Ex de Macarrão diz que ordem para matar Eliza Samudio partiu de Bruno

Andréa Rodrigues da Silva, ao chegar ao Fórum, fez a revelação bombástica
Andréa Rodrigues da Silva, ao chegar ao Fórum, fez a revelação bombástica

Uma ex-namorada de Luiz Ferreira Romão, o Macarrão, chegou ao Fórum de Contagem, em Minas Gerais, no início da tarde desta terça-feira e fez uma revelação. Andréa Rodrigues Silva, de 28 anos, disse ao repórter Pedro Trignelli, do site G1, que a ordem para matar Eliza Samudio partiu do goleiro Bruno Fernandes.

– O Macarrão me contou que a ordem partiu do Bruno – afirmou ela.

Andréa contou, ainda, ter ouvido de Macarrão, uma semana depois do desaparecimento de Eliza Samudio, um desabafo: “Fiz besteira. A casa vai cair”. Segundo ela, o casal manteve um relacionamento entre 2008 e 2010.

Andréa disse ainda detalhes da relação entre Bruno e Macarrão. Segundo ela, em 2010, os dois mantinham um relacionamento conturbado. A amizade já teria sido posta de lado e o jogador tratava o amigo como um empregado. Ainda de acordo com Andréa, Macarrão não gostava dessa postura do goleiro.

A mulher será testemunha no julgamento do ex-policial Marcos Aparecido dos Santos, o Bola, marcado para 22 de abril deste ano. O assistente de acusação José Arteiro contou que o depoimento de Andréa será bombástico: Macarrão teria confessado à ex onde o corpo de Eliza teria sido deixado.

Macarrão foi julgado em novembro do ano passado e condenado a 12 anos de prisão.

Fonte: Extra On Line

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *