Bocão Ed. 1108

BOCÃO 01O DESESPERO DO ZÉ

Fiquei sabendo que o Procurador do Município, Dr. José Maria Lima, se manifestou contra o resultado da pesquisa publicada no Jornal O Impacto. Dr. José Maria, se o senhor acha que houve fraude, ingresse na Justiça. Como competente advogado não misture questões técnicas com política, pois qualquer empresa com qualquer tipo de atividade pode mandar fazer pesquisa. Fraude foi o que ocorreu no plebiscito de Mojuí dos Campos, aquilo sim que houve até condenação e um acordo, lembra Dr. José Maria? A justiça homologou a pesquisa, ela está errada Dr. José Maria? Sei do seu amor pelo serviço público; é medo de perder esse emprego? Sei do que ocorreu no plebiscito de Mojuí dos Campos. Então, não tire uma de neófito, já tem experiência como advogado, qualquer empresa pode encomendar pesquisa. Uma lava jato pode acontecer na Prefeitura a exemplo do plebiscito de Mojuí dos Campos. Dr. José Maria, a Justiça é o meio legal para decidir o certo ou o errado.

O DESESPERO DO ZÉ 2

Dr. José Maria, é desespero? Ou é amor demais no serviço público? O Jornal O Impacto sempre encomendou pesquisa e todas deram certo. Em todas as pesquisas divulgadas, o candidato ganhou. Até do seu Prefeito, lembra Dr. José Maria? Esqueceu o amor que o senhor tinha pelo ex-prefeito Lira Maia? Ou o senhor só fica ao lado de quem está no poder? Dr. José Maria Lima, a pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral, será que o senhor tem mais conhecimento do que a autoridade judicial? Será que o senhor tem poder de mando? Perguntar não ofende Dr. José Maria, analise a situação tecnicamente e não politicamente, é feio como advogado o senhor se expressar por amor ao emprego.

BOCÃO 02ENGANANDO O POVO

O Ministério Público Eleitoral deve ficar de olho no prefeito Alexandre Von. Passou mais de 3 anos sem visitar o povo como Prefeito, agora como candidato só vive nas ruas. Agora em época de campanha as máquinas da Prefeitura não param de trabalhar. É trabalho em prol da sociedade ou para conseguir voto?

ENGANANDO O POVO 2

O prefeito Von fala bonito, deve ganhar todos os debates, porém, não gosta de trabalhar, já provou isso nesses quase 4 anos. Sabendo que não vem mais para a reeleição, a situação vai piorar ainda mais. Falar bonito é sinal de lero-lero, trabalho que é bom, neca-neca.

BOCÃO 03PERSEGUIÇÃO DO FISCO

A perseguição tributária continua no Oeste do Pará. Pior para pequenas empresas enquadradas no Simples, que são obrigadas a pagar imposto pela apreensão de mercadoria. As empresas são coagidas a recolher imposto, quando o Fisco realiza apreensão e só libera se o empresário recolher o imposto. O mais absurdo é quando o Fisco elege a transportadora como fiel depositária e não as empresas responsáveis pelas mercadorias, já que são elas que pagam os fornecedores e sofrem prejuízos com apreensão indevida.

PERSEGUIÇÃO DO FISCO 2

Como forma de pressão, o Fisco passa a responsabilidade para as transportadoras auferirem vantagem com o armazenamento, com apoio do Secretário da Fazenda e demais autoridades, que fecham os olhos diante de tamanha arbitrariedade. O Fisco do Estado no atual governo trata os empresários com dois pesos e duas medidas – ou “duas caras”, os empresários são sacrificados, perseguidos e humilhados, com procedimentos arbitrários do secretário Nilo. Alguns auditores, às vezes extrapolam suas funções pressionando os empresários. É uma vergonha a pressão que os empresários sofrem.

PERSEGUIÇÃO DO FISCO 3

A burocracia excessiva, perseguição fiscal, apreensão de mercadorias, indicação da transportadora como fiel depositária, pressão psicológica para recolher o imposto indevidamente e outras humilhações que submetem os empresários pelas ordens do Secretário. Os empresários devem denunciar na Assembléia Legislativa, através do deputado Eraldo Pimenta, que já demonstrou interesse em defender os empresários das arbitrariedades e pressão para recolher ICMS.

BOCÃO 04INCENTIVANDO A SONEGAÇÃO

A representante da empresa Individual Maria Solange de Carvalho – CNPJ nº 18.548.862/0001-19 e SEFA nº 15.417.954-0, ingressou com representação junto a SEFA informando que um indivíduo comprou na razão social de sua empresa uma grande quantidade de mercadoria e o processo foi arquivado, não demonstrando as autoridades nenhum interesse em apurar a situação; presume-se porque a empresa é de pequeno porte.

INCENTIVANDO A SONEGAÇÃO 2

O arquivamento é ilegal, já que promove enriquecimento ilícito de terceiros em detrimento a outrem. Com esse procedimento irregular os empresários devem comprar em nome de outras empresas, já que nada acontece com quem compra na razão social de terceiros.

INCENTIVANDO A SONEGAÇÃO 3

Com descaso da SEFA, a representante da empresa, através de sua advogada, ingressou na justiça para saber do Coordenador o motivo de ter arquivado e protegido o empresário que comprou milhões de reais em sua empresa. O Fisco usa duas medidas e dois pesos. Isso demonstra que sua administração não é igual para todos. Ou seja, alguns possuem privilégios.

BOCÃO 05DESEMBARGADOR E OAB

O desembargador Francisco Sérgio Rocha, Presidente do TRT, veio exclusivamente a Santarém, atendendo um pedido do Presidente da OAB Santarém, Dr. Ubirajara Bentes Filho. Na ocasião, prometeu modernizar o sistema de informática da Justiça Trabalhista para satisfazer os interesses dos usuários e advogados. O Presidente do Tribunal elogiou a administração do Birinha à frente da OAB em defender a classe e os interesses sociais. Birinha hoje está cotado para na próxima eleição ser o Vice Estadual de Alberto Campos.

BOCÃO 06MERCADORIA PIRATA

Recebi um e-mail informando que está entrando em Santarém muita peça de bicicleta roubada de outros Estados sem nota fiscal e a SEFA está fechando os olhos, se preocupando apenas com as mercadorias que entram via sistema. Quem compra contrabando tem privilégio e pode vender tranquilamente, agora quem compra com nota fiscal aos olhos da SEFA, esse sim, é perseguido, humilhado e forçado a recolher tributo de forma indevida, já que as cartinhas enviadas pelo Coordenador informando que tem imposto a recolher, não vem acompanhada das provas, ou seja, das notas fiscais. Se o contribuinte não recolher no escuro sem saber o que está recolhendo, é fiscalizado e penalizado. O Fisco se tornou um Tribunal de Justiça; muito mais, manda e desmanda sem que ninguém faça alguma coisa.

BOCÃO 07OUVIDORIA DA SEFA

A presença da Dra. Deolinda Ferreira Fagundes na Ouvidoria da SEFA é de grande utilidade para o Estado. A Ouvidora não acumula obrigações, ela tem demonstrado competência e celeridade nas questões provocadas. Responde todas as reclamações. Ela é um exemplo de servidora a ser seguida por Coordenadores e outros chefes de setores da SEFA. Parabéns Dra. Deolinda, pela eficiência e competência no serviço público.

BOCÃO 08ABUSO DO DETRAN

Uma leitora encaminhou denúncia à coluna, com pedido de publicação, para falar sobre o abuso cometido por agentes do Detran, em Santarém: “Amigo, Bocão, apreenderam uma moto de minha empresa que estava toda regular, em uma blitz. Isso aconteceu no final da tarde da última sexta-feira. O documento da moto estava regular e o condutor tinha habilitação. O único problema é que na ocasião da blitz, o condutor estava com a taxa de licenciamento anual paga e com o documento antigo, já que o novo ainda não havia chegado. Mesmo assim, a moto foi apreendida e levada pelo guincho, junto com outras sete motos. O agente do Detran informou que não podia fazer nada e que a situação só poderia ser resolvida na segunda-feira; e que fôssemos ao Detran às 8 horas, que não pagaríamos diária. Mas nada disso aconteceu; cheguei no Detran às 07:45 horas, enfrentei uma fila gigantesca e só começaram a atender às 08:30 horas. Resultado, tive que pagar R$ 152,00 de duas diárias. Amigo Bocão, no Auto de Infração o agente do Detran colocou que o condutor estava sem habilitação e para infelicidade dele, colocou o número da habilitação no Auto. Se contradisse. Agora eu pergunto: Será que isso eles estão fazendo com todos que possuem veículos? Será que a ordem do Governador é arrecadar, para ajudar seu candidatos nessas eleições? Eles estão fazendo de tudo arrecadar dinheiro”. A denúncia é séria e o Ministério Público deve entrar em ação e investigar essa denúncia de abuso dos agentes do Detran.

Por: Emanuel Rocha

23 comentários em “Bocão Ed. 1108

  • 29 de agosto de 2016 em 14:28
    Permalink

    Bocão.
    O que houve no plebiscito do Mojui? Nosso primeiro acordo caso haja vitória, é que queremos cortar as asas do zé. Se acha o dono, atrapalhando o setor produtivo e travando os processos. Agora essa questão das transportadoras serem fiel depositário das mercadorias, é o cúmulo, isso tem que acabar Bocão, chega de criminalizar o empresário, como se gerar emprego e renda fosse crime, temos que apertar o secretário novamente, seja via Eraldo ou qualquer outra forma. Bocão, quem foi esse estrela que conseguiu comprar essa fortuna em outro cnpj? E realmente, a pirataria é um mal recorrente da nossa cidade, prejudicando quem procura trabalhar de forma correta, como se a legalização do seu negócio fosse uma sentença de morte. Acho que ainda não percebe-se, que matar a galinha de ouro não é negócio para ninguém. Desde que me entendo, esse detran é da mesma forma, entra governo e sai governo e as indicações políticas é que matam.

    Resposta
  • 27 de agosto de 2016 em 20:10
    Permalink

    Erasmo Maia não tem moral pra falar da administração do prefeito ALEXANDRE vON por vários motivos:
    1- foi secretario e queria fazer a mesma coisa que fez câmara como presidente; mexer o dinheiro do povo, Alexandre não deixou.
    2- pergunta por que ele não é candidato.
    3- tá respondendo processo de roubo na câmara quando era presidente.
    4- todos os políticos Maia estão com 10 anos de direitos políticos suspensos pela justiça.
    luiz

    Resposta
  • 26 de agosto de 2016 em 15:10
    Permalink

    A SEFA é assim. Quando é coisa pequena eles nao dão atenção, quando é coisa grande eles brigam emtre eles.

    Resposta
  • 26 de agosto de 2016 em 14:38
    Permalink

    Esse Jose Maria esta rico meu irmão, bate nele bocão, ele estava no exterior com o salario da prefeitura. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Resposta
  • 26 de agosto de 2016 em 14:30
    Permalink

    Bocão. O que houve no plebiscito do Mojui? Nosso primeiro acordo caso haja vitória, é que queremos cortar as asas do zé. Se acha o dono, atrapalhando o setor produtivo e travando os processos. Agora essa questão das transportadoras serem fiel depositário das mercadorias, é o cúmulo, isso tem que acabar Bocão, chega de criminalizar o empresário, como se gerar emprego e renda fosse crime, temos que apertar o secretário novamente, seja via Eraldo ou qualquer outra forma. Bocão, quem foi esse estrela que conseguiu comprar essa fortuna em outro cnpj? E realmente, a pirataria é um mal recorrente da nossa cidade, prejudicando quem procura trabalhar de forma correta, como se a legalização do seu negócio fosse uma sentença de morte. Acho que ainda não percebe-se, que matar a galinha de ouro não é negócio para ninguém. Desde que me entendo, esse detran é da mesma forma, entra governo e sai governo e as indicações políticas é que matam.

    Resposta
  • 26 de agosto de 2016 em 11:18
    Permalink

    Esse bocão é demais.O procurador ze maria tá rico bocão, viaja para o exterior, tem imovel, vou te da a dica.

    Resposta
  • 26 de agosto de 2016 em 10:41
    Permalink

    Isso acontece muito, mais do que imaginam de “pequenas empresas” de interior e até mesmo de dentro da cidade, de bairros, mais afastados comprarem no CPNJ de outras empresas, lógico com ajuda de alguém de dentro do grupo de distribuição do fornecedor, pois sozinhos eles não iam conseguir os dados necessários para a fraude. Vergonhoso, pois não há necessidade de fazer isso. São pessoas que não tem o auxilio de um Contador, de alguém que possa ajudar nesses quesitos básicos, mal eles sabem que compras no próprio CNPJ dão direito a crédito e reduz e muito impostos estaduais.

    Resposta
  • 26 de agosto de 2016 em 10:39
    Permalink

    É um desespero só, não basta a SEFA recolher de qualquer jeito fundos para as eleições agora o DETRAN, Só faltava essa !!!!!

    Resposta
  • 26 de agosto de 2016 em 10:38
    Permalink

    Agora me explica como que no Brasil para ser, mas exato em Santarém do Pará o certo é errado é o errado é certo. Pirateiros não pagam impostos não pagam funcionários, não tem despesas e estão aí atuando livremente, em contra partida os empresários são perseguidos com cobranças abusivas, com suas inscrições suspensas e impedidas de comprar e vender. Será que isso é só aqui????!!!será?

    Resposta
  • 26 de agosto de 2016 em 10:36
    Permalink

    Von, tá desesperado … quer mostrar serviço no final da candidatura. Coloca os funcionários da prefeitura para trabalhar até anoitecer, prova disso são as ruas do bairro no Maracanã. Anel viário, fala sério!!!!

    Resposta
  • 26 de agosto de 2016 em 10:22
    Permalink

    Já fiz comentários sobre a gestão do Von de diversas formas, mas ao ver o desespero dele em saber que ele precisa de alguma forma, levantar uma moral já há tempos perdidas e que hoje a população santarena acordou pra isso, eu acho isso mais um episódio hilário da vida pública de mais um representante da nossa bela cidade. Somos bem capazes de ser uma cidade modelo, com bons exemplos de infraestrutura, educação, saúde… O que faltou nessa gestão foi diálogo, planejamento, ser uma gestão aberta ao bem da população… a ignorância e orgulho fez e deixou marcas negativas para a população. Temos a chance de reverter isso e acabar de uma vez com esses lindos rostos que hoje invadem a sua casa em busca de votos e confiança neles.

    Resposta
  • 26 de agosto de 2016 em 09:48
    Permalink

    Von, tá desesperado … que mostra serviço no final da candidatura. Coloca os servidores para trabalhar até anoitecer, prova disso são as ruas do bairro no maracanã. Anel viário, fala sério!!!!

    Resposta
  • 26 de agosto de 2016 em 09:22
    Permalink

    Zé Maria sentiu a pressão agora, ficou com medinho. São anos de mamada, né Zé?! Santarém está abandonada por causa de políticos como ele, só querem se beneficiar, mas não fazem nada pela cidade.

    Resposta
  • 25 de agosto de 2016 em 16:45
    Permalink

    José Maria quer mais quatro anos de moleza… deveria se envergonhar desse governo que só levou Santarém ao caos. Pior do que já estava.

    Resposta
  • 25 de agosto de 2016 em 16:41
    Permalink

    O Estado está tocando o terror em todos os segmentos. Não temos a quem recorrer. É empresario sendo perseguido, é cidadao comum sendo perseguido, é professor tendo seus direitos ignorados e nao pagos, é porrada de todo lado. Já cheeega.

    Resposta
  • 25 de agosto de 2016 em 16:35
    Permalink

    Comprar milhoes no nome de outrem e nao sofrer nenhuma consequencia é um absurdo. Como pode a Sefa ser omissa numa denuncia dessas? e ficar tocando o terror em quem está tentando fazer tudo direitinho apesar dos pesares?

    Resposta
  • 25 de agosto de 2016 em 16:33
    Permalink

    Seu Birinha merece o respeito dos cidadãos santarenos. Preside com maestreza a subseção de Santarém. Sempre comprometido com as causas de relevancia para o nosso povo.

    Resposta
  • 25 de agosto de 2016 em 16:30
    Permalink

    Presidente, deputados, senadores, prefeitos
    Governadores, secretários, vereadores, juízes
    Procuradores, promotores, delegados, inspetores
    Diretores, um recado pras senhoras e os senhores
    Eu pago por tudo isso, imposto sobre o serviço
    A taxa sobre o produto, eu pago no meu tributo
    Pago pra andar na rua, pago pra entrar em casa
    Pago pra não entrar no Spc e no Serasa
    Pago estacionamento, taxa de licenciamento
    Taxa de funcionamento liberação e alvará
    Passagem, bagagem, pesagem, postagem
    Imposto sobre importação e exportação, Iptu, Ipva
    O Ir, o Fgts, o Inss, o Iof, o Ipi, o Pis, o Cofins e o Pasep
    A construção do estádio, o operário e o cimento
    Eu pago o caveirão, a gasolina e o armamento
    A comida do presídio, o colchão incendiado
    Eu pago o subsídio absurdo dos deputados
    A esmola dos professores, a escola sucateada
    O pão de cada merenda, eu pago o chão da estrada
    A compra de cada poste eu pago a urna eletrônica
    E cada arvore morta na nossa selva amazônica
    Eu pago a conta do Sus e cada medicamento
    A maca que leva os mortos na falta de atendimento
    Paguei ontem, pago hoje e amanhã vou pagar
    Me respeita! Eu sou o dono desse lugar!

    Chega!

    Resposta
  • 25 de agosto de 2016 em 16:27
    Permalink

    Onde vamos parar com toda essa perseguição? A Sefa daqui a pouco ja vai estar mandando cartinhas pra gente no mes subsequente ao recolhimento. Somos empresários, nao somos bandidos. Merecemos respeito.

    Resposta
  • 25 de agosto de 2016 em 16:24
    Permalink

    Seu zé ta desesperado… kkkkk
    Tadinho, a crise amedronta mesmo. Eles nao querem perder a teta pra sugar mais 4 anos. Quer moleza, Ze? senta num pudim.

    Resposta
  • 25 de agosto de 2016 em 15:46
    Permalink

    As famosas “obras eleitoreiras”… nesse periodo veremos o pessoal que presta serviço pra prefeitura sendo escravizados pelas ruas de Santarem.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *