Fuga em massa no presídio de Manaus – 36 detentos fogem do Compaj

Carlos Eduardo Alburquerque,Douglas Ferreira,Eider Carlos Barbosa,Israel Santos,Max Dione Monteiro,Osmar Delfino e Wellington Bindá, foram presos
Carlos Eduardo Alburquerque,Douglas Ferreira,Eider Carlos Barbosa,Israel Santos,Max Dione Monteiro,Osmar Delfino e Wellington Bindá, foram presos

Sete, dos 36 presos fugitivos do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), localizado na BR-174, Zona Rural de Manaus, na tarde de sábado (2), foram recapturados na madrugada deste domingo (3).
Segundo o tenente Silva Morais, da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam), os detentos foram encontrados por volta de 1h30 da madrugada em dois locais diferentes durante operação integrada com a Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejus).
Três dos foragidos estavam na comunidade 23 de Setembro, nas proximidades da BR-174. Dois detentos, foram achados em uma mata às margens da rodovia AM-010, que liga Manaus à Itacoatiara. “Os fugitivos estavam sujos de lama, sem documentos, sem armas e não apresentaram resistência durante a abordagem”, revelou o tenente Silva Morais.

Já na manhã de domingo, a Sejus divulgou novo relatório de busca incluindo a recaptura de mais dois internos foragidos do Compaj. Os detentos recapturados são: Osmar Delfino Filho, Wellington Bindá Monteiro, Max Dione da Silva Monteiro, Eider Carlos Barbosa da Silva, Douglas Ferreira de Souza, Carlos Eduardo de Albuquerque e Israel Santos Peres.
Ainda na madrugada, os sete fugitivos recapturados foram levados para o 18º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde foram registradas as fugas. Os presos estão à disposição da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP).
A Polícia Militar do Amazonas pede a colaboração da população, que pode denunciar a localização dos fugitivos pelos telefones: (92) 9428-4400, (92) 8842-1822, (92) 8842-1835 e (92) 8416-5902. A PM esclareceu que também serão aceitas ligações a cobrar com informações sobre os presos.

Fuga: Na tarde de sábado (2), 36 detentos fugiram da unidade prisional por um túnel escavado nos fundos do presídio. O tenente Ribeiro, da Força Tática, informou ao G1 que quatro carros estavam na frente da cadeia dando suporte à fuga dos detentos, que se comunicavam com pessoas de fora do presídio por celular. Mais de 100 policiais militares foram deslocados para o local, onde foram iniciadas as buscas em uma mata em área próxima à cadeia. Além disso, os policiais auxiliaram na contagem dos detentos. Foi constatada a ausência de 36 presos.
O tenente informou que os presos fugiram da cadeia por um buraco, que media um metro de altura por 1,90m de largura no muro, supostamente feito pelos próprios detentos. A rota de fuga foi fechada por agentes da Sejus para evitar que mais presos tentassem escapar.
Através de nota, a Sejus disse que a fuga dos 36 internos do Compaj, ocorreu por volta de 15h. A ação aconteceu por meio de um túnel no pavilhão 1. Logo após o ocorrido, os presos retiveram um agente disciplinar e alguns visitantes, mas após poucos instantes todos foram liberados e não houve feridos.

“A Tropa de Choque, Rocam e Força Tática estiveram no local e realizaram buscas nas imediações, além de montar barreiras na BR 174”, comunicou em nota.
A Sejus divulgou que irá instaurar inquérito policial e sindicância administrativa para apurar a fuga em massa.

 

Fonte: G1 

 

2 comentários em “Fuga em massa no presídio de Manaus – 36 detentos fogem do Compaj

  • 5 de março de 2013 em 08:56
    Permalink

    È por isso que no portodas Docas eles fazem controle rigoroso de ducumentação de quem viaja!

    Mas e na Tiradentes????

    Resposta
  • 4 de março de 2013 em 15:34
    Permalink

    ABRIRAM AS PORTEIRAS DO INFERNO.
    Alerta máximo ao setor de segurança pública de Stm pq esses bichos vem pra cá!
    As polícias e a mídia local deveriam estampar aqui em Santarém, as fotos bem nítidas desses bandidos, a população tem que conhecer a cara desses criminosos .

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *