Justiça mantém Tapajós na presidência da Câmara

Tapajós anuncia obras na Câmara

Com o objetivo de adequar o prédio para receber novos parlamentares depois da eleição de 2012, o presidente da Câmara Municipal de Santarém, vereador José Maria Tapajós, anunciou no início desta semana o projeto de ampliação da sede do Poder Legislativo local. O Projeto prevê a construção de 10 gabinetes, uma sala de reuniões, além de uma passarela ligando o gabinete do presidente ao plenário.
De acordo com José Maria Tapajós, tanto a Mesa Diretora da Câmara quanto os demais vereadores terão o compromisso de preparar o espaço físico da sede do Legislativo local para a próxima legislatura, que deverá aumentar no número de vereadores. Ele adianta que a Câmara poderá contar com 21 vagas e, que por isso terá a necessidade da construção de novos gabinetes.
“Vamos prepará-la para que os próximos vereadores tenham comodidade suficiente para desenvolver seus trabalhos. Isso tem uma demanda de custos e, todos nós vereadores temos que fazer um esforço para economizar”, ressalta Tapajós, reforçando que a economia dos vereadores servirá para ampliar os espaços da Casa Legislativa com a obra dos gabinetes, para que até o final de 2012, a Câmara esteja apta a receber o número de parlamentares proposto pela alteração da emenda constitucional 58/2008.
“Além disso, pretendemos realizar um concurso público para o corpo administrativo da Câmara. Já estamos providenciando o plano de cargos e carreira dos servidores do Legislativo, considerando que devemos preparar tudo dentro de dois anos”, finalizou.
PEDIDO DE LIMINAR – Depois do pedido de liminar (decisão provisória) de uma ação popular de anulação do pleito que conduziu, pela 3ª vez consecutiva, o vereador José Maria Tapajós (PMDB) à Câmara Municipal de Santarém, ajuizado pelo advogado José Maria Lima, a titular da 8ª Vara Cível, juíza Betânia Pessoa Batista indeferiu o processo.
Para a Juíza Betânia Pessoa, a ação popular impetrada pelo advogado José Maria Lima tratava da suspensão da eleição do presidente da Câmara Municipal, José Maria Tapajós, o que para ela, causaria fortes impactos na vida política local e, que por isso deve ser feita com elementos jurídicos seguros.
Por: Manoel Cardoso

Um comentário em “Justiça mantém Tapajós na presidência da Câmara

  • 14 de janeiro de 2011 em 10:55
    Permalink

    A expertiência de José Maria Tapajós é fundamental para que esse projeto se concretize. Acredito que os demais vereadores deram uma demonstração de maturidade ao mantê-lo à frente do Legislativo santareno. Parabéns aos vereadores que souberam fazer sua escolha.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *