Celpa teve prejuízo de quase R$ 700 milhões em 2012

Celpa Rede
Celpa Rede

A Celpa divulgou nesta quinta-feira, dia 04, o resultado do exercício de 2012, considerado um ano de muita dificuldade e mudanças na empresa. No ano passado, a empresa apresentou prejuízo líquido de R$ 696,9 milhões, uma piora de 78,2% em relação ao resultado já negativo de R$ 391,2 milhões em 2011. Assim, a concessionária acumula um prejuízo de mais de R$ 1 bilhão nos dois últimos anos, o que mostra a sua delicada saúde econômico-financeira. Em fevereiro de 2012, a empresa entrou em Recuperação Judicial, ainda sob a administração do Grupo Rede, sendo que em novembro a Equatorial Energia assumiu o controle acionário da concessionária.

Em função desse cenário, a Celpa vem trabalhando na reestruturação dos processos, na renegociação de contratos e redução de custos operacionais. Entretanto, está priorizando a retomada de novos investimentos no sistema elétrico com o objetivo de melhorar os serviços prestados aos clientes. Essas medidas e uma série de outras ações vêm sendo conduzidas pela direção da empresa, por meio do seu Plano de Reestruturação, de forma responsável e compatível com a atual condição da empresa, buscando sempre a melhoria do atendimento à população paraense.

“Para recuperarmos a saúde econômico-financeira da Celpa, precisamos cortar custos e gerir adequadamente os recursos”, avalia o atual presidente da Celpa, Nonato Castro, que assumiu a gestão da empresa no final de 2012.

O presidente diz ainda que, apesar do resultado negativo de 2012, a Celpa acredita muito no potencial do Pará e nas pessoas que vivem e fazem a diferença no Estado. “E são a essas pessoas, clientes da Celpa, que pedimos a compreensão e um voto de confiança de que haverá melhorias gradativas na prestação do serviço e na qualidade da energia. Tenho convicção de que temos todos os ingredientes necessários para colocarmos a Celpa entre as melhores concessionárias do Brasil. Cremos no modelo de gestão que estamos implantando e que é adotado nas melhores empresas, porque já vivenciamos uma situação como esta e conseguimos resultados surpreendentes”, conclui.

Celpa informa sobre novos investimentos no Oeste do Pará

Em audiência pública realizada na manhã do dia 02 de abril, na Câmara de Vereadores de Santarém, a Celpa apresentou parte de uma série de investimentos que visam a melhorar a capacidade de fornecimento de energia elétrica em toda a região Oeste do Pará. A concessionária está nova sob nova gestão desde novembro de 2012, e por estar em uma situação financeira delicada, vem trabalhando na reestruturação de processos, renegociação de contratos e iniciando novos investimentos no sistema elétrico com o objetivo de melhorar os serviços prestados aos clientes.

Durante a audiência pública, o Executivo de Relacionamento com o Cliente na Região Oeste do Pará, Alexandro Freitas, falou do Plano de Reestruturação da empresa, que consolida as ações necessárias que estão sendo conduzidas de forma responsável e compatível com a atual condição da empresa, sem nenhum prejuízo ao atendimento da população paraense. Em 2013,  mais de R$ 650 milhões serão investidos no Pará. “Todos na Celpa estamos empenhados em oferecer um serviço de qualidade. Planejamos várias ações que resultarão em mudanças para melhor, mas que serão implementadas gradativamente, mas de forma constantes”, explica o Executivo da Celpa.

O Executivo da Celpa falou também da reestruturação de agências em todo o Estado, mais modernas, que contemplará ainda neste primeiro semestre do ano a agência de Santarém. Além disso, falou do Comitê de Clientes, por meio do qual a concessionária acompanha indicadores de atendimento e demandas de clientes, bem como a parceria com a Prefeitura de Santarém,  em que são realizadas reuniões semanais para tratar de assunto de interesse do município.

Ainda no pacote de ações programadas, a partir do mês de maio a Central de Atendimento ao Cliente da Celpa voltará a atender integralmente no Pará, disponível 24 horas durante os sete dias da semana. Atualmente o teleatendimento funciona cerca de 90% em Campo Grande (MS). De acordo com Freitas,  esse serviço  é fundamental no relacionamento entre a concessionária e seus clientes, por isso esse investimento está entre as prioridades.

O Executivo de Expansão, Reynaldo Serrão, falou da retomada do Programa Luz Para Todos, assunto que já vem sendo discutido com o CGE – Comitê Gestor Estadual e representantes da Eletrobrás, do Ministério de Minas e Energia (MME) e Celpa.  Parceria entre Governo Federal e Celpa, o Luz Para Todos tem como meta de levar o acesso à energia elétrica para milhões de pessoas que residem no meio rural. Já Walter Alex, da área de Gestão Comercial, fez a apresentação da Tarifa Social de Energia Elétrica, subsidiada pelo governo federal e que visa oferecer uma tarifa menor a clientes cadastrados em programas sociais do governo federal.

Fonte: RG 15/O Impacto e Tom Lima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *