Prefeito, vice e vereadores são empossados em Itaituba

Valmir Climaco e Nicodemos Aguiar foram empossados pela Câmara

Com o Espaço Português completamente lotado, e mais um bom número de pessoas na área externa, aconteceu no domingo (1º de janeiro), a posse dos vereadores, prefeito e vice-prefeito de Itaituba, eleitos no dia 2 de outubro e diplomados no dia 14 de dezembro.

Valmir Climaco e esposa com o vereador Peninha

Prevista para começar às cinco da tarde, a solenidade só foi iniciada trinta minutos depois do horário estabelecido, faltando dois vereadores, Davi Salomão e Diego Mota, que chegaram mais de dez minutos atrasados, quando os trabalhos já estavam em andamento. Ao todo, foram três horas e dez minutos de duração, sendo que mais da metade do tempo foi ocupada pelos oradores, pois além de todos os vereadores empossados, do vice-prefeito e do prefeito, alguns convidados também se pronunciaram.

De um modo geral, a solenidade foi muito bem organizada pela Câmara e bem conduzida por Salomão Silva, que procurou dar dinamismo aos trabalhos para evitar cansar demasiadamente o público. Porém, para não dizer que foi tudo perfeito, a imprensa saiu reclamando do espaço muito pequeno que lhe foi reservado, o que fez com que fotógrafos, cinegrafistas e repórteres ficassem espremidos. Feita a composição da mesa, presidida pelo Vereador de mais idade, João Bastos Rodrigues, tendo Peninha como secretário “ad hoc”, procedeu-se a posse dos vereadores, que fizeram o juramento de praxe como manda a lei. Em seguida o mestre de cerimônia leu documentos atinentes à eleição da mesa diretora da Câmara Municipal para o biênio 2017/2018.

Nova Mesa Diretora da Câmara Municipal de Itaituba

MESA DIRETORA DA CÂMARA: Como apenas uma chapa foi registrada na secretaria da Câmara, já de posse de seus mandatos, os vereadores foram consultados pelo presidente da mesa, vereador Cebola, se eles concordavam que houvesse aclamação, uma vez que se tratava de chapa única. Como ninguém se manifestou contrário, o processo de eleição por aclamação foi aprovado por unanimidade. Esse fato fez com que se ganhasse, pelo menos, trinta minutos que seriam gastos, no caso de haver votação.

A mesa diretora da Câmara Municipal para a primeira parte da 18ª Legislatura (2017/2018) ficou constituída pelos vereadores: João Bastos Rodrigues (PDS), presidente; Dirceu Biolchi (SD), vice-presidente; Emanuel Júnior Pires (PSC), primeiro secretário; Manuel Dentista (PSDB), segundo secretário e Diego Mota (PTN), terceiro secretário.

Valmir Climaco recebe faixa da professora Antonieta Lima

POSSE DO PREFEITO E VICE: Em seguida começou a cerimônia de posse do prefeito Valmir Clímaco e do vice Nicodemos Aguiar, que obedecendo ao ritual, foram conduzidos por vereadores líderes de partidos até o local. E diante de muitos aplausos, Valmir viu cumprida mais uma etapa de seu sonho de chegar ao poder pelo voto direto. A primeira parte desse sonho foi na diplomação pela Justiça Eleitoral, como vencedor da eleição.

Havia uma expectativa muito grande a respeito da possibilidade da ex-prefeita Eliene Nunes comparecer para passar a faixa ao novo prefeito, mas, isso não aconteceu, e nem tampouco o vice, Raimundo Santos Pimentel foi ao local. Coube à professora Antonieta Lima cumprir essa parte da cerimônia, entregando a faixa de prefeito a Valmir. A última parte da solenidade foi reservada para os discursos, sendo destinados cinco minutos para que cada um dos vereadores pudesse se pronunciar. Alguns passaram um pouco, enquanto outros não chegaram a utilizar o tempo todo. O vereador Peninha foi o orador oficial da Câmara. Também usaram a palavra, os deputados Hilton Aguiar e Chapadinha, e o procuradoR do Estado, Aldir Viana, filho de Itaituba.

Valmir com os deputados Hilton Aguiar e Chapadinha

Hilton disse que Itaituba deixou de receber alguns benefícios do Estado porque a ex-prefeita Eliene Nunes se recusou sempre a dialogar com ele. Também o deputado Chapadinha afirmou que o município deixou de receber mais de R$ 3 milhões de emendas suas por conta disso. Em sua fala, o prefeito recém-empossado ratificou pontos que já são de amplo conhecimento da população, como compra de equipamentos pesados para o setor de infraestrutura, atenção especial à saúde e à educação, austeridade nos gastos da prefeitura e muita disposição para trabalhar. Depois, a festa continuou na rua em frente ao Espaço Português.

Fonte: RG 15/O Impacto e Jota Parente

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *