Especialista defende no Rio de Janeiro nacionalização da Amazônia

Ambientalista diz que a velocidade do desmatamento na Amazônia caiu, mas ainda é muito alta

O ambientalista Caetano Scannavino, morador e especialista da região amazônica, cobrou mais atuação do Brasil no desenvolvimento do território. Ele defende que os demais estados brasileiros, sobretudo, o eixo Rio-São Paulo, devem “nacionalizar a Amazônia”, ou seja, se preocupar em se apropriar e conhecer melhor a região. Segundo Scannavino, há ainda uma responsabilidade de todo o país com relação a este território. Coordenador da ONG Projeto Saúde e Alegria, Scannavino participou do evento “No Caminho da Rio+20”, no Rio. Ainda de acordo com o especialista, a parcela de responsabilidade é também de países que usufruem dos recursos da Amazônia.

— O custo é local, mas o benefício é global. É um fato que o Brasil precisa de recursos. Só nós não temos condições de arcar com o desenvolvimento sustentável da Amazônia. Isso não significa que perderíamos a soberania do território — afirmou Scannavino.

Caetano Scannavino

O ambientalista disse que o Brasil pode ser vanguardista no questão do desenvolvimento social aliado ao econômico e ambiental na Amazônia, e vê na Rio+20 uma oportunidade de inserir o tema. Ainda assim, ele tem uma visão cética da conferência com relação à assinatura de acordos. Com base no Projeto de Monitoramento do Desflorestamento na Amazônia Legal (Prodes), Scannavino mostrou que houve redução na destruição da floresta: em 1988, cerca de 21 mil quilômetros quadrados foram devastados. Em 2010, este número foi para cerca de seis mil quilômetros. Scannavino credita a redução a políticas públicas, mas reafirma que o desmatamento ainda é considerado rápido.

— A velocidade das ações ainda não acompanha a velocidade da destruição do meio ambiente — disse.

Fonte: O Globo

4 comentários em “Especialista defende no Rio de Janeiro nacionalização da Amazônia

  • 19 de abril de 2012 em 06:34
    Permalink

    As muitas ONGs que estão \”mamando\” dinheiro do governo começaram com esse mesmo papo- furado ! Os governantes é que tem que ter vergonha na cara e investir na saúde, educação e segurança da população , alem de ter compromisso naquilo a que se prontificaram a fazer…trabalhar pelo povo e não pelo seu bolso…

    Resposta
  • 19 de abril de 2012 em 01:03
    Permalink

    Sábias as palavras da Srª Alberta Riker, acrescento ainda que precisamos CONSERVAR (usufruindo-a de maneira racional e ambientalmente correta) a Amazônia e não PRESERVÁ-LA (deixando-a intocada; mesmo que quiséssemos não conseguiríamos); ademais, nossa região e a Amazônia de modo geral está dependente e vem sendo imensamente atacada de maneira ilegal, com os desmatamentos e explorações madeireiras ilegais, devido a culpa do próprio Governo; da Política Fundiária de nosso País. É de extrema importância há décadas a REGULARIZAÇÃO FUNDIÁRIA das terras da União (responsabilidade do INCRA), o qual indiscutivelmente é uma falácia, nos seus atos, na regularização fundiária em toda região, fato que vem a corroborar com o avanço desordenado do desmatamento e explorações madeireiras, devido a instabilidade e descrédito com a Política Fundiária. Como o cidadão pode pedir autorizações e licenças aos órgãos Ambientais e pedir financiamentos para projetos de desenvolvimento sustentável, agricultura, etc; etc; SE NÃO TEM DOCUMENTO DA TERRA ? Como podem existir centenas e milhares de agricultores que moram há anos em determinadas áreas ao longo da BR\’s 163 e 230 e até hoje nunca receberam seus títulos definitivos legalizando suas posses; tenho certeza que essa falácia do Incra e Interpa vem contribuir; o povo precisa de terra legal, devidamente regularizada para poder trabalhar de maneira correta, honesta, e sendo fiscalizada pelas Instituições competentes, sendo orientados e conduzidos para legalidade. O cidadão da região Amazônica, merece sim ter os benefícios do desenvolvimento tecnológico e todos os outros vinculantes, com sabedoria e consciência ecológica, de que é necessário sobrevivermos, nossa geração e as futuras, com esta natureza viva e magnífica que é a AMAZÔNIA.

    Resposta
  • 18 de abril de 2012 em 08:21
    Permalink

    Mais um que vai la falar papo furado … A Amazonia precisa ser é explorada, No caso do Pará (incluido o Parazinho e Carajas) existem 64% de reservas, e da parte restante só se poderia utilizar 20%, ou seja, não chegaria a 7% do total, se SP utiliza 90% porque não podemos produzir em 7%? O correto é o Governo DOCUMENTAR, urgente as áreas, e cada um proprietario que respeite o meio ambiente dentro da responsabilidade legal. Não há como gerar riqueza sem produção. È só ver os indices sociais da Amazonia e entende-se.

    Resposta
  • 17 de abril de 2012 em 21:41
    Permalink

    A realidade é q/ o Brasil e o Mundo estão preocupados, querem MANTER a Amazônia Legal intacta.
    O fato é que o muitos lugares , Estados e Nações destruíram suas florestas, seu meio ambiente saudável p/ conseguirem total sucesso industrial, logo tbm o financeiro e econômico. Conseguiram!
    Hoje CONCORDO PLENAMENTE q/ a NOSSA Amazonia legal , PULMÃO DO MUNDO, seja preservada.
    O desmatamento clandestino , ou melhor, ILEGAL continua agressivo. Mudou , diminuiu os danos às nossas florestas C/ RELAÇÃO A DECADAS PASSADAS? P/ responder É BOM LEMBRARMOS q/ naquela época não havia as exigências mundiais de atualmente!

    Nossa floresta é fundamental p/ o Mundo! Destruíram tudo ou quase tudo Brasil a fora e pelo MUNDO então agora querem , ou melhor, tem NECESSIDADE de preservar NOSSA AMAZONIA LEGAL.
    Fundamental lembrar q/ AQUI TEM ÍNDIOS civilizados estudados, CABOCLOS civilizados, estudados q/ anseiam por uma vida de 1º mundo: escolas universidades hospitais creches lazer…. TUDO DE 1º MUNDO! Todos q/ vivem aqui, sejam filhos ou não desta terra, todos nós queremos escolas de primeiríssima qualidade p/ nossas crianças. Queremos hospitais c/ médicos e enfermeiros altamente equipados e qualificados, queremos tudo o q/ qualquer lugar decente, organizado e desenvolvido tem!
    É BOM LEMBRAR QUE AQUI VIVE GENTE Q/ QUER TER QUALIADE DE VIDA, USUFRUIR DE TECNOLOGIAS DE ULTIMA GERAÇÃO.

    *************************************************

    O Brasil, aqui mesmo c/ áreas de preservação ambiental, mesmo c/ grandes reservas ambientais, nossa floresta , nossos rios, nosso solo ,nossa AMAZONIA LEGAL continua sendo aniquilada por pessoas ricas , por falta de políticas públicas corretas EFICAZES eficientes. Os motivos somente Deus sabe!!!!
    AQUI NESSA REGIÃO NORTE DO BRASIL ONDE ESTÁ MAIOR PARTE DA AMAZONIA, AQUI NÃO É UM GRANDE PÓLO ELEITORAL !!!!

    Internacionalização da Amazônia…TODO O MUNDO ESTÁ DE OLHO EM NÓS! TODO CUIDADO É POUCO!

    Nacionalização da Amazoia?! Interessante …
    Os políticos q/ tem real poder de decisão fazem acordos benefícos a eles e NÓS QUE VIVEMOS AQUI temos que recorrer a quem? Somente a DEUS!!!!!!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *