Mulher é presa após raptar criança na grande área do Santarenzinho

Momentos de aflição e tristeza foram vivenciados  pelos pais de João Lucas, de apenas dois anos, que por volta de 15h, da tarde de segunda-feira(28), foi levado por uma mulher de dentro de sua residência localizada na Rua Palestina, no bairro Amparo, em Santarém.

Uma grande mobilização foi realizada nas redes sociais, e as guarnições da Polícia Militar por toda a cidade foram mobilizadas. Já no período da noite, com as  informações das características da mulher que teria levado a criança, que possuía estatura média, magra e cabelos loiros, fez com que populares acionassem a PM, quando observaram uma jovem com tais características em companhia de uma criança, próximo a UPA 24 horas, na avenida Curuá-Una, bairro Diamantino.

Em ato continuo, a mulher foi abordada, uma vez confirmado que se tratava da criança raptada no bairro do Amparo, a mulher foiconduzida a delegacia, onde foi ouvida pelo delegado plantonista. Existe a suspeita que a mesma tenha problemas mentais, ou seja usuária de droga.

RG 15 / O Impacto

 

3 comentários em “Mulher é presa após raptar criança na grande área do Santarenzinho

  • 29 de maio de 2018 em 09:22
    Permalink

    Não podemos atirar pedras nos pais, pois na sociedade em que vivemos atualmente é necessário sair de casa e ir para a luta. Muitas vezes os filhos são deixados com familiares ou mesmo babá. Certamente esses pais ficaram desesperados e quem sabe até se sentiram culpados. A culpa vem da necessidade de ir trabalhar e ter que delegar o cuidado com a prole, mas o coração fica em casa, pode crer.

    Resposta
  • 29 de maio de 2018 em 08:12
    Permalink

    Continuando….
    Parabéns as Polícias que realizaram um rápido e eficiente trabalho, bem como com todos aqueles que se mobilizaram na procura da criança.
    Se a sociedade agir em conjunto cor os Órgão de Segurança Pública, não ficaremos nas mãos de facínoras nem de políticos inescrupulosos,
    Tenho Dito!!!!

    Resposta
  • 29 de maio de 2018 em 08:08
    Permalink

    Uma coisa é certa! Os pais dessa criança deveriam também serem responsabilizados por esse ato, uma vez que a criança encontrava-se em via pública, sem roupas e descalça. Com a grande demanda de crimes contra crianças e adolescentes, é uma verdadeira temeridade deixar crianças sozinhas, pois estarão a mercê dos pedófilos que andam à solta e não perdem oportunidades iguais a esta para praticarem crimes.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *