Justiça adia audiência sobre compra de votos em Belterra

Prefeita Dilma saiu sem falar com a imprensa
Prefeita Dilma saiu sem falar com a imprensa

A audiência para ouvir as testemunhas na Ação de Investigação Judicial Eleitoral que apura suposta compra de votos por integrante do PT de Belterra, que deveria ser realizada nesta segunda-feira, dia 08, foi adiada para o dia 07 de maio, em virtude da ausência do membro do Ministério Público que não compareceu ao ato.

Aparato Policial: Um forte aparato policial foi montado para garantir a segurança nas instalações da UFOPA, já que a audiência deveria acontecer na sede do Juizado Especial do Consumidor que funciona no interior da universidade.

Aparato policial
Aparato policial

Nada menos que duas viaturas da Policia Federal e mais uma do Grupo Tático da PM estiveram presentes para garantir a lei e a ordem no local, prevendo possível enfrentamento das duas correntes envolvidas na ação.

Estiveram presentes a Prefeita de Belterra, Dilma Serrão (PT), o vice-prefeito Dr. Flávio, o Vereador Marlisson (PT), o Secretário de Educação Municipal Luciano Gomes, acompanhados do advogado Dr. Dilton Tapajós.

Catraca, testemunha contra Dilma, promete falar tudo
Catraca, testemunha contra Dilma, promete falar tudo

Por outro lado, também estavam presentes as testemunhas arroladas pela defesa acompanhadas dos advogados Paulo Correa e Edna Carneiro, além do presidente do Democratas de Belterra, o senhor João Rocha.

Uma grande surpresa foi a chegada de Joscinaldo Delgado, conhecido por “Catraca”, que foi preso em flagrante delito no dia da eleição acusado de comprar votos para o PT de Belterra. “Catraca” compareceu ao local acompanhado de seu advogado, Dr. Hiroito Tabajara, e segundo nossa reportagem apurou, “Catraca” está disposto a contar tudo que sabe sobre os fatos envolvendo suposta compra e venda de votos, distribuição de combustível, promessas de empregos e outras coisas que aconteceram durante a campanha eleitoral envolvendo o PT de Dilma Serrão, no município de Belterra.

Fonte RG 15/O Impacto, com informações e fotos de Elias Junior

 

Um comentário em “Justiça adia audiência sobre compra de votos em Belterra

  • 8 de abril de 2013 em 18:58
    Permalink

    O Povo de Belterra estão todos unidos e torcendo para a Prefeita Continuar co comando da Prefeitura que está aos poucos colocando no rumo e fazendo um bom trabalho. Já o grupo do Médico Macedo precisa pagar as contas da campanha e quer a qualquer custo tomar as chaves do cofre da Prefeitura de Belterra na Marra. AJustiça vai ser feita e a Prefeita Dilma será mantida como Prefeita para o bem do povo de Belterra.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *