‘Carne Fraca’: escândalo pode banir Brasil do mercado mundial

O envolvimento de empresas como JBS e BRF na Operação Carne Fraca, acusadas de subornar fiscais para vender produtos adulterados, pode levar o Brasil a ser banido do mercado. No governo há a suspeita até de “espionagem industrial” manipulando gerentes e fiscais corruptos para sabotar o produto brasileiro. Mas, ainda que tenham “armado”, a adulteração criminosa de carnes foi constatada.
O Brasil produz 15% da carne consumida no mundo, por isso seus concorrentes celebraram tanto as notícias da operação de ontem.
Só o grupo JBS tem 235.000 funcionários em 150 países. A subsidiária da JBS nos Estados Unidos emprega 78 mil pessoas.
Já a BRF, dona da Sadia e da Perdigão, tem 54 fábricas em sete países (inclusive o Brasil), somando 105 mil funcionários.
As empresas da JBS-Friboi investigadas na Operação Carne Fraca, fizeram mais de R$ 393 milhões em doações nas eleições de 2014.

Fonte: O Mocorongo e “Diário do Poder” – Claudio Humberto

Um comentário em “‘Carne Fraca’: escândalo pode banir Brasil do mercado mundial

  • 18 de março de 2017 em 23:23
    Permalink

    Doaram quase 400 milhões nas eleições e depois adulteram carne estragada parta vender nos mercados externo e interno, destruindo o que levaram décadas para obter, conquistar; alguém consegue explicar ?

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *