Bocão Ed. 1122

bocao-01PREFEITURA TIRA VANTAGEM

Alguns servidores estão sendo forçados a assinar um requerimento abrindo mão de 1/3 das férias. Prefeito, é Lei, o crime de responsabilidade pode ser aplicado, já que é um direito adquirido e Vossa Senhoria não pode forçar que servidores abram mão. Mesmo que eles assinem, não possui segurança jurídica. Sugiro a esses servidores que procurem o Ministério Público do Trabalho e formalizem uma reclamação.

bocao-02RECEITA FEDERAL

O servidor público Rodolfo, da Receita Federal, encontra-se em Itaituba desenvolvendo um excelente trabalho, promovendo apreensão de mercadorias sem nota fiscal e exigindo a sua procedência. O trabalho do Rodolfo está sendo elogiado pelos empresários de Itaituba. Segundo informação, Rodolfo já promoveu apreensão de várias mercadorias sem nota fiscal de compra. Isso é trabalho honesto, ele é um servidor dedicado e responsável na função pública.

bocao-03SHOPPING ABUSADO

O gerente do shopping  Rio Tapajós está agindo com abuso e merece ser denunciado na Polícia, Ministério Público e Justiça. O gerente retém na marra as mercadorias das empresas, lacra as dependências para exigir que a pessoa só saia de lá se pagar. Esse idiota deveria saber que existe um contrato com garantia em valores ou bens imóveis para cobrir as despesas. Os empresários prejudicados devem ingressar na Justiça com ação de indenização pelo constrangimento e com ação para liberar as mercadorias e equipamentos.

SHOPPING ABUSADO 2

É ilegal esse procedimento. Esse gerente pode ser preso pelo que vem fazendo lá. Se fosse comigo eu quebrava tudo e tirava na marra as minhas coisas de lá. Tomei conhecimento que a direção do shopping Rio Tapajós não cumpriu com o contrato e as empresas devem ingressar também com ação de indenização, pois iludiram as empresas no início do contrato. Alguém tem que se manifestar e fazer com que esse gerente respeite os direitos dos empresários e acabar com esse abuso fora da lei.

bocao-04BR 163

Acreditamos que o Prefeito eleito Nélio Aguiar, trará para o Município a responsabilidade da BR 163, transformando em zona urbana, para evitar a falência das empresas localizadas naquela área, que antes funcionavam normalmente sem prejuízos, já que o comércio naquela área caiu mais de 60%. Os policias rodoviários não estão nem aí, seus salários estão garantidos.

bocao-05PRESSÃO X CORRUPÇÃO

No momento de crise econômica que o País atravessa e que tem infligido enormes dificuldades para que os contribuintes se mantenham em atividade e possam adimplir regularmente suas obrigações, decisões são tomadas pela SEFA que possuem efeito devastador e não contribuem para a satisfação do desenvolvimento. As apreensões das mercadorias para forçar o pagamento de tributo, sem o devido processo legal, é uma porta aberta para a corrupção. Servidor de fronteira não possui poder para exigir recolhimento de ICMS de imediato, deve emitir o DAE com vencimento e entregar ao contribuinte, caso não recolha o imposto, se for devido, encaminhar à Procuradoria para cobrar e não forçar o pagamento de imediato. É com esse procedimento à margem da Lei, que se abre a estrada para corrupção. Alertamos a Justiça que alguns servidores impõem suas próprias leis.

bocao-07PRESSÃO X CORRUPÇÃO 2

A SEFA faz a apreensão e nomeia terceiros como fiel depositário, sem nenhum vínculo com o contribuinte prejudicado, enquanto deveria ser o próprio contribuinte o fiel depositário. As empresas regulares têm suas mercadorias apreendidas e quando o contribuinte procura as autoridades para reclamar, não possuem apoio. A SEFA com esses procedimentos força o contribuinte a recolher imposto indevido, sem o direito à ampla defesa, enquanto deveria agir em cumprimento à lei. Alertamos à Justiça que alguns servidores impõem suas próprias leis.

PRESSÃO X CORRUPÇÃO 3

O Governo do Pará e os deputados deveriam mudar a lei e procedimentos de alguns servidores para acabar com esses abusos à margem da lei, para evitar corrupção. Nada fazem para garantir os direitos dos contribuintes. A operação de apreensão de mercadoria sem o cumprimento da lei é abuso e arbitrariedade de alguns servidores da SEFA. Esse procedimento deveria servir para exigir desses servidores o cumprimento da lei e punir os procedimentos abusivos e arbitrários de alguns servidores e, os que possuem cargo de chefia deveriam analisar melhor as reclamações e não apoiar atitudes irresponsáveis desses servidores.

PRESSÃO X CORRUPÇÃO 4

O posto fiscal instalado na Serra do Cachimbo deve analisar melhor a situação e indicar como fiel depositário o próprio contribuinte. Isso não é feito, nomeiam terceiros que não possuem vínculo com a mercadoria. Abusos vêm sendo cometidos e quando são levadas às autoridades elas não fazem nada, dificultam a situação. Tem que mudar esses procedimentos para não abrir caminho para a corrupção. Alertamos à Justiça que alguns servidores impõem suas próprias leis.

PRESSÃO X CORRUPÇÃO 5

Está difícil trabalhar com os servidores da Serra do Cachimbo, não respeitam a lei, forçam o pagamento de imposto antecipado, enquanto que o procedimento não é esse. Devem emitir o DAE e outros documentos. Porém, isso não é feito. Não existe interesse das autoridades de Belém em resolver a situação. O negócio é passar o problema para Polícia Civil na pessoa do Diretor Geral, Dr. Rilmar Firmino, profissional competente e honesto, para as providências. Alertamos à Justiça que alguns servidores impõem suas próprias leis, já que esse procedimento adotado na Serra do Cachimbo é ilegal e arbitrário.

Por: Emanuel Rocha

22 comentários em “Bocão Ed. 1122

  • 2 de dezembro de 2016 em 17:55
    Permalink

    Bocão quentíssimo! Essa denúncia que a Prefeitura está obrigando funcionários abrir mão de direitos trabalhistas deve ser apurada. Cadê o MTE? Se fosse alguma empresa privada já ia sofrer multa trabalhista. E ainda, o que a direção do Rio Tapajós está fazendo vai de encontro com a legislação vigente no país. Os empresários locais têm que meter processos neles, inclusive de indenização por danos morais e materiais.

    Resposta
  • 2 de dezembro de 2016 em 09:19
    Permalink

    Nada a ver a Cuiabá ser administrada pela Federal, tem que municipalizar. Fica dentro da cidade. Quero ver se o Nélio vai se garantir. Prometeu, vai ter que cumprir. Ou vai ser igual aos outros???

    Resposta
  • 2 de dezembro de 2016 em 09:17
    Permalink

    Nada a ver a Cuiabá ser administrada pela Federal, tem que municipalizar, não é Rodovia, é avenida. Fica em território urbano. quero ver se o Nélio vai se garantir, prometeu vai ter que cumprir…

    Resposta
  • 2 de dezembro de 2016 em 09:15
    Permalink

    Já ouvi falar cada uma dessa serra do cahimbo, que vou te contar…. Bocão, vou te mandar esses podres, quero sair na capa do impacto. hahahaha
    É muito roubo.

    Resposta
  • 2 de dezembro de 2016 em 09:14
    Permalink

    Se eu tivesse nesse shopping faria um escândalo se quisesse sair e alguém tentasse me impedir, tá louco?!?!?! Qu absurdo.

    Resposta
  • 2 de dezembro de 2016 em 09:13
    Permalink

    O Von tá mais sujo que pau de galinheiro, mas ele não tá nem aí, tá saindo para os braços dos rios de dinheiro que roubou!!!

    Resposta
  • 2 de dezembro de 2016 em 09:07
    Permalink

    Esse gerente do shopping é arbitario, não pode fazer isso. Tem que processar mesmo. Só o bocão que tem coragem de fazer isso.

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 18:02
    Permalink

    Além de cobrar pelo estacionamento ainda mas essa?????? querem lascar o povo mesmo. Usam do poder e autoridade para coibir a população de modo geral. Justiça neles.

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 17:57
    Permalink

    Von, fechando ano com chave de ouro, kkkkkk. Ninguém merece! Ou será que merece. Não votaram nele :-).

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 17:40
    Permalink

    Como assim a prefeitura esta querendo tirar o 1/3 das férias dos servidores? Pode isso, Ministério Público do Trabalho? Servidores, procurem seus direitos. Mas é muita sacanagem dessa prefeitura mesmo. Quer desviar esse dinheiro pra onde?

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 17:39
    Permalink

    Eu penso da seguinte forma: Para que seja possível a nomeação de fiel depositário é imprescindível fazer a comprovação inequívoca da propriedade do bem vindicado. Até onde se tem conhecimento a transportadora, que cobra muito alto por seus serviços, mais isso fica para uma próxima situação, traz junto com a mercadoria o DANFE (documento auxiliar da nota fiscal eletrônica) e em nenhum campo do documento menciona-se que a transportadora tem a aptidão para demonstrar e afirmar que tem a titularidade do bem, seus serviços são específicos, nem tampouco atestar a permanência do produto mercantil. Acredito que isso deveria ser revisado e mudado o método que sem apresentado, até hoje tem trazido transtorno para ambas as partes.

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 17:35
    Permalink

    A Sefa usa de todo tipo de procedimento arbitrário para fazer com que os empresários recolham impostos indevidos antes do prazo legal. Empresarios tem que se mobilizar para se defenderem.

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 17:35
    Permalink

    Sefa é uma putaria só!
    Os caras não tem ética, chegam na cara dura pra pedir dinheiro, corrupção é a praia deles
    Agora cadê uma porra de uma fiscalização em cima desses servidores?
    Quem pode parar esses corruptos de merda?

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 17:33
    Permalink

    Bota quente bocão. A melhor coluna do brasil, Não perco nenhuma. Bate mesmo sem pena assim que eu gosto.

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 17:32
    Permalink

    Alexandre Von não ganha mais nem pra vereador
    Foi a grande frustração de Santarém
    Muitos apostaram e quebram a cara.
    Afundou a população santarena
    Fez muita merda
    Agora é segurar as pontas com o que roubou
    Pq esse bicho não sabe administrar PN

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 17:31
    Permalink

    Enquanto esses servidores da SEFA não respeitarem os contribuintes e essas autoridades derem apoio pra eles, a bandalheira vai continuar os empresários devem procurar uma solução, acho que esses empresários devem são todos frouxos e medrosos ou estão comprometidos.

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 17:29
    Permalink

    Os empresários já estão sofrendo com essa crise horrível que se alastrou pelo país e ainda tem mais estes percalços para dificultar o trabalho de quem está na BR 163. Assim as empresas vao ter que fechar as portas mesmo.

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 17:28
    Permalink

    Esse prefeito Alexandre Von tá no desespero, tem que prestar contas com o Tribunal e tá sem saída .
    Sua carreira política tá acabada com esse governo de merda.

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 17:22
    Permalink

    Pessoal da prefeitura o prefeito não pode deixar de pagar 1/3 das férias, a prefeitura vai ser multada e o prefeito vai responder processo como bom colocou o bocão.

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 17:15
    Permalink

    Esses empresários do Shopping Rio Tapajos devem ingressar com um processo contra essa gerencia que usa de meios arbitrários e ilegais para cobrar os alugueis.

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 17:14
    Permalink

    estou de acordo com o bocão, quem sabe da dificuldade somos nos empresários. O certo é colocar gente competente que queira trabalhar e não forçar a situação, pra eles todas as empresas estão erradas, e nossos contadores dizem que a empresa está correta esses fiscais quando agente pede para ele olhar no sistema eles não querem olhar. So dizem que é Belém que resolve, Tá dificil trabalhar com esse pessoal da sefa no cachimbo

    Resposta
  • 1 de dezembro de 2016 em 16:56
    Permalink

    ESSE PESSOAL DA SEFA DA SERRA DO CACHIMBO DIFICULTA A SITUAÇÃO, ELES INVENTAM QUE A EMPRESA ESTÁ IRREGULAR É DIFÍCIL TRABALHAR LÁ. A POLICIA DEVE IR PRA LÁ E AGIR

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *