Motoristas embriagados provocam acidente e matam ciclista

O grave acidente aconteceu por volta de 23h45 de terça-feira (18), na Travessa E, entre as ruas 11 e 12, bairro Alcione Barbalho. De acordo com relato de moradores, pai e filho que moram na área de ocupação conhecida como Bela Vista do Juá, realizavam um racha, quando o veículo dirigido por Raimundo Feitosa de Almeida, 40 anos, colidiu com o carro dirigido por seu filho, Roni Carlos Barbosa, 19 anos. Após o impacto, os dois veículos perderam o controle, sendo que o veículo dirigido por Raimundo atropelou e matou o trabalhador autônomo João de Sousa Neto, 32 anos, que estava na via em uma bicicleta, retornando para sua residência no bairro Alvorada.

A velocidade em que o veículo percorria a via era tão grande, que a vítima teve uma perna e parte de um dos braços arrancados, os quais foram localizados a vários metros de distância onde João foi atingido.

Conforme informações da policia, pai e filho estavam bebendo em um bar localizado as margens da Avenida Fernando Guilhon, quando saíram em alta velocidade pelo bairro Elcione Barbalho. O resultado do teste do etilômetro comprovou que o rapaz de 19 anos estava alcoolizado. O pai foi retirado das ferragens do veículo e encaminhado para o Pronto Socorro Municipal (PSM) onde continua internado, sob custódia da polícia.

A esposa de Raimundo que também estava no veículo, também ficou ferida. O delegado plantonista da 16ª Seccional de Policia Civil, Herbert Farias Júnior, informou que, tanto o pai, quanto o filho responderão homicídio doloso.

RG 15 / O Impacto

Um comentário em “Motoristas embriagados provocam acidente e matam ciclista

  • 19 de abril de 2017 em 11:18
    Permalink

    É revoltande como a irresponsabilidade de determinadas pessoas pode prejudicar diretamente outras que nada tem a ver com a situação. Uma pessoa que voltava do trabalho a essa hora da noite perde a vida por outros desoculpados, irresponsaveis que nao respeitam nem a propria vida. O que é pior, uma família inteira sem nenhuma responsabilidade. INACEITAVEL um “acidente” desses. Que a justiça seja feita.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *