STF nega pedido de Jader Barbalho para assumir cadeira no Senado

Jader Barbalho

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cezar Peluso, negou ontem, dia 15, pedido para que Jader Barbalho, segundo candidato mais votado no Pará, tome posse no Senado.

Como o STF está em recesso, os ministros trabalham em regime de plantão. Peluso negou o pedido alegando que caberá ao relator do caso, Joaquim Barbosa, decidir a questão em agosto, quando os trabalhos voltarem ao normal.

O mandado de segurança questionava no STF decisão do ministro Ricardo Lewandowski que, no início do mês, negou novo recurso de candidatura a Jader Barbalho.

Lewandowski decidiu a questão porque, na época, Joaquim Barbosa estava de licença médica. Os advogados alegaram que o mandato de Barbalho estava sendo encurtado devido à demora do julgamento. Entretanto, Lewandowski entendeu que não poderia antecipar a decisão, uma vez que a palavra final sobre o caso é do plenário.

Barbalho não pôde assumir o cargo porque teve o registro negado pelo STF no ano passado. Ele foi enquadrado na Lei da Ficha Limpa por ter renunciado ao cargo para escapar de possível processo de cassação. No entanto, o STF mudou de posição e estabeleceu que a Lei da Ficha Limpa não podia ser aplicada nas eleições de 2010.

Fonte: Agência Brasil

Um comentário em “STF nega pedido de Jader Barbalho para assumir cadeira no Senado

  • 17 de julho de 2011 em 07:56
    Permalink

    Esse indivíduo tem que estar é atras das grades, por causa dele é grande parte dos paraenses migraram para outros estados, por falta de oportunidades enquanto que o nosso estado é um dos mais ricos em minerais e em belezas naturais ,temos tudo para ser autossustentável e estamos nesse atraso e com as cidades do interior abandonado. Esse senhor é um criminoso pois roubou a boa f;e do nosso povo além de outras coisas…

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *