Anvisa apreende remédio ilegal na Fundação Esperança

Fundação Esperança foi alvo de operação realizada pela ANVISA, PF e MP

Uma informação que chegou à nossa redação registra que foram encontrados pela Vigilância Sanitária remédios “com venda proibida no mercado”, sendo vendidos a usuários, na Fundação Esperança. Segundo a informação, deu até agentes da Polícia e membros do Ministério Público. O detalhe é que os remédios são vendidos por empresas e parece que o dono de uma dessas empresas é gente que tem advogada no Município.

Nossa reportagem em contato com o farmacêutico Marcos Castelo Branco, que representa o Conselho Regional de Farmácia em Santarém e que esteve em nossa redação para falar sobre o início do ciclo de palestras sobre Ciências Farmacêuticas, foi informada que sobre essa denúncia ele disse não ter uma informação correta. Porém, reconheceu: “o que nós do Conselho sabemos é que em Santarém ainda existem farmácias que vendem medicamentos ilegais”.

Jorge Eymar, da DIVISA, informou que inquérito está correndo sob sigilo

O representante do Conselho Regional de Farmácia esclareceu quais medicamentos são considerados ilegais: “Medicamentos que só podem ser dados ao público hospitalar, como Citotec, antibióticos vendidos em farmácias e remédios controlados vendidos em distribuidoras, não podem ter venda aberta ao público”, citou o técnico em farmácia, “mas infelizmente tivemos conhecimento de que alguns estabelecimentos continuam comercializando medicamentos dessa forma ilegal”, denunciou.

Apreensão – Fontes de nossa equipe garantem que houve realmente a apreensão de medicamentos ilegais na Fundação Esperança e que estes medicamentos foram levados para o depósito da Anvisa. Por outro lado, a direção do Conselho Regional de Farmácia por diversas vezes cobrou uma ação mais enérgica dos integrantes do órgão de Vigilância Sanitária, no sentido de melhor fiscalizar estabelecimentos que vendem medicamentos, principalmente na qualidade dos remédios comercializados. Com a palavra, a direção da Anvisa em Santarém.

O diretor da Divisa em Santarém, Jorge Eymar, ao ser entrevistado por nossa reportagem, disse que a operação aconteceu na quarta-feira e contou com a participação da Anvisa, Ministério Público e Polícia Federal, mas inquérito está sendo apurado sigilosamente. Em contato com a Polícia Federal, a reportagem foi informada que nada ainda sobre o assunto tinha no órgão.

A direção da Fundação Esperança foi procurada, mas ninguém quis falar sobre o caso.

Por: Carlos Cruz

Um comentário em “Anvisa apreende remédio ilegal na Fundação Esperança

  • 24 de outubro de 2011 em 18:26
    Permalink

    Ai, ai ….ai vem mais merda no ventilador! quem denunciou deveria abrir o bico e deixar claro o esquema de desvio de medicamentos. Pq assim fica meio obscuro. Anonimo de nome aos bois e vamos ver no que vai dar. Quanto ao ministério publico sei que vai abrir processo. Eles fazem sua parte. Quanto a restante do poder judiciário não estou vendo ninguém fazendo nada. Que pais e esse???

    Resposta
  • 26 de setembro de 2011 em 07:03
    Permalink

    Uma vergonha a situação da saúde de Santarém. Uma verdadeira MAFIA INCLUINDO O SECRETARIO DE SAUDE QUE DEVE EMBOLSAR MUITO DINHEIRO PRA MANTER ESTABELECIMENTOS HOSPITALARES SEM AS MINIMAS CONDIÇOES.

    A BAIXO A MAFIA SANTARENA! A BAIXO ESSE SECRETARIO DE SAUDE CUMPLICE DESSE ESQUEMA TODO.

    Resposta
  • 25 de setembro de 2011 em 21:33
    Permalink

    Isso seria digno do povo exigir a demissão do secretário de saúde, porque com isso está encobrindo todo o erro da saúde de Santarém, protegendo interesses escusos. Editor consiga tudo que essa médica descobriu r divulge, não deixe que um absurdo dessa acontença na nossa fussa.

    Resposta
  • 24 de setembro de 2011 em 23:24
    Permalink

    Vou fazer uma aposta. Jorge Eymar vai cair na direção da Vigilância em Saúde, não deve está deixando o Secretario de Saúde feliz, pelo apoio que vinha dando as ações da vigilância sanitária, que até ontém era coordenado pela médica sanitarista, Dra. Nastia Santos, que foi exonerada por mexer com os amigos poderosos. A bola da vez será Jorge Eymar que será “convidado” a sair.

    Resposta
  • 24 de setembro de 2011 em 14:43
    Permalink

    Teremos uma matéria sobre a saída dessa médica da coordenação da Vigilância Sanitária? Isso deve ser uma dinamite, preste a explodir.

    Resposta
  • 24 de setembro de 2011 em 14:38
    Permalink

    Isso é muito hororroso, porque não fazer e impedir quem quer fazer seu trabalho, que é pago pela Prefeitura para isso chega a ser criminoso, pergunto: quantas pessoas já morreram ou irão morrer porque esses hospitais não tem limpeza, não tem equipamentos de saúde, não tem serviço que preste, mais sobra péssimo serviço de saúde. O Secretario de Saúde e a Prefeita Maria do Carmo devem receber atendimento no Hospital Regional, não devem ter entrado no Imaculada, Irma Dulce, Santa Rosa de Lima, ou qualquer Posto de Saúde daqui. Por falar nessa Prefeita, deveria ter mais era vontade de consertar o errado, porque é promotora de justiça. Que vergonha tudo isso. Agora fico cá me perguntando, onde está o Conselho Municipal de Saúde que nunca viu isso, e a Câmara de Vereadores, que tem dois profissionais da Saúde: Nélio Aguiar e Marcela Tolentino. Quero ver essas fotos. Quero saber de tudo, tudinho. Bocão neles.

    Resposta
  • 24 de setembro de 2011 em 12:33
    Permalink

    Eu recomendo a direção desse Jornal ir na Vigilância verificar, pois se existe mesmo essas irregularidades, outro caso e que se fiscalizam os Hospitais com certeza existe um relatório e fotos dos hospitais para comprovar.

    eu como micro empresário sofro para tira a minha licença mas tenho amigos “grandes empresários que só pagam a taxa e o senhor secretário manda dar a licença para não prejudicar na licitação da SEMSA.

    E se afastaram essa médica por quê estava trabalhando e cumprindo a lei. temos que saber do secretário de saúde por que do seu afastamento!

    MP cadê você?
    Sra. Prefeita esse e seu modelo de gestão? Afastar os que estão trabalhando e incomodando os grande empresários?

    isso e PT…

    Resposta
  • 23 de setembro de 2011 em 22:20
    Permalink

    Quando começamos a ver resultado no nosso trabalho, o que acontece? Bom, se esse resultado for contra os interesses dos poderosos, fazem o que estão acostumados, retiram “aquele que atrapalha”. Isso é o que nós servidores da vigilância municipal de Santarém estamos sentindo hoje. Desde contrataram Dra. Nastia Santos, médica sanitarista e passamos a realmente inspecionar estabelecimentos, ir fazer mesmo vistoria nos hospitais, encontrar rémedios do SUS em hospitais, informar para o Ministério Público todas as irregularidades contra o serviço da saúde, passamos na vigilância sermos objeto de “monitoramento” do poderoso secretário de saúde. Hoje amordaçaram a vigilância sanitária retirando essa médica da nossa coordenação e colocando um outro médico que é professor universitário, sem tempo para se dedicar a vigilância e não é medico sanitarista. Aqui fica o protesto público dos servidores que tiveram o prazer de trabalhar com a senhora e em tão pouco tempo nos mostrou o que é trabalhar pela saúde da populaçao e não apenas servir para emitir licenças, sem fiscalização, mesmo para empresa que vende polpa para a merenda escolar e que na inspeção foi condenada seu funcionamento pela Dra. Nastia. É revoltante.

    Resposta
  • 23 de setembro de 2011 em 09:39
    Permalink

    É uma pena, mas onde nesse país nao tem mutreta???

    Resposta
  • 23 de setembro de 2011 em 09:21
    Permalink

    Meu Deus!
    Como uma empresa dessa porte pode chegar a tanto! Agora so me confirmou o que eu ouvi outro dia,sobre as cirurgias que são feitas e pagas na hora sendo dividido o dinheiro com o medico.Inclusive eu ja fui paciente e vou me interar mais sobre o que ouvi.

    Resposta
  • 23 de setembro de 2011 em 09:18
    Permalink

    Bom dia.

    Não é de hoje que a Fundação é alvo de irregularidade, falta o Ministério Público investigar, investigue, investigue, que vão achar muito mais coisas, que tal fazerem um pente-fino nos caixas, ali deve ter muito angu.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *