Tragédia: Duas pessoas morrem em grave acidente na estrada de Alter do Chão

Gleiciany Lima

Mais um grave acidente de trânsito foi registrado em Santarém. No domingo à noite, no Km 30 da Rodovia Everaldo Martins, que liga a cidade de Santarém à vila balneária de Alter do Chão, mais precisamente em frente à comunidade de Caranazal, que fica localizada a 300 metros da Vila, resultando na morte de duas pessoas, a estudante Gleiciany da Cunha Lima, de 18 anos de idade; e o mecânico Erenildo dos Santos, de 30 anos. Os dois sofreram lesões graves e morreram no local do acidente.

Fatos: No local, chocaram-se violentamente um veículo Vectra e um ônibus da empresa Viação Borges, que faz a linha Santarém/Alter do Chão. A Polícia Militar, pelotão de Trânsito da PM, agentes da SMT, Samu e Corpo de Bombeiros foram acionados. O Corpo de Bombeiros esteve com duas viaturas no local do acidente, sob o comando do Sub/Tenente Delival. Informações são de que o Vectra trafegava no sentido Alter do Chão/Santarém e o ônibus no sentido contrário, quando houve a brutal colisão.

Na madrugada desta segunda-feira o Instituto Médico Legal (IML) liberou o corpo da estudante Gleiciany Lima, moradora da Rua Um, no bairro Elcione Barbalho, na grande área do Santarenzinho, que sofreu lesão visceral, toráxica e abdominal e hemorragia interna. Erenildo dos Santos, outra vítima fatal do acidente, morava na Travessa 25,  bairro Vitória Régia, teve hemorragia intracraniana e traumatismo crânio-encefálico. Outra vítima do acidente, Robson Barros Vieira, de 33 anos, que reside na Alameda 18, no bairro Jardim Santarém, era quem estava dirigindo o Vectra e continua internado no Hospital Regional de Santarém, sendo que seu estado inspira cuidados.

Fonte: RG 15/O Impacto

5 comentários em “Tragédia: Duas pessoas morrem em grave acidente na estrada de Alter do Chão

  • 14 de janeiro de 2013 em 12:38
    Permalink

    tomara q achem esses verdadeiros culpados eu sou vizinho dessa jovem e estou muito trst

    Resposta
  • 15 de agosto de 2012 em 15:14
    Permalink

    Quantas vidas já se foram nessas estradas estreitas e escuras que ligam nossa Santarém à mais linda praia do Pará…Cadê o responsável pelo trânsito de Stm, do Estado que não toma providências para entrar urgente com projetos, convênios, etc… visando alargar essas estradas, iluminá-las, acionar seus gestores para fazer valer sua opinião para melhorias das vias…Espaço tem de sobra às margens da Rodovia, é só ter boa vontade, ação emergencial, trabalho e responsabilidade com a coisa pública, aí sim, teremos visão à longa distância e espaço p/ cada um trafegar em sua mão, evitando acidentes desse tipo, tudo por falta de ação de quem deveria tomar as rédeas do problema e solucioná-las de imediato(Governo Municipal e Estadual).
    Meus pêsames aos familiares das vítimas e esperamos que haja bom senso também por parte dos motoras, que devem estar sempre atento à falta de estrutura das vias.

    Abs,

    Lucivaldo Brito(Moska)
    Brasília-DF.

    Resposta
  • 13 de agosto de 2012 em 18:49
    Permalink

    Esse pessoal que tem habilitação que dirigem são responsável não só pela a vida dele como tbm das outras pessoas que estão no carro dele, então eles tem que ter o máximo de cuidado quando forem ultrapassar outro veículo, pra que tanta pressa ??

    Resposta
  • 13 de agosto de 2012 em 17:16
    Permalink

    A FAMÍLIA ESTÁ SOFRENDO MUITO COM ESSE TRÁGICO ACIDENTE…. E EU ESTOU AQUI EM MANAUS …SOFRENDO MUITO COM ISSO E EXIJO QUE ALGO SEJA FEITO O OS VERDADEIROS CULPADOS SEJA PUNIDOS…♥

    Resposta
  • 13 de agosto de 2012 em 14:51
    Permalink

    Nao sei de quem foi a culpa nesse acidente,meus sentimentos aos familiares das vitimas,mas eu sou testemunha de que a maioria dos motoristas da empresa Borges trafegam em alta velocidade tanto dentro da cidade como e principalmente na estrada de Alter-do-Chao,digo isso porque no domingo dia 05/08 quando vinhamos de Alter em um dos onibus da Borges, um pai falou ao motorista:“@#%$&**…se vc nao sabe aqui tem familias inteiras“…falou pq o motorista vinha em alta velocidade e a cada curva parecia que o onibus ia virar,entao senhores proprietarios das empresas de onibus de Santarem vcs tem conhecimentos da forma como dirigem seus motoristas?depois de uma tragedia como essa voces vao tomar medidas preventivas? seus colaboradores fazem cursos de reciclagem?

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *