Coluna Impacto Ed. 1177

POLÊMICA NA UFOPA

A presidente do Conselho Superior de Administração (Consad) e reitora da Ufopa, Raimunda Monteiro, solicitou, no dia 20 de dezembro, por meio do memorando nº 418/2017, que a Secretaria Geral dos Conselhos Superiores da Universidade, dê ciência aos membros do Consad sobre a decisão tomada pela Diocese de Santarém e posteriormente pela Administração Superior da Ufopa, de suspender as discussões que giram em torno do processo de aquisição do Seminário São Pio X. Desta forma, a pauta será retirada dos conselhos e torna-se desnecessária a manutenção da comissão especial do Consad, criada na reunião extraordinária de terça-feira, 19, para elaborar um parecer técnico sobre a viabilidade ou não da compra.

POLÊMICA NA UFOPA 2

A decisão da Ufopa ocorreu após a reitora ter sido notificada, oficialmente pela Diocese, de que as declarações públicas dos candidatos da chapa eleita para nova reitoria geraram insegurança na continuidade do processo de aquisição, orientado conforme as exigências da Portaria nº 324/2017, que tira a autonomia das Universidades em fazer aquisições de bens imóveis e veículos, centralizando no Ministério do Planejamento a decisão de compra. A equipe técnica da Ufopa cumpriu todas as exigências da referida Portaria, habilitando o MEC, a SPU e o Ministério do Planejamento a autorizar a aquisição, de modo que a compra fosse efetivada ainda em dezembro de 2017, possibilitando o início das reformas nos primeiros meses de 2018.

POLÊMICA NA UFOPA 3

Além do Seminário, apenas mais um imóvel foi apresentado durante o período de consulta, mas sem as exigências solicitadas no edital de convocação. A proposta está à disposição para consulta da comunidade. Com a compra condicionada a parcelamento, sendo uma entrada no valor de R$ 3 milhões e mais duas parcelas de R$ 6 milhões cada, em 2018 e 2019, devendo serem pagas na futura gestão; a Diocese, após reunir os membros do Conselho Presbiteral, optou pela suspensão da venda, até o momento sem possibilidade de reversão.

POLÊMICA NA UFOPA 4

A decisão da Ufopa busca amparo, também, nas reiteradas declarações divulgadas nos veículos de imprensa, nas redes sociais e em grupos internos da Ufopa, feitas pelos candidatos eleitos aos cargos de reitor e vice, sobre o desinteresse deles na compra e a defesa em permanecer ocupando o prédio do Amazônia Boulevard, até que outra solução seja encontrada para reduzir os custos com aluguel, que hoje somam R$ 425 mil/mês, apenas na unidade Boulevard. Um dos questionamentos dos candidatos é por que a publicidade da compra não ocorreu antes e após uma discussão com a comunidade acadêmica. A resposta é porque só agora, apesar de muita insistência prévia, o Ministério do Planejamento se posicionou sobre o tema.

BARRACAS PADRONIZADAS

Desde segunda-feira, dia 18, os vendedores ambulantes que atuam na Praça da Matriz, em Santarém, só podem trabalhar com barracas padronizadas. A ação é uma parceria do Ministério Público Estadual com a Associação dos Vendedores Ambulantes da Praça da Matriz. No domingo, dia 17, os vendedores, em mutirão, fizeram uma limpeza na Praça da Matriz. Segundo um vendedor, que pediu para não ser identificado, as pessoas que vêm de fora para vender na Praça só querem levar o dinheiro, mas deixam a sujeira toda espalhada pela Praça. Essa ação do MPE com a Associação dos Ambulantes, é para dar uma nova roupagem à Praça da Matriz.

RECESSO DE NATAL E ANO NOVO

Considerando a necessidade de contenção de despesas, as repartições públicas municipais entrarão de recesso no período do Natal e Ano Novo, com escalas de revezamento para que o funcionamento das instituições ocorra dentro da normalidade, no período de 18 a 25 de dezembro de 2017 e 26 de dezembro de 2017 a 1 de janeiro de 2018. O período estabelecido na Portaria Nº 285/2017, vale para as instituições municipais, com exceção da Procuradoria Geral do Município, que terá suspensão do funcionamento, com plantão para serviços essenciais, no período de 20 de dezembro de 2017 a 6 de janeiro de 2018, em decorrência do recesso forense. A Prefeitura de Santarém esclarece que durante o recesso, serão mantidos os serviços de mercados, feiras, limpeza pública e de saúde no Pronto Socorro Municipal, Hospital Municipal e Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24 Horas).

COSANPA VAI DANÇAR

Um Projeto de Lei de iniciativa do Poder Executivo que dá autonomia à Prefeitura para contratar empresas para gerenciar o serviço de saneamento, abastecimento e fornecimento de água no município de Santarém, foi aprovado pela Câmara Municipal de Santarém, na segunda-feira (18). Semanas atrás houve autorização do governo municipal para empresas interessadas a realizarem um estudo no Município sobre o saneamento. Agora, de fato, a Prefeitura está autorizada a fazer a contratação. Atualmente quem realiza o serviço é a Cosanpa, e com o Projeto aprovado a companhia poderá ser substituída. O vereador Henderson Pinto disse que essa mudança já deveria ter acontecido há tempos. Após a sanção do Projeto pelo prefeito Nélio Aguiar, um edital deve ser aberto para a contratação da empresa.

NOTA 10

Luís Alberto Pixica deu uma nova roupagem à cultura de Santarém. Em 2017 várias ações foram organizadas pela Secretaria de Cultura, entre os quais podemos citar o Çairé. Também marcou ponto com o Clube das Quintas, realizado na Praça do Mirante. Para fechar o ano com chave de ouro, realizou o 5º Femut (Festival de Música do Tapajós) que encerrou na noite de sábado (16), com um espetáculo de canções e vozes no palco da Casa da Cultura. Santarém estava precisando de alguém nessa Secretaria que conhece nossa cultura. Parabéns ao secretário Luís Pixica!

IMPACTANDO

Muita gente reclamou à Coluna que na sexta-feira (15), as agências da Caixa Econômica em Santarém estavam uma “zona”, ou seja, vários caixas eletrônicos sem dinheiro, sendo que uma agência estava com todos os caixas eletrônicos sem “grana”. * Ainda para variar, todas as agências não tinham um simples envelope para você realizar um depósito. * Vereador Jardel Guimarães (PODEMOS) apresentou na segunda-feira (18), na Câmara, Projeto de Lei que dispõem sobre a venda e o consumo de bebidas alcoólicas nas arenas desportivas e estádio no âmbito do município de Santarém. * Em viagem a Brasília, o presidente da Câmara Municipal de Santarém, vereador Antônio Rocha, se reuniu na manhã de terça-feira (19), com o senador Paulo Rocha (PT/Pará), onde apontou a necessidade de uma lancha para atender à Câmara, pois toda vez que um parlamentar necessita visitar uma comunidade ribeirinha, na região de rios, é preciso locar uma embarcação ou comprar passagem em alguma embarcação que faça a linha para aquele local. * O Prefeito Nélio Aguiar entregou ontem, quinta-feira (21) mais um trecho da orla em frente à cidade de Santarém. Totalmente urbanizada, com iluminação e com bancos e uma escada que dá acesso à praia. A nova orla é mais um atrativo para o Município. * Com esse, já são 3 trechos entregues à população do tão sonhado Projeto Orla. O primeiro entregue por Lira Maia, o segundo entregue por Maria do Carmo e o terceiro que foi entregue por Nélio Aguiar. * A obra faz parte do PAC 2 e já teve início mais uma etapa de construção da Orla que irá até o Bosque da Vera Paz. * Desejamos a todos os leitores da Coluna, um Natal de muita paz, saúde e felicidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *