Polícia prende estelionatário se passando por titular da Semma

A Polícia Civil prendeu no final da manhã desta quarta-feira (21) o nacional Bruno Amaral, de 26 anos, após se passar pelo Secretário Municipal de Meio Ambiente de Santarém, Podalyro Neto e aplicar vários golpes na cidade. A Polícia informou que Bruno Amaral apresentava notas e pedia apoio financeiro de empresas da região para ações em prol do meio ambiente. Ele foi preso em um posto de combustíveis localizado na Avenida Tapajós tentando aplicar novo golpe contra um empresário.

O titular da Semma, Podalyro Neto, informou que o suspeito ligava para os comerciantes dizendo que era o Secretário e ao chegar aos estabelecimentos dizia que era seu irmão. “Fizemos o boletim de ocorrência e começamos acompanhar os passos dele. Hoje recebemos ligação de um empresário dizendo que ele tentou aplicar o golpe. Avisamos a Polícia e ele foi preso”, ressaltou.

A Polícia informou à nossa reportagem, que as conversas feitas pelo Whatsapp e os recibos de pagamentos dos empresários serão utilizados como provas. O secretário Podalyro Neto esteve na Seccional de Polícia Civil na tarde desta quarta-feira para prestar esclarecimentos sobre o caso.

Podalyro Neto denunciou estelionatário e Polícia ficou monitorando

GOLPE ANTIGO: No dia 29 de fevereiro deste ano, nossa reportagem publicou denúncia de um casal de empresários que foram vítimas desse mesmo estelionatário. Veja a matéria:

O período de crise que o País está enfrentando, além de ficar marcado pela determinação da população e os empresários de se manterem no mercado, também será lembrado pelo aumento expressivo de golpes aplicados por pessoas sem escrúpulos, de mente perversa, que buscam se dar bem à custa do trabalho e do sacrifício de terceiros.
Para os malfeitores de plantão, o céu é o limite [Quer dizer o inferno é o limite], e pessoas que estão desinformadas acabam se deixando enganar pelo papo envolvente desses golpistas. Os temas dos golpes são muitos variados, vão desde a venda ou compra de terrenos e carros, passando por empréstimos consignados, até a solicitação de patrocínio em nome de pessoas conhecidas na cidade.

Um casal de empresários do município de Santarém, oeste do Pará, entrou em contato com nossa redação, para relatar o golpe aplicado por uma pessoa, que utiliza o nome do Secretário Municipal de Meio Ambiente, Podalyro Neto, para retirar dinheiro das vítimas, dizendo que é uma solicitação de patrocínio, realizada pelo Secretário.
“Quero avisar, para que nenhuma pessoa caia mais na conversar deste 171. Se alguém conhece essa pessoa, tome muito cuidado, é um golpista que está se passando por parente de pessoas conhecidas. Este homem veio na nossa empresa com um número de celular dizendo que era do Padalyro Neto, Secretário Municipal de Meio Ambiente, e que ele queria pedir um patrocínio. Meu marido ligou para o número, e falou com a pessoa achando que era o Padalyro. Prontamente ajudamos nesse dito patrocínio. Outro dia, coincidentemente encontramos com Padalyro, e meu marido perguntou se ele havia recebido o dinheiro. Com a negativa do Secretário, ficamos sabendo que é um golpe. Detalhe, esse homem diz conhecer todos da família, ele vai contando a história e citando o nomes”, desabafou a empresária vítima de estelionato.

Os empresários, que pediram para que seus nomes não fossem citados na matéria, informaram à nossa equipe de reportagem, que irão registrar o caso na Polícia, para que o autor do golpe seja identificado e preso.

Fonte: RG 15/O Impacto

 

Deixe uma resposta