Nélio Aguiar: “Salão do Livro será realizado em Santarém”

Prefeito disse que vai lutar para que este evento continue a ser realizado no Município

O anúncio do cancelamento, pelo Governo do Estado, do XI Salão do Livro do Baixo Amazonas, que estava previsto para acontecer em agosto deste ano aqui em Santarém, mexeu com a população santarena e muitos afirmaram que isso seria uma represália de Jatene com o Município, pois todos nós somos sabedores que o Governador sempre olhou Santarém e outros municípios da região Oeste, com desprezo, devido à derrota avassaladora que obteve na eleição passada. Como agora está chegando uma nova eleição ao governo do Estado, onde Jatene, que é do PSDB, lançou um candidato para sua sucessão do DEM, Márcio Miranda, e o Democratas aqui em Santarém está fechado há muito tempo com Helder Barbalho, que é do MDB, mostra que tal atitude do governo estadual seria em represália.

PREFEITO PROMETEU REALIZAR EVENTO: O prefeito Nélio Aguiar, em contato com nossa reportagem, disse que vai lutar para que este evento continue a ser realizado em Santarém. “Temos total interesse na realização da edição do XI Salão do Livro do Baixo Amazonas em Santarém. Estamos trabalhando e articulando pessoalmente junto ao governador do Estado para que ela aconteça”, disse Nélio Aguiar.

O gestor santareno teve audiência com o governador Simão Jatene na terça-feira, 19, para finalizar os ajustes, pois o evento terá uma nova data. “Abrimos um canal de diálogo que iniciou aqui com o Centro Regional de Governo. Queremos o evento, pois ele já pertence à educação, à cultura e ao entretenimento literário de nossa região. É um evento grandioso para todo Baixo Amazonas. Tivemos uma audiência com o Governador, para alinhar a realização do Salão que deve ocorrer em nova data”, explicou Nélio Aguiar.

A realização do Salão do Livro acontece há dez anos sempre em parceria com a Prefeitura Municipal de Santarém. Além do espaço cedido pela Prefeitura, várias secretárias (Secretarias Municipais de Educação, Cultura, Agricultura, Infraestrutura, Assistência Social, entre outras) trabalham intensivamente na organização e realização de eventos durante o período do Salão do Livro do Baixo Amazonas.

“É um evento cultural e literário muito importante para professores, estudantes e demais amantes das letras e do conhecimento. E não vamos medir esforços para sua realização em Santarém”, finalizou Nélio Aguiar.

Mas, devido à péssima repercussão deste anúncio, parece que o governador Jatene voltou atrás e deve realizar o XI Salão do Livro do Baixo Amazonas ainda este ano.

ANIVERSÁRIO DE SANTARÉM: A Prefeitura de Santarém abriu oficialmente as comemorações aos 357 anos do Município, com uma coletiva de imprensa, na manhã de sábado (16), no Theatro Municipal Victória. Na ocasião, o prefeito Nélio Aguiar divulgou a programação de aniversário que segue com diversas atividades até o dia 30 de junho.

Com slogan, “Santarém 357 anos. Pérola do Tapajós, Tesouro da Nossa Gente”, a programação conta com atividades culturais, turísticas, lançamento de programas, inaugurações de obras nas áreas da infraestrutura, da saúde, da agricultura, da educação, esporte e lazer.

“Vamos entregar ruas pavimentadas, o novo laboratório do Hospital Municipal. Implantaremos um Centro de Educação Municipal Infantil no bairro Maicá. Neste caso da Cemei, não dá para ficar esperando recursos, por isso alugamos um espaço por entender a necessidade da comunidade. Entregaremos a revitalização da Praça do Forte (atualmente conhecida como Praça do Mirante), voltando ao nome original com intuito de fazer um resgate histórico do logradouro, inclusive levando de volta à Praça, os canhões que simbolizam a Fortaleza do Tapajós”, ressaltou o prefeito Nélio Aguiar.

Nesta quinta-feira, véspera do aniversário, a população poderá prestigiar, a partir das 18h, uma marotona de shows na Praça de Eventos. Às 23h30 desta quinta-feira, dia 21 de junho, será realizado o sorteio do IPTU Premiado – sorteio de prêmios aos contribuintes que estiverem em dia com suas obrigações junto ao município. Em seguida, terá show pirotécnico e os parabéns à cidade. O dia 22 de junho, data de aniversário, começará ao som de muito forró com a banda Xiado da Xinela, de Manaus.

O Prefeito explicou que a gestão optou mais uma vez por não trazer shows nacionais, pois o momento financeiro do Município requer cautela. “Existem outras prioridades. Não dá para deixar de investir numa creche, numa ação de saúde, de infraestrutura para trazer atração nacional, neste momento. Existem limites orçamentários, responsabilidade fiscal. Temos uma arrecadação que pode aumentar ou pode cair. É preciso ter o equilíbrio de gastos e ter zelo com os gastos. Temos trazido shows da região e o público tem comparecido e temos a mesma expectativa para esse ano”, além de valorizarmos a cultura regional”, enfatizou.

Ainda no dia do aniversário será realizada, às 17h, a tradicional Missa Mocoronga – que faz referência à primeira celebração do fundador da cidade, Padre Felipe Bettendorf. A missa é realizada desde 1969. Às 19h, no Centro Cultural João Fona será realizada a entrega das medalhadas Padre Felipe Bettendorf. A condecoração foi instituída através da Lei nº 9.386 de 9 de Julho de 1981 e é conferida anualmente por ocasião do aniversário de fundação da cidade às pessoas que se destacaram em seus campos de atividades no Município ou que a este tenham prestado relevantes serviços. Confira os homenageados: Cel. Héldson Tomaso – comandante do CPR I, Dr. Alberto Tolentino – médico cirurgião geral e urologista, Professor Dr. José Seixas Lourenço – primeiro reitor da Ufopa, Maria Amélia Albuquerque Sirotheau – escrevente do 1º Ofício da Comarca de Santarém, Drª. Luziana Barata Dantas – coordenadora do Ministério Público do Estado, e José Roberto Branco – Engenheiro e presidente da ACES.

Nélio Aguiar reforçou que a administração municipal seguirá com a política de implantação de microssistemas de água nas localidades distantes da área urbana e explanou sobre o lançamento do Programa “Morar Legal”. “Não é uma obra, não tem placa, mas é um importante programa de regularização fundiária. A maioria das pessoas na cidade não tem registro dos seus terrenos e nossa intenção é legalizar”, finalizou o prefeito de Santarém.

Fonte: RG 15/O Impacto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *