Belterra marcou época no futebol paraense

Belterra
Zagueiro Belterra

Jorge Wilson Whangon Coelho representa uma categoria a parte na história do futebol paraense. Zagueiro classudo, elegante e, acima de tudo leal. Nunca recebeu cartão vermelho por falta violenta. Jogador inteligente, pegava a bola e partia com ela até o meio campo para armar jogadas. Campeão paraense 10 vezes, marcou época com as camisas de Paysandu, Remo e Tuna. Principalmente com a azulina, onde conquistou oito títulos estaduais e participou de 32 dos 33 jogos do tabu entre 93-97. Esse é o personagem do dia da série Cards Super Bola, o inesquecível zagueiro Belterra.

Revelado para o futebol paraense pela Tuna, conquistou o – até o momento – último título estadual da história do clube no Parazão 88. O bom futebol seduziu os dirigentes azulinos que o levaram para o Baenão em 89 e, de cara, ele conquistou um tricampeonato entre 89-90. Sua participação foi tão decisiva no pentacampeonato entre 93-97 que a torcida azulina o “perdoou” pelo título vestindo a camisa do Paysandu em 98.

Belterra, ao lado de Abel, Marinho, Mesquita e Dema faz parte do seleto grupo de cinco atletas campeões estaduais pelo trio de ferro da capital – Paysandu, Remo e Tuna Luso.

No time do Remo campeão em 1993, junto com Biro-Biro, Agnaldo e Cacaio
No time do Remo campeão em 1993, junto com Biro-Biro, Agnaldo e Cacaio

Entre as muitas emoções vestindo a camisa azulina, uma fala mais forte ao zagueiro – o dia em que ele venceu um Re-Pa como técnico e jogador ao mesmo tempo. “Tínhamos acabado de perder a Copa Norte pro Rio  Branco e a direção demitiu o técnico Luisinho há três dias do Re-Pa. Eu e o Agnaldo assumimos o jogo e saímos perdendo por 1×0. Como a derrota não nos interessava, resolvemos partir com tudo e colocamos o time com cinco atacantes. Viramos o jogo faltando 11 minutos para o seu final, e vencemos por 3×1”, lembra o zagueiro. Aquele foi o 33º jogo do tabu de 33 jogos, e garantiu à torcida azulina, além da gozação pela vitória, o título do primeiro turno do Parazão 97. Foi muita festa.

Fonte: Diário do Pará

Um comentário em “Belterra marcou época no futebol paraense

  • 15 de abril de 2013 em 21:36
    Permalink

    grande Belterra,foi revelado pelo são francisco o leão do tapajos

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *