No interior de Alenquer, menino morre atingido por ouriço de castanha

Um menino de 13 anos morreu na segunda-feira (8), em Alenquer, oeste do Pará, após ser atingido na cabeça por um ouriço de castanha-do-Pará, espécie de coco que recobre as castanhas ainda nas árvores. O garoto morava na comunidade quilombola de Pacoval. Segundo moradores, ele havia saído durante a manhã para catar castanha, mas não voltou. Por volta das 16h, a mãe do menino foi procurar o jovem e o encontrou embaixo da árvore, desacordado, com o ferimento na cabeça.

O menino chegou a ser hospitalizado, mas não resistiu ao ferimento. Ele foi encaminhado para um hospital na sede de Alenquer, onde recebeu os primeiros atendimentos enquanto uma transferência para Santarém era providenciada, mas não resistiu ao ferimento e morreu por volta das 22h.

Ainda de acordo com moradores, há 30 anos não ocorria na comunidade um acidente fatal envolvendo um ouriço.

O corpo da criança foi levado para Pacoval, onde ele está sendo velado e deverá ser sepultado na tarde desta terça-feira (9).

Fonte: DOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *