Operação Sorriso realizará quase 60 cirurgias gratuitas em Santarém

Operação Sorriso
Operação Sorriso

O programa humanitário que leva cirurgias a pacientes com fissuras labiopalatinas será realizado pelo sétimo ano em Santarém. A seleção dos pacientes acontecerá no dia 02 de dezembro, a partir das 08h, na Casa de Saúde da Criança (Av. Barão do Rio Branco, 860 – Santa Clara). As cirurgias serão realizadas entre os dias 04 e 07 de dezembro, no Hospital e Maternidade Sagrada Família (Av. Presidente Vargas, 1606 – Santa Clara). Pacientes de outros municípios também podem participar da seleção.

Um estudo feito em parceria entre o Centro de Estudo de Genomas da USP e a Operação Sorriso (OS) mostrou que o fator foi predominante em grande parte dos pacientes com lábio leporino e/ou fenda palatina, no estado do Pará e no município de Santarém.

“Os nossos resultados sugerem uma importante contribuição genética  para a ocorrência das fissuras nesta região. Mas ainda não foi identificado um marcador genético de predisposição à fissura labiopalatina. Mais estudos são necessários para que possamos desenvolver testes genéticos ainda mais eficientes e que possam ser aplicados nas famílias com, pelo menos, uma criança com fissura”, explica Maria Rita Passos Bueno, geneticista e coordenadora do Laboratório de Genética da USP e uma das responsáveis pelo projeto.

Para participar da seleção não será necessário fazer inscrição prévia, apenas comparecer ao local nos dias indicados levando documentos de identificação do paciente e também do responsável. Caso tenha, também, o requerente deve trazer exames de sangue recentes (realizados há seis meses ou menos). Pacientes e mais um familiar que residam fora do município poderão solicitar hospedagem gratuita no dia da avaliação. A organização também oferecerá transporte do alojamento até ao hospital e alimentação sem custo.

O coordenador da Operação Sorriso em Santarém, o médico Jocivan Pedroso, informa que o município disporá  de toda estrutura logística para garantir a melhor qualidade no atendimento, nas cirurgias e no pós-operatório dos pacientes. “São pessoas que viajam horas para conseguir essa oportunidade, pedem ajuda a família ou amigos e superam desafios enormes para conseguir o direito de sorrir. Todo esforço que fizemos para dar a uma criança o direito de sorrir e crescer com dignidade vale a pena”, diz.

 Ao todo, 50  voluntários de 11 estados do Brasil e de outros países como: Paraguai e Suécia estarão envolvidos no programa humanitário de Santarém. Os colaboradores — muitos deles referências em suas áreas de atuação — pertencem a diferentes especialidades: cirurgia plástica, enfermagem, anestesia, psicologia, ortodontia, fonoaudiologia, pediatria, entre outras.

Desde 2007, já foram realizadas mais de oito mil consultas em quase mil pacientes. Mais de 300 pessoas foram operadas e mais de 500 procedimentos cirúrgicos foram feitos durante os programas humanitários no Pará. A Operação Sorriso conta com o apoio dos seguintes órgãos e instituições:  Marinha do Brasil, Secretaria Estadual de Saúde do Pará, da Secretaria Municipal de Saúde de Santarém, do Ministério Público do Pará, Associação Brasileira de Cirurgia Crânio-Maxilo-Facial (ABCCMF), Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), Projeto Genoma Humano, Casa da Criança e Hospital e Maternidade Sagrada Família.

SERVIÇO

Missão humanitária da Operação Sorriso em Santarém (PA)

Dia de seleção dos pacientes: 02 de dezembro de 2013

Local: Casa da Criança (Av. Barão do Rio Branco, 860 — Bairro Santa Clara)

Horário: a partir das 8h

Informações: (93) 9184-0241

Datas das cirurgias: De 04 a 07 de dezembro

Local: Hospital e Maternidade Sagrada Família (Av. Presidente Vargas, 1.606 — Bairro Santa Clara)

Outras informações poderão ser obtidas através do telefone (93) 9184-0241.

Atendimento pós-operatório gratuito

Também no dia 02 de dezembro, na Casa da Criança, os voluntários da Operação Sorriso realizarão a avaliação pós-operatória dos 71 pacientes que já fizeram a cirurgia para correção de lábio leporino e/ou fenda palatina na missão humanitária ocorrida em setembro de 2012. “É nesse momento que avaliaremos o resultado da cirurgia anterior e se há necessidade de uma nova cirurgia, os tratamentos necessários e até mesmo a alta cirúrgica. E sempre dizemos que essa é a hora de matarmos as saudades dos nossos pacientes”, comenta Luciana Glaser, coordenadora dos programas da OS.

Para ajudar

Quem quiser ajudar pode fazer doações em dinheiro (que facilitam compras em grande quantidade): www.doeumsorriso.org.br

Quem quiser doar em produtos

Alimentos não perecíveis, leite em pó, suplementos alimentares, xampu, fraldas e material de limpeza. As doações poderão ser encaminhadas à sede da Casa da Criança.

Quem puder ajudar na divulgação, ajudando a fazer com que essa oportunidade chegue aos pacientes, pode encontrar os materiais que a ONG disponibiliza — cartaz, vt, banner para sites, facebook e spot — no site: www.operacaosorriso.org.br.

 Doações para Operação Sorriso podem ser feitas direto em conta:

Associação Operação Sorriso do Brasil

CNPJ: 08.691.563/001-85

Banco Itaú – 341

Ag: 8729 C/C: 23082-4

Comunicar depósito através do e-mail:contato@operationsmile.org.br

Relatórios financeiros disponíveis no site

*As empesas também podem apoiar a Operação Sorriso com recursos

Financeiros, humanos ou contribuições em espécie ou através de parcerias corporativas.

 Fonte RG 15/O Impacto 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *