexta-feira, 18 de fevereiro, para visitar as agências bancárias da cidade, a fim de apurar as condições de trabalho e segurança nas mesmas. Além disso, a diretoria do Sindicato terá audiência com a prefeita Maria do Carmo para apresentar a proposta de Projeto de Lei para combater a prática do crime de saidinha bancária na cidade. A mesma programação também acontecerá amanhã (17) no município de Alenquer.

Desde o dia 15 essa caravana está visitando os municípios da região Oeste do Pará. A primeira cidade a receber a diretoria do Sindicato será Óbidos, onde foram percorridas as agências de Bancos públicos e privados, quando dialogaram com a categoria e apuraram como andam as condições de trabalho e segurança nas unidades e as principais demandas das trabalhadoras e trabalhadores bancários.

Nesse período, o Sindicato também irá percorrer alguns municípios estratégicos do Baixo-Amazonas, mais precisamente Oriximiná, Alenquer, Monte Alegre e Santarém, com o objetivo de fortalecer a presença da entidade e estreitar os laços com a categoria naquela região.

“Nosso objetivo com a caravana que fazemos mensalmente é justamente aproximar o Sindicato dos bancários e bancárias que trabalham em municípios mais distantes da nossa sede em Belém. Na região do Oeste paraense, temos olhado com carinho para as necessidades dos nossos colegas, prova disso foi a construção da subsede do Sindicato em Santarém, além dos plantões jurídicos, cursos de formação e ampliação dos nossos convênios na região. A nossa gestão quer fazer o Sindicato mais presente em todas as regiões do Pará”, afirma Rosalina Amorim, presidenta do Sindicato dos Bancários do Pará.

Saidinha – Outro objetivo dessa ida ao Oeste paraense é apresentar aos prefeitos das cidades que serão visitadas o Projeto de Lei formulado pelo Sindicato para combater o golpe da “saidinha bancária”.

“Esse tipo de crime contra os clientes e usuários dos bancos é recorrente não apenas na região metropolitana de Belém, mas também aqui em Santarém e demais municípios próximos. Esperamos que esse Projeto de Lei seja bem recebido pelos prefeitos aqui da região, e que o mesmo possa ser efetivado o quanto antes, pelo bem da segurança da população”, ressalta a presidenta.

Da Redação

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *