Loucos do volante matam ciclista durante pega na Rod. Curuá-Una

Vítima de acidente

Um grave acidente aconteceu ontem, domingo, por volta das 15:30 horas, na Rodovia Curuá-Una, resultando na morte de um ciclista que trafegava tranquilamente pela Rodovia e seguia em direção à sua residência, na comunidade de São Jorge, km 28, no planalto santareno.

Segundo informações de testemunhas, dois veículos particulares, que apostavam corrida, na hora de uma ultrapassagem, o veículo de marca Fiat Punto, de cor prata, com placas OBT 9545, pegou em cheio o ciclista, que foi jogado há vários metros de distância do local do acidente. O motorista Antonio Gomes do Nascimento, de 44 anos de idade, mais conhecido por “Neto”, que era taxista bastante conhecido na cidade, não resistiu aos ferimentos e morreu no local do acidente.
De acordo com a esposa da vítima, Alcinete Castro, os dois veículos estavam apostando corrida na Rodovia, quando um foi ultrapassar o outro e atropelou Antonio Gomes.

Alcinete Castro disse que após o acidente conversou com o motorista atropelador e ele confessou ter matado o ciclista (seu marido), porém, logo depois fugiu do local.

O fato revoltou os comunitários, que não deixaram o veículo sair do local, porém, o motorista quando viu a coisa preta para o lado dele, entrou no outro veículo e fugiu. Os comunitários decidiram atear fogo no veículo Fiat Punto.

Na delegacia, Alcinete Castro solicitou que o responsável pela morte de seu marido se apresente. “Eu quero fazer um apelo, que ele se apresente, que ele arque com as consequências do que ele fez”, disse Alcinete.

A Polícia continua à procura do motorista atropelador. “Já estamos de posse de algumas informações, como a marca dos veículos que estavam apostando corrida e outros detalhes. Mas não podemos ainda divulgar para não atrapalhar as investigações”, disse o delegado Luís Paixão, que estava de plantão na Seccional de Polícia Civil, ontem.

Fonte: RG 15/O Impacto – Notapajos.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *