Receita informa: Seu Imposto de Renda pode ajudar crianças

Fazer declaração de imposto de renda é uma obrigação com a qual mais de 20 milhões de brasileiros têm que arcar todo ano. O que muitos deles não sabem é que é possível cumprir com esse dever e, ao mesmo tempo, ajudar milhares de jovens carentes no País. Tudo isso sem precisar gastar um centavo a mais ou, em muitos casos, ter o dinheiro restituído.
A possibilidade foi criada há mais de 25 anos pelo Estatuto da Criança e do Adolescente, que permite que os contribuintes possam fazer doação diretamente a Fundos criados para melhorar a vida destes jovens. Quem doar não pagará mais imposto nem terá sua restituição diminuída.
Quando o declarante termina seu imposto de renda pode haver duas situações: imposto a restituir ou imposto a pagar. Se for imposto a pagar, ele pode escolher destinar todo ou parte desse valor como doação aos Fundos – como já iria ter que pagar de qualquer jeito, a doação não faz diferença no bolso. Quando a situação é imposto a restituir, a quantia doada é somada à restituição (limitada a 3 por cento do imposto devido). Nesse caso, além de aumentar a restituição, a doação torna-se um investimento – o valor “investido” vai retornar ao contribuinte corrigido pela taxa Selic.
Para fazer esta operação, é necessário optar pelo modelo completo da declaração. A declaração de imposto de renda de 2018 permite doar para os Fundos Nacional, Estadual ou Municipal.  Na região sob a jurisdição da Delegacia de Santarém, existem sete cidades que podem ser beneficiadas: Alenquer, Brasil Novo, Curuá, Itaituba, Óbidos, Porto de Moz e Santarém. O quadro abaixo explica, passo a passo como fazer:

Fonte: RG 15/O Impacto e Jairo Silva Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *