PF pede prisão de empresários acusados de articular greve, afirma ministro

O ministro Carlos Marun, da Secretaria de Governo da Presidência da República, disse que a Polícia Federal já tem inquéritos abertos para investigar a origem do movimento grevista e que já existem até mesmo pedidos de prisão. Segundo ele, o governo está convicto de que há um locaute (espécie de greve ilegal de empresas) e, por isso, está determinando a aplicação de multa de R$ 100 mil por hora aos donos das transportadoras que não voltarem ao trabalho.

Marun concedeu entrevista após reunião que durou três horas com o presidente Michel Temer e outros sete ministros que discutem estratégias contra a crise nas rodovias. “Temos a convicção de que existe o locaute. Os empresários suspeitos serão intimados. Segundo informou o diretor-geral da Polícia Federal, já existem pedidos de prisão”, declarou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *