Instalado comitê Municipal Pró-Estado do Tapajós, em Almeirim

Instalação do Comitê Pró-Tapajós em Almeirim

Ontem (07/08), uma equipe do Instituto Cidadão Pró-Estado do Tapajós, se deslocou de Santarém, com destino aos municípios de Almeirim, Prainha e Monte Alegre.

Na comitiva estão: O vereador Reginaldo Campos e membros do ICPET, Francisco Lopes, Luna Brito, Tiago dos Anjos e Natashia Santana.

A primeira instalação foi realizada por volta das 14h30 no Centro Educacional do  município de Almeirim, o evento  marca a instalação do Comitê Municipal Pró-Estado do Tapajós

Terça-feira (09/08) será a vez da instalação dos comitês em Monte Alegre e Prainha.

Estão presentes: O vice-prefeito da cidade Ivanildo Serrafi,  os vereadores Afonso Souza bastos e Francisco Lisboa, o coordenador do SINTEPP de Almeirim, Whisney Luiz Messias, Secretario de educação Pedro Damião, lideranças comunitárias e rurais e professores da rede municipal de ensino.

O município de Almeirim possui cerca de 40 mil habitantes e completa no dia 26 de agosto, 120 anos de fundação. De presente a população espera ganhar, a criação do Estado do Tapajós.

“O Estado do Tapajós é mais que um sonho para nós, é acima de tudo uma luta por mais justiça e igualdade social. Almeirim passará a ser um dos municípios mais importantes do Estado do Tapajós pela sua importância geopolítica e econômica”, disse o vice-prefeito de Almeirim.

Para o vereador Afonso Souza Bastos, um dos organizadores do comitê de Almeirim, a instalação do comitê inicia a caminhada na busca pelo SIM. Nós queremos ter mais qualidade de vida e nossa luta pela emancipação do estado do Tapajós é histórica.

 Durante as palestras realizadas, o vereador Reginaldo Campos, contou um pouco da luta secular para o plebiscito e Francisco Lopes sobre a estrutura do comitê municipal.

Vereadores de Jacareacanga discutem plebiscito do Tapajós com a comunidade

O Presidente da Câmara Municipal de Jacareacanga, vereador Elias Ferreira e o vereador Carlos Amazonas estiveram reunidos na comunidade de São José, no final da semana que passou, participando de uma ação conjunta do Governo de Jacareacanga, na comunidade de São José.

Fizeram parte da ação a Secretaria de Meio Ambiente, Defesa Civil, Vigilância Sanitária e Imprensa local. Entre outros assuntos em pauta, as lideranças políticas e do movimento social discutiram o plebiscito do Estado do Tapajós, que será realizado no dia 11 de dezembro de 2011. As lideranças explicaram que o projeto do novo Estado integra 27 municípios do Oeste do Pará e Jacareacanga vai fazer parte do Estado do Tapajós.

Os vereadores informaram aos comunitários, que estiveram em Santarém e, já articularam a ida no dia 13/08, de uma comissão do Instituto Cidadão Pró-Estado do Tapajós para conversar com as lideranças de Jacareacanga sobre os procedimentos para a instalação do Comitê Municipal de Jacareacanga. O comitê vai coordenar o processo de animação dos segmentos político, empresarial, organizações sociais em preparação ao plebiscito.

Jornada pelo Estado do Tapajós vai marcar dia do estudante

 “Paz e justiça no novo Estado sustentável”, é o tema, da jornada estadual pelo Estado do Tapajós. A finalidade do evento é impulsionar os estudantes a defenderem o “SIM” ao Tapajós. Na manhã de hoje (08/08), representantes do movimento estudantil de Santarém, estiveram na sede do Instituto Cidadão Pró-Estado do Tapajós, articulando com o secretário do ICPET, Ednaldo Rodrigues, os últimos detalhes do evento, que marcará também as comemorações alusivas ao dia do estudante.

A programação vai iniciar dia 11 de agosto (dia do estudante), com atividades esportivas da rede estadual de ensino, com inicio às 8 horas e término às 12:horas. Está faltando apenas a definição do local, que deve ser anunciado nesta terça-feira (09/08).

À tarde (blitz educativa, com panfletagem e distribuição de adesivos.)

Local: Parque da Cidade e orla de Santarém, às 14 horas.

Dia 12/08, seminário com lideranças das escolas estaduais, municipais e lideranças jovens das igrejas

Programação: Seminário sobre o Estado do Tapajós, com palestrantes do Instituto Cidadão Pró-Estado do Tapajós e lideranças estudantis.

Abertura de uma grande gincana, intitulada: “SIM Tapajós”.

Dia 26/08 – Circuito estudantil pelo Estado do Tapajós, com o movimento dos “Caras pintadas do Tapajós”, apresentação de bandas musicais, trios elétricos e encerramento da gincana “SIM Tapajós”

Local: Orla de Santarém, às 17 horas.

Fonte: Ascom/ICPET

Um comentário em “Instalado comitê Municipal Pró-Estado do Tapajós, em Almeirim

  • 9 de agosto de 2011 em 17:59
    Permalink

    De tanto falar Zenaldo Coutinho acha viável o Tapajós
    Fafá de Belém e Ganso são contratados para o não ao Tapajós, obra e engenho do endiabrado, bicha louca Zenaldo Coutinho.

    A furia do braço direito do governador Jatene não para por aí, ele fará de tudo para impedir a

    emancipação.

    A furia de Zenaldo só vem provar que o Estado do Tapajós é viável.

    E ainda tem a cara de pau de dizer que há abusos da frente de emancipação do Tapajós e Carajás.

    Ele sim comente abusos com o dinheiro público do Pará.

    Zenaldo , dessa forma, assume que o Estado do Tapajós é viável.

    Resposta
  • 9 de agosto de 2011 em 12:26
    Permalink

    SUSTENTABILIDADE

    Assim podemos defenir a palavra sustentabilidade: Algo ou alguém que tem meios para sustentar a si mesmo.
    Essa palavra liga-se, também, a ações do desenvolvimento econômico, financeiro e o progresso e a qualidade de vida de um povo ou de uma região.
    Os adversários da criação do Estado do Tapajós e Carajás, se substânciam na perspectiva do fracasso dos nossos novos Estados, por falta de sustentabilidade.
    Entretanto é fácil contestar e refutar esse conceito, com falso.
    – Veja porque: Recentemente, estava fazendo compras no grande mercado de abastecimento de Manaus.
    – Na oportunidade fiz as seguites perguntas a um comerciante que estava me atendendo: Senhor, de onde vem essa farinha de excelente qualidade?
    – Ele me respondeu: Do Lago-Grande.
    – E esses peixes e frutas?
    – Ele respondeu: Tudo está vindo do Baixo-amazonas.
    O que podemos dizer dos recursos minerais, como a Bauxita, que pode ser manufaturado em nosso próprio território.
    – E dos produtos naturais-regionais, como o açaí e tantos outros, que podem sair de nossa região industrializados, assim como também, os peixes.
    – O mesmo podemos dizer da nossa pecuária e da industria de construção naval e outros.
    – Podemos ou não afirmar que os nossos novos Estados têm sustentabilidade?
    – Claro que SIM!

    Resposta
  • 9 de agosto de 2011 em 11:34
    Permalink

    QUEREMOS A EMANCIPAÇÃO, QUEREMOS NOSSA LIBERDADE, PEÇO AO POVO DE BELÉM QUE NOS DEIXE SEGUIR NOSSO CAMINHO, SERÁ PARA O BEM DA REGIÃO, SERÁ BOM PARA O PARÁ REMANESCENTE, SERÁ O DESENVOLVIMENTO DE TODA A REGIÃO AMAZÔNICA.

    O endiabrado e eloqüente, Zenaldo Coutinho está a todo vapor contra a liberdade do povo do Estado do Tapajós.
    O inimigo número 1 da liberdade não medirá esforços para acabar com o sonho de liberdade e emancipação dessa região.
    É preciso derrubar esse ditador contra a liberdade do povo que quer se emancipar.

    Resposta
  • 8 de agosto de 2011 em 21:15
    Permalink

    É hora da emancipação;

    “Meu filho atingiu a maioridade.
    Meu filho se formou.
    Adeus filho amado.

    … Vote SIM pelo Estado do Tapajós”. para a região Amazônia se desenvolver.

    Adeus miséria, bem vindo ao maior projeto de desenvolvimento.

    Estado do Tapajós Já.

    Resposta
  • 8 de agosto de 2011 em 19:12
    Permalink

    TAPAJÓS E CARAJÁS DEVEM SER EMANCIPADOS.
    SERÁ BOM PARA O PARÁ, SERÁ BOM PARA O BRASIL.

    “A criação dos estados do Tapajós e Carajás é o maior projeto de desenvolvimento econômico do País que se discute hoje, temos que levar em conta os benefícios da região Norte e da Segurança nacional da Amazônia, acredito que esta estratégia que os municípios estão articulando, tem que ser feita urgentemente já que o nosso tempo é de cerca de 4 meses, para a realização do plebiscito”, Chega de colonialismo, vamos desenvolver a região do Tapajós e Carajás com mais política de investimentos e crescimento.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *