Reunião define diretrizes para Escola Tecnológica de Santarém

Obras da escola Tecnológica de Santarém

“Ambiente, saúde e segurança” e “infraestrutura” foram os dois eixos tecnológicos escolhidos para nortear a definição dos primeiros cursos que serão ofertados pela Escola Estadual de Educação Tecnológica e Profissional de Santarém, prevista para ser inaugurada até o primeiro semestre de 2013. A seleção dos eixos aconteceu na manhã de ontem (9), no auditório do Instituto Esperança de Ensino Superior (Iesps), na sede do município, no oeste do Pará.

Participaram da seleção representantes de cerca de 30 entidades da região, professores, diretores de escola e gestores municipais, durante o Fórum de Integração para a oferta das escolas tecnológicas em construção da rede estadual de ensino. Para a região do Tapajós, a estimativa é que sejam criados 190 mil novos postos de trabalho até 2013, por meio de investimentos em mineração, logística, comunicação e energia, entre outros.

Quase 60% desses empregos deverão ser especificamente para profissionais com qualificação técnica. O cenário promissor foi apresentado pelo diretor da Associação Comercial de Santarém, José de Lima Pereira, e pelo supervisor regional da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), Rosilvaldo Colares, que apontaram a necessidade urgente de qualificação de profissionais de acordo com os Arranjos Produtivos Locais (APLs). Atualmente, são cerca de 90 mil empregos formais e mais de 125 mil informais.

Fonte: Agência Pará

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.