Clube do Remo vence o São Raimundo e garante Re-Pa na final

Muita pressão, mas o resultado é único: Re-Pa na final! Neste domingo (25), o Clube do Remo conseguiu reverter o placar do jogo de ida e confirmou sua vaga na final do Parazão!

A partida que já começava 1 a 0 para o São Raimundo, por conta do primeiro jogo, mas o Remo não desanimou e foi atrás dos gols. A torcida remista marcou presença, mas com muita cobrança. Isac era um dos alvos deles, jogador entrou vaiado, mas marcou o primeiro gol da partida. “Futebol é assim, a gente é vaiado e depois aplaudido. Não é fácil você entrar e logo ser vaiado”, disse Isac na saída do primeiro tempo.

O primeiro gol saiu aos 45 do primeiro tempo. Levy cobrou uma falta com perfeição na cabeça de Isac, que não desperdiçou e abriu o placar.

A forte chuva deixou o jogo um pouco travado. A bola parava nas poças e muitas vezes os jogadores escorregavam no gramado. Mas era visível a superioridade azulina.

O segundo gol também foi iniciado nos pés de Levy. Aos 20 da etapa final, o lateral-direito cruzou para Elielton, que deixou a bola rolar para Felipe Marques. O jogador de pé direito aumentou o placar.

Assim, como no primeiro jogo, nesta partida o São Raimundo perdeu um atleta. Aos 30 minutos do primeiro tempo, Tete foi punido com cartão vermelho após carrinho no adversário.

No fim do jogo, o clima ficou tenso entre os jogadores e mais dois torcedores do Pantera foram expulsos.

As decisões da competição serão em dois domingos, nos próximos dias 1º e 08 de abril.

 FICHA TÉCNICA

Remo 2 X São Raimundo

Local: estádio do Mangueirão, em Belém
Data: 25/03/2018
Horário: 16h

Árbitro: Andrey da Silva e Silva
Assistentes: Heronildo Sebastião Freitas da Silva e Luis Diego Nascimento Lopes

REMO: Vinícius; Levy (Gustavo), Mimica, Bruno Maia e Esquerdinha; Dudu, Felipe Recife (Geandro) e Adenilson (Rodriguinho); Elielton, Isac e Felipe Marques. Técnico: Givanildo Oliveira.

SÃO RAIMUNDO: Jader; Bruno Limão, Lucas, Sandro e João Victor; Leonardo (Romário), Tete, Wendel (Chocolate) e Jeová; Felipe e Lima (Jeferson Monte Alegre). Técnico: Vladimir de Jesus.

Cartões Amarelos: Esquerdinha, Jeová, Lucas, Felipe Recife, Leonardo, Dudu

Cartão Vermelho: Tete, Bruno Limão, Romário

Fonte: DOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *