TJPA revoga prisão preventiva do vereador Mano Dadai

A sessão de Direito Penal do Tribunal de Justiça do Pará, com relatoria do Desembargador Rômulo Nunes, concedeu Habeas Corpus impetrado pela defesa do Vereador Yanglyer Glay Santos Matos (Mano Dadai), em decisão proferida nesta segunda-feira, dia 14.

Por unanimidade, os desembargadores julgaram procedente os argumentos da Defesa do Vereador. A Prisão por atos não atuais, desproporcional pela prisão ser último recurso, podendo ser aplicadas medidas cautelares.

A concessão da ordem, do vereador Mano Dadai, teve parecer favorável do MP junto à Sessão Criminal. O advogado Alexandre Carneiro Paiva atuou na defesa do Vereador junto ao TJPA.

Com essa decisão, Mano Dadai deverá reassumir seu cargo de Vereador na Câmara Municipal de Santarém.

Fonte: RG 15/O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *