“Cid Moreira” é preso pela Polícia em Óbidos

“Cid Moreira” é acusado de aplicar golpes em diversos Estados do País1
“Cid Moreira” é acusado de aplicar golpes em diversos Estados do País

A Polícia Civil de Óbidos, no Oeste do Pará, prendeu em flagrante Lindberg Fernandes da Silva, conhecido como “Cid Moreira”. Ele é acusado de ser um dos maiores estelionatários das regiões Norte e Nordeste e já teria praticado golpes nos estados do Pará, Paraíba, Bahia, Rio Grande do Norte e Piauí.
Com 67 anos de idade e endereço residencial na rua Diogo Moia, bairro do Umarizal, em Belém, Lindberg foi preso por policiais civis comandados pelo delegado Elinelson Silva, no momento em que tentava deixar a cidade de Óbidos. Segundo o Delegado, ele teria aplicado golpes em comerciantes da cidade, hospedando-se e se alimentando em um hotel sem pagar a conta.
O acusado se apresentava aos comerciantes como representante comercial e empresário do ramo de pneus, alegando que estava na cidade para montar uma grande loja. “Ele conseguia enganar os comerciantes e conseguir crédito junto a eles”, apurou o Delegado.
“Cid Moreira” é conhecido por aplicar golpes em diversos estados da Federação. Basta fazer uma pesquisa na internet para visualizar reportagens e fotografias do acusado. Lindberg da Silva, em depoimento, alegou que apenas se hospedou em hotéis na cidade e admitiu não ter pagado a conta, mas, ao seu ver, não cometeu crime. Conforme levantamento da Delegacia de Óbidos, ele já aplicou golpes em cidades paraenses, como Salvaterra e Cachoeira do Arari, no Marajó, e em Santarém, Oeste do Pará.
Nessas cidades, ressalta o Delegado, ele teria deixado dívidas em hotéis e prejuízos para comerciantes. Lindberg também é acusado de aplicar os mesmos golpes nos municípios de Itaporanga, na Paraíba; Caicó e Currais Novos, no Rio Grande do Norte; em Casa Nova, na Bahia, e Petrolina, no Piauí. Ele está recolhido na Delegacia de Óbidos enquanto aguarda a remoção para uma das casas penais do Estado.
Em agosto do ano passado, o acusado foi preso na ilha do Marajó. Silva chegou a aplicar golpes em comerciantes das cidades de Soure e Salvaterra, onde ele se hospedou em hotéis, fez refeições em restaurantes, contratou serviços de taxistas e de duas moças para auxiliá-lo, mas não pagou pelos serviços. As fraudes geraram uma dívida de cerca de R$ 10 mil.
Às vítimas, segundo os relatos, Lindberg alegava que era representante de uma multinacional que iria se instalar em Soure ou em Salvaterra. Acompanhado de garotas de boa aparência, ele se valia do fato de ser um senhor de idade avançada e bem aparentado, sempre com boa conversa.
Assim, ele conseguia conquistar a confiança das pessoas e as enganava com objetivo de adquirir produtos e serviços, sob alegação de que as pagaria posteriormente. As vítimas, a maioria comerciante, foram à Delegacia para registrar ocorrência.
Juiz mantém prisão: Depois de ser preso e autuado em flagrante delito, acusado da prática do crime de estelionato em Óbidos, Lindberg Fernandes da Silva, vulgo ‘Cid Moreira’, já está recolhido em uma das celas da Central de Presos Provisórios de Santarém/PA. O auto de prisão lavrado pelo Delegado de Polícia Civil Elinelson de Oliveira Silva contra ‘Cid Moreira’ foi homologado pelo Juiz de Direito, Dr. Laércio de Oliveira Ramos, titular da 3ª Vara Cível da Comarca de Santarém, mas que responde pela comarca de Óbidos. O magistrado também converteu a prisão em flagrante em prisão preventiva. Agora ‘Cid Moreira’ deverá apresentar o ‘Jornal Prisional’ para os internos da Central de Triagem de Santarém.
Polícia prende acusado de homicídio:  Elissandro da Silva Sousa, acusado de cometer um homicídio na madrugada de terça-feira (12), foi preso em flagrante por policiais civis, comandados pelo delegado Elinelson de Oliveira Silva, com apoio de policiais militares. Bibiano Silva dos Santos foi morto a golpes de faca ao lado de uma escola, na periferia de Óbidos, município do Oeste do Pará.
Segundo foi apurado pelos policiais, o acusado passou o dia inteiro bebendo com a vítima, até o momento em que se desentenderam e aconteceu o assassinato. Elissandro já havia sido preso, também por homicídio. Ele permanece na Delegacia de Polícia Civil, aguardando transferência para uma das casas penais do Estado.
Traficante condenado a 3 anos de prisão: Um homem foi preso no final a tarde de quarta-feira (12), em cumprimento a um mandado de prisão expedido pelo Juiz de Direito, Dr. Paulo Pereira Evangelista, titular da 4ª Vara Criminal da Comarca de Santarém. Alessandro Aquino Pereira, conhecido como ‘Dom dom’, acusado de tráfico de drogas, foi condenado a três anos de reclusão, inicialmente em regime fechado. Além disso, ele terá que pagar R$ 300 dias/multa pelo crime. Após ser apresentado e submetido a procedimentos legais na 16ª Seccional de Polícia Civil, Alessandro foi transferido para cumprir a pena no Centro de Recuperação Agrícola Silvio Hall de Moura. Com informações da Polícia Civil.
Por: Carlos Cruz

Um comentário em ““Cid Moreira” é preso pela Polícia em Óbidos

  • 12 de fevereiro de 2016 em 10:49
    Permalink

    Esse vagabundo saiu devendo meu pai. Quem ver ele denuncia pra Polícia. Meu whatsapp.063-9955-2845. Me avise por favor.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *