Coluna Impacto Ed. 1198

SAÚDE NA UTI
Muitas pessoas estão questionando a nova administração do Hospital Municipal de Santarém e da UPA 24 Horas, pois quem procura esses locais se depara com tristes situações. O professor Naldo Almeida, em contato com a Coluna, falou sobre a situação em que se encontra o HMS, principalmente na sala de reanimação, onde as pessoas que vão para lá, estão muito debilitadas. Segundo Naldo, não existe lençóis do Hospital. Ele está encampando uma campanha em prol dessas pessoas. ”Presenciei pessoas nos leitos, só de fraldas, embrulhadas com toalhas e camisas. Então, resolvi pedir lençóis. Se você puder, doe lençóis, mesmo usados. Tem que ser de algodão, só de uma cor, e que seja clara, branco, amarelo claro; azul claro, verde claro”, disse Naldo. Se você quiser fazer essa caridade, apresentamos postos de arrecadação: Salão Mãos de fada, na Marechal Rondon, 773, próximo ao SENAI; BAR HUMBORALA, LOJA Giovanni. Você também pode entrar em contato pelo telefone (93) 99175-4774 e falar com Maria. A situação está feia e muita gente vai agradecer se você fizer essa boa ação.

ALERTA!
Mães estão preocupadas com a falta da vacina “Pentavalente” nos Postos de Saúde de Santarém. A responsabilidade de repassar as vacinas ao Município é do Estado, através da SESPA. Atualmente essa vacina não tem em nenhum Posto de Saúde da cidade. Hoje a vacina “Pentavalente” em um consultório particular custa 300 reais. Alô Ministério Público!!!!

ALERTA! 2
Na Unidade Básica de Saúde do Santarenzinho, os moradores informam que até que existe recurso humano a contento, com três equipes de “Saúde da Família”, três médicos, sendo dois do programa “Mais Médicos”. Porém, o que está causando revolta é a indisponibilidade de remédios e insumos básicos na Unidade, principalmente remédio para pessoa hipertensa, pois esse tipo de paciente poderá lotar o Hospital Municipal com um provável agravamento de uma doença em decorrência da falta de medicamento de controle da pressão. O alerta está dado.

CENTENÁRIO DA ESCOLA SÃO FRANCISCO
Como parte da programação de 100 anos da Escola Diocesana São Francisco, a Câmara de Vereadores de Santarém realizou na tarde de terça-feira (15), no plenário Benedito Magalhães, sessão especial que homenageou a instituição pelos relevantes serviços prestados à comunidade santarena. A diretora da Escola São Francisco, Enia Hoyos, que atua há 6 anos no educandário, ressaltou a missão da entidade, sempre baseada nos princípios cristãos, com o intuito de desenvolver atividades de caráter sociocultural e religioso, visando o exercício pleno da cidadania. Atualmente a Escola possui aproximadamente mil alunos matriculados e distribuídos nos turnos matutino e vespertino. A estudante Míriam Goldinho, que cursa o 3º ano do ensino médio, fez parte da mesa diretora da sessão.

CONFLITOS DE PESCA
Conflitos e invasões de lagos, igarapés e rios da região de várzea foram alguns dos principais assuntos tratados por representantes de 11 Conselhos de Pesca durante encontro realizado na terça-feira (15), na sede da Colônia de Pescadores Z-20. Segundo o diretor de Relações Sociais da Colônia de Pescadores, Jucivaldo Pereira, há uma elevada demanda em relação à fiscalização em todas as áreas, constatação que se dá a partir de mapeamento das áreas de várzea do município. Uma das principais questões apresentadas pelos pescadores está na necessidade de reedição das Instruções Normativas (INs) criadas a partir de 2014 em todas as regiões. Os documentos ajudaram na contenção da pesca predatória, mas segundo eles, é preciso rever alguns pontos que já não cabem para a realidade atual. A secretária de Meio Ambiente, Vânia Portela, disse que acolherá as demandas e as equipes de fiscalizações estarão montando planejamento para atender a todas as áreas.

ESCOLAS EM PRAINHA
Moradores da Comunidade de Marval, no município de Prainha, encaminharam denúncia à Coluna denunciando o descaso com a educação no Município, principalmente na Escola São Pedro. Os pais dos alunos da comunidade do Marval estão indignados com a situação em que seus filhos se encontram nas salas de aulas da referida escola, que estão assistindo aulas em um local que quando chove, os alunos ficam todos sujos de lama. “Estamos pedindo pelo amor de Deus ao prefeito de Prainha, Davi Xavier, para que procure andar um pouco mais nas nossas regiões, para que o mesmo possa tomar conhecimentos dessas irregularidades”, disse um pai bastante revoltado.

COMARCA DE SANTARÉM
Há 185 anos, no dia 14 de maio, era instalada a Comarca do Baixo-Amazonas que abrangia, no início, oito vilas dessa região e tinha como sede o Termo Judiciário de Santarém, criado à mesma época. Para comemorar a data, uma programação vem sendo elaborada por uma comissão de servidores e magistrados do Judiciário de Santarém, sob a coordenação do diretor do Fórum da Justiça Estadual juiz Cosme Ferreira Neto. Os festejos serão realizados entre os dias 08 e 16 de junho, mas alguns eventos já começaram a ser organizados a partir desta semana. Palestras, concertos musicais, concurso de redação, entrega de comendas, exposições e ações sociais, fazem parte da programação dos 185 anos da Comarca.

CELEBRAÇÃO DE PENTECOSTES
A Diocese de Santarém promove neste sábado, 19 de maio, um grande evento para celebrar a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos de Jesus, a festa de Pentecostes. Será na Praça de Eventos, a partir das 17h, com apresentações culturais, musicais, Pentecostes Mirim e Santa Missa com celebração do sacramento da Crisma. O evento destaca o tema “Pela força do Espírito Santo somos Sal e Luz na construção da paz”, por estar em sintonia com o Ano Nacional do Laicato e com o tema da Campanha da Fraternidade 2018 “Fraternidade e superação da violência”, que traz a dimensão da paz.


IMPACTANDO

* No próximo dia 25, em Santarém, será o lançamento da pré-candidatura de Airton Faleiro para Deputado Federal e do médico santareno Carlos Martins para Deputado Estadual. * A Semsa suspendeu temporariamente a emissão do Cartão SUS, devido à implantação da nova plataforma do CADSUS, por parte do Ministério da Saúde. O serviço deve retornar à normalidade assim que o recadastramento de todos os Operadores do Ministério da Saúde for realizado na nova plataforma do CADSUS WEB, que traz uma versão com mais segurança para os dados dos usuários. * Em junho, o 1º Festival do Choro do Pará vai agitar a cena musical nos municípios de Belém e Santarém. Desde quinta-feira, 17, as inscrições já podem ser feitas no site da Secretaria de Estado de Cultura (Secult), para compositores de todo o Brasil. * O evento será realizado em parceria com a Funarte, do Ministério de Cultura. Poderão se inscrever autores maiores de 16 anos com trabalhos em várias categorias de choro cantado e choro instrumental em qualquer vertente do gênero, como choro canção, choro ligeiro, choro camerístico ou choro sinfônico. * O concorrente só poderá se inscrever em um município, Belém ou Santarém. Haverá duas eliminatórias e a finalíssima será no Theatro da Paz, em Belém, no dia 24 de junho. * Ocorre nos dias 21 e 22 de maio, no auditório da Unidade Rondon da Ufopa o seminário “Novas fronteiras do agronegócio globalizado da soja na Amazônia: o planalto santareno 20 anos depois (1997-2017)”, que tem como objetivo debater a expansão da fronteira agrícola da soja nos municípios do planalto santareno (Santarém, Belterra e Mojuí dos Campos) ao longo dos últimos vinte anos (1997-2017). * O evento é uma iniciativa do grupo de pesquisa CNPq “Políticas Públicas e Dinâmicas Territoriais na Amazônia (GPDAM)”, vinculado ao curso de Gestão Pública e Desenvolvimento Regional da Ufopa. * Um bom final de semana a todos os leitores da Coluna.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *