São Raimundo goleia Rio Branco por 6 a 0 e São Francisco perde para Princesa do Solimões

Atacante Bilau foi o craque do jogo ao marcar dois gols
Atacante Bilau foi o craque do jogo ao marcar dois gols

A goleada alvinegra começou a ser desenhada logo cedo. Isso porque, assim que a partida começou os donos da casa foram para cima dos adversários e logo aos nove minutos abriu o placar – com Tiago. Aos 16 minutos, Bilau marcou o segundo e Tony Love fez o terceiro aos 26. A partir dai o time só teve que administrar o placar, tendo em vista que o Rio Branco pouco pode fazer após este início de partida. Na segunda etapa, Dedego fez o quarto gol – aos oito minutos –, Bilau o quinto – aos 13 – e Tony Love o sexto – aos 23. Após esta enxurrada de gols, os alvinegros ainda tentaram marcar o sétimo, mas o placar terminou desse jeito.

PRÓXIMOS COMPROMISSOS: O São Raimundo encerra a sua participação na primeira fase da Série D no próximo fim de semana, contra o Rondoniense no estádio Aluísio Ferreira. Já o Rio Branco encara o Náutico-RR na Arena da Floresta, mas só cumpre tabela.

PANORAMA: A vitória confirma a classificação do São Raimundo como o primeiro colocado do grupo A3, com 13 pontos. Os santarenos estão invictos na competição e até o momento não levaram nenhum gol. Do outro lado, o Rio Branco não permanece na lanterna da chave e não tem mais nenhuma chance de avançar para a próxima fase do certame.

CLEVERSON: O goleiro pode ter levado seis gols na partida, mas sem dúvida foi o principal nome do Rio Branco em Santarém. Responsável por algumas boas defesas, ele mostrou que se não fosse ele, o resultado poderia ser bem mais elástico.

BILAU: O folclórico atacante do São Raimundo mostrou mais uma vez o porquê de ser tão querido pelos torcedores alvinegros. Além de marcar dois gols na partida, ele mostrou que não é ambicioso e deu assistência para outros três gols e participou da jogada de mais um. Aos poucos, o atacante vai deixando a reserva de lado e conseguindo espaço entre os titulares.

PÚBLICO E RENDA

Público pagante: 1.328
Não pagantes: 748
Total: 2.076
Renda: 19.415,00

SÃO FRANCISCO PERDE DE 2 x 0 E PARA SE CLASSIFICAR TEM QUE VENCER O BARÉ EM SANTARÉM

Jogadores do princesa comemoram vitória e classificação antecipada
Jogadores do Princesa comemoram vitória e classificação antecipada

Após um empate e uma derrota nas duas primeiras rodadas, o Princesa do Solimões dava sinais de que teria dificuldade de conseguir a classificação para a próxima fase da Série D. No entanto, conseguiu no domingo a terceira vitória seguida (duas contra o Palmas) e cravou com uma rodada de antecedência a classificação. O passaporte foi carimbado no domingo, às 15h30 (16h30 de Brasília), no estádio Gilbertão, em Manacapuru (a 86 quilômetros de Manaus) com a vitória por 2 a 0 sobre o São Francisco, em partida válida pela quinta rodada.

Com a vitória, o Princesa do Soimões chega aos 10 pontos no grupo A2 da Série D. O São Francisco fica com os cinco pontos, na terceira posição. Na última rodada, uma derrota não afetará a classificação dos amazonenses na próxima fase. Isso porque no outro jogo da última rodada, o Leão Santareno, que pode chegar aos 8, enfrenta o Palmas-TO, que tem sete e pode chegar aos 10.

VITÓRIA VEM NO SEGUNDO TEMPO: Na primeira etapa do jogo, apesar do sol forte, o Princesa do Solimões se impôs mais na partida. Jogando ao lado da torcida, a equipe de Manacapuru buscou o gol o tempo todo, mas os atacantes pararam nas mãos do goleiro Alencar Baú, que estava inspirado. A primeira grande chance do time amazonense ocorreu aos 10 minutos. Michel Parintins chutou forte, o goleiro do Leão defendeu a primeira e depois também tirou a bola de Edinho Canutama. Outra boa chance ocorreu aos 14 com Jefferson. Ele recebeu na frente e mandou um balaço na trave. O time amazonense ainda chegou com perigo aos 32, quando novamente o arqueiro do São Francisco entrou em cena, ao defender duas vezes as bolas de Danilo de cabeça e depois Deurick no rebote.

Aos 44 do primeiro tempo teve um lance polêmico. Aleilson lançou a bola para Jefferson Monte Alegre e a bola tocou na mão de André Lima, dentro da área, e o jogador do São Francisco marcou o gol. O árbitro marcou pênalti, mas depois voltou atrás e atendeu ao assistente e marcou o impedimento do atacante do Leão. Os jogadores santarenos ficaram na bronca.

Na segunda etapa, o São Francisco voltou melhor e conseguiu equilibrar a partida. Samuel e Jefferson Monte Alegre passaram a ser mais acionados. Porém, o Princesa aos poucos se recuperou e fez dois gols em um intervalo de dois minutos. Após perder chances com Toró aos 15, Jefferson aos 19 e 30, o Tubarão abriu o placar aos 36 minutos, de pênalti. Jefferson foi derrubado na área e Guilherme converteu. Dois minutos depois, aos 38, Jefferson fez tabela com Edinho Canutama e marcou o segundo do Princesa.

Fonte: RG 15/O Impacto e G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *