Igreja Universal é investigada por obrigar pastores a fazer vasectomia

A Igreja Universal do Reino de Deus está sendo acusada de obrigar pastores e bispos a se submeterem a vasectomia e agora vai ter que se explicar na Justiça.

De acordo com a colunista Mônica Bergamo, do jornal “Folha de S. Paulo”, o caso está nas mãos do Ministério Público do Trabalho de Osasco (SP) que tenta reunir provas contra a instituição para poder entrar com a ação civil pública.

Segundo a publicação, a igreja de Edir Macedo foi condenada a pagar R$ 150 mil de indenização para um pastor que alegou ter sido obrigado a fazer o procedimento para poder assumir o cargo.

A Universal admitiu que tem outros processos desse mesmo tipo contra ela, mas que isso não existe. “A acusação é desmentida facilmente pelo fato público e notório de que grande parte de nossos bispos e pastores têm filho”, informaram em nota.

 

(Com informações da Folha de São de São Paulo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *