População de Belterra contaminada com agrotóxicos

Caçamba da Prefeitura despeja lixo a céu aberto

Não sabemos se a decisão de jogar lixo em uma área da cidade partiu do prefeito Geraldo Pastana ou de seus comandados, que parece não obedecer ao mandatário municipal, fazendo tudo o que querem, como querem e do jeito que acharem melhor, sem se preocupar com a população.

O flagrante foi feito por nossos correspondentes na Belaterra, no exato momento em que um caminhão da Prefeitura despejava lixo coletado na cidade. Ninguém sabe explicar, mas dizem que o lixo vem de diversos locais nada adequados e fica exposto. Muito menos a céu aberto. O flagrante foi feito e mostrado aos nossos leitores.

Membros do PV se fortificam no Município

Agrotóxicos – Restos de soja, milho e feijão, além de outras plantações, estão deixando a população de Belterra apavorados. É que os agricultores, em lugar de escolherem local mais adequados para fazer suas lavouras, estão utilizando áreas dentro da cidade para trabalhar, deixando grande parte dos moradores de Belterra em risco de contaminação pelos produtos químicos que são utilizados. “Uma verdadeira irresponsabilidade ambiental. O povo fica a mercê desses assassinos do meio ambiente”, disse Almir Malcher, presidente da Associação de Moradores da Estrada 10 e presidente do Partido Verde (PV) em Belterra. Por conta desse abuso, quem perde é a população: “Tem gente morrendo com suspeita de câncer, além de todo esse lixo contaminar também o lençol freático, sendo que para nós do Município a água é um luxo, vale ouro”, disse Malcher.

Fatos – Quando os agricultores terminam uma plantação são obrigados a usar agrotóxicos para destruir parte dela, deixando o espaço vazio para outro tipo de produto ser plantado. Nesse momento usam os agrotóxicos que ficam na terra, contaminando animais, pessoas e água dos rios e poços. “Melhor seria que a agricultura na região fosse feita em áreas longe da cidade, deixando que o Município pudesse se desenvolver”, citou Malcher. ”Apesar do povo de Belterra ser simples e humilde, é preciso que os governantes saibam que são humanos”, revoltou-se o comunitário.

PV se articula em Belterra – Uma reunião na semana que passou, no local denominado Paraíso das Abelhas, serviu como ponto inicial para concentração dos trabalhos políticos visando sucessão municipal em 2012. Vários nomes estão sendo lançados, sendo que o presidente do PV belterrense, Almir Malcher, e demais integrantes do PV em Belterra, podem indicar candidato próprio para concorrer às eleições municipais.

Por: Carlos Cruz

Um comentário em “População de Belterra contaminada com agrotóxicos

  • 27 de agosto de 2011 em 03:34
    Permalink

    Esse tal de Malcher é um idiota, se tirar os agricultores e a Avispará de Belterra vocês vão viver de quê? Do governo como sempre foi?
    Esse é o tipo de pensamento de gente que não quer que um lugar cresça. Desenvolvimento se faz com emprego e o lugar que mais gera emprego é o campo.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *