58 detentos fugiram da Penitenciária de Americano, confirma Susipe

Dois presidiários de Santarém foram mortos na fuga. Robson (foto) conhecido pela alcunha de “cabo” e outro de apelido “Canibalzão”. Ao todo, está semana foram registradas 200 fugas nas casas penais do estado.

A Superintendência do Sistema Penitenciário (Susipe) confirmou naa sexta-feira (15) que 58 presos fugiram do Centro de Recuperação de Americano, em Santa Izabel, na última quarta-feira. Somados aos que escaparam da cadeia de Abaetetuba, são cerca de 200 foragidos no estado só esta semana, informou o órgão.

A policia ainda está à procura de 128 foragidos do Centro de Recuperação de Abaetetuba. “A grande maioria dos fugitivos foi encontrada em área de mata e o mal tempo tem atrapalhado bastante por causa da chuva”, diz o cabo da PM Augusto Maués.

Na tarde desta sexta-feira (15) os investigadores ouviram os presos que foram recapturados. Agentes penitenciários também prestaram depoimento. Uma equipe da Corregedoria Geral da Policia Civil investiga as circunstâncias da maior fuga do Pará este ano.

A fuga foi na noite da última quarta-feira. Os detentos simularam um pedido de socorro a um detento que supostamente estaria passando mal. Quando as celas foram abertas, três agentes prisionais foram feitos reféns e 155 internos fugiram. Essa foi a maior fuga registrada no sistema penitenciário do Pará nos últimos anos.

Moradores de áreas próximas ao presídio se assustaram com a fuga. “Muito grito e muito tiro”, diz a lavradora Rosalina Ferreira que mora perto dali. O Centro de Recuperação de Abaetetuba tem capacidade para 120 presos, mas abrigava quase o triplo, 345 detentos.

O presídio passa por ampliação. As obras começaram em junho deste ano e a conclusão está prevista para junho do ano que vem. O investimento é de mais de 10 milhões de reais.

Na quarta-feira teve outra fuga em massa, dessa vez no Centro de Recuperação Penitenciário de Americano, em Santa Izabel. Homens armados chegaram para fazer o resgate e houve troca de tiros. Dois presos foram mortos. Segundo a Susipe, 58 presos escaparam. A penitenciária estava com 420 presos além da capacidade.

Só este ano, houve 45 fugas de presídios no Pará. Em janeiro, a Justiça multou a Susipe em 10 vezes o valor do salário mínimo por descumprir uma determinação de 2014 para abrir 3.000 novas vagas no sistema penitenciário.

“A questão penitenciária precisa ser tratada como prioridade, porque se não for, a gente vai continuar tendo um problema na linha de frente com a população sofrendo diretamente os impactos da criminalidade”, diz o coordenador do Núcleo de Politica Penitenciária da OAB Graim Neto.

Depois da fuga em massa, Abaetetuba tenta voltar à normalidade. “O nosso policiamento aqui em Abaetetuba é muito pequeno”, diz o funcionário público Michel Marques.

RG 15 / O Impacto com informações do portal G1 Pará

Um comentário em “58 detentos fugiram da Penitenciária de Americano, confirma Susipe

  • 27 de dezembro de 2017 em 13:21
    Permalink

    ENQUANTO Ñ HOUVER PROJETOS PARA REABILITAÇÃO DE PRESOS. ESSE CEMÁRIO NUNCA VAI MUDAR.HOJE EM DIAS JÁ FORAM CRIDAS MUITAS LEIS,QUE NEM PASSAROS PODEM MAIA VIVER NA GAIOLA.IMAGINA UM SER PENSANTE,QUE FICA MUITAS VEZES PREZOS ANOS,POR PEQUENAS COISAS,EM VEZ DE LOGO ESTAR TRABALHANDO,MAS Ñ TEM QUE FICAR PRESO..”MENTE VAZIA É OFICINA DO DEMONIO”. TRANCAFIADO, SÓ PENSA EN FAZER OQUE Ñ PRESTA,SEN CONTAR CON OS ,ESQUECIDOS PELA JUSTIÇA. É ISSO QUE DÁ ORIGEM AS CHAMADAS ”REBELIÕES”.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *