Farmácia Popular deixa usuários descontentes em Santarém

Farmácia Popular volta a ser alvo de críticas dos usuários

Muitas denúncias chegam à nossa redação, falando do descontentamento dos usuários em relação à Farmácia Popular em Santarém. Localizada na avenida Mendonça Furtado, esquina com 7 de setembro, a Farmácia para alguns não passa de enganação. Por muitas vezes as pessoas chegam no balcão e o remédio solicitado não está disponível. Segundo nos informou uma pessoa da gerência, que não quis gravar entrevista, gratuitos são os remédios para diabetes e hipertensão, os outros são pagos. O repórter perguntou se o medicamento Muscularen estava à venda, a responsável respondeu que não, pois não fazia parte dos medicamentos disponíveis na Farmácia à população.

Fato é que muitas pessoas reclamam, não apenas da falta de medicamentos, como também do atendimento feito pelas pessoas no balcão. “Tem gente que trata mal”, disse uma usuária que não quis se identificar, “porque todo mês eu venho buscar remédio para minha mãe, que sofre de diabetes”, disse. Um outro problema são os preços cobrados pelos medicamentos, que não estão bem esclarecidos na tabela que é distribuída aos pacientes. “A gente tem que traduzir o que está escrito”, falou a mãe de um usuário, sem querer se identificar.

A Farmácia Popular, em Santarém, funciona no horário de 8 às 17 horas, de segunda a sexta-feira, e até às 11: 30 aos sábados. Apesar das muitas denúncias, os servidores fazem o que podem, muitas vezes atravessando períodos muito críticos. “No final do mês de junho e começo de julho, nossa impressora queimou, tivemos que ficar todo esse tempo sem atender na Farmácia Popular, mas esse problema foi sanado, graças a Deus”, explicou uma pessoa ligada à gerência da Farmácia.

Com parceria do governo municipal, a Farmácia popular funciona em Santarém de uma maneira nada gratificante para quem procura seus serviços. “Medicamento de graça, isso é piada”, ironizou uma usuária. “Quando tem, o que é muito raro, se agente não puder pagar, não tem”, disse ela.

A verdade é que a Farmácia Popular, em alguns municípios onde está instalada, deixa muito a desejar, ficando conhecida como mais uma enganação do governo Dilma, prá cima dos habitantes da região Oeste do Pará.

Por: Carlos Cruz

Um comentário em “Farmácia Popular deixa usuários descontentes em Santarém

  • 1 de agosto de 2011 em 10:35
    Permalink

    isso era so bandeira de campanha petista!!
    agora se acabou! e o povão ficou na saudade!!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *