Santarém vai sediar o II Congresso das Paróquias Verbitas na Amazônia

Os Missionários do Verbo Divino na Amazônia realizam de 6 a 8 de julho, em Santarém, o II Congresso das Paróquias Verbitas. O evento será no Centro de Formação Emaús com a presença de leigos, leigas, confrades, bispos, padres, religiosos e religiosas. A coordenação espera um público de 100 pessoas.

O Congresso destinado aos leigos deve ser um momento de escuta, reflexão, celebração e compromisso com as causas do Reino e da Igreja em saída. O coordenador do evento, padre Arilson Lima, da Sociedade do Verbo Divino (SVD), explica o objetivo do encontro: “Primeiro queremos dar um testemunho da Palavra de Deus no Verbo Divino Encarnado e como nós, verbitas e leigos, podemos caminhar melhor com as nossas paróquias. O nosso grande objetivo é este: partilhar nossa experiência missionária; crescer nessa comunhão com os leigos e estar cada vez mais enraizado na missão aqui na Amazônia”.

Padre Arilson ressalta também a importância do congresso: “Nossos leigos são os grandes colaboradores da missão e celebrando este Ano Nacional do Laicato e ouvindo o apelo do Papa Francisco, que nos convida a sermos uma Igreja cada vez mais missionária e em saída, nós estamos realizando este segundo congresso”.

No Congresso devem participar cinco leigos por paróquia verbita, além dos leigos associados, o AVA (Amigos do Verbo Divino na Amazônia). “Nós temos o AVA, que são leigos de nossas paróquias e que se identificam com nosso carisma e no ajudam nessa missão. Nós temos três núcleos do AVA: em Oriximiná, em Alenquer e Santarém”, informou padre Arilson.

Durante o evento haverá celebrações, conferências, partilha e noite cultural. Nos dias 6 e 7 a programação do congresso será durante todo o dia e no dia 8 somente pela manhã.

Convidados

Para o congresso está confirmada a presença do bispo da Diocese de Santarém, Dom Flávio Giovenale, o bispo da Diocese de Óbidos e presidente do Regional do Norte II da CNBB, Dom Bernardo Bahlmann, padres diocesanos, religiosos e religiosas.

Verbitas na Amazônia

Os Missionários da Congregação do Verbo Divino estão na Amazônia desde 1980 em trabalho de evangelização. Na Região eles atuam em quatro distritos: Santarém, Belém-Macapá, Transamazônica e Óbidos. Nesses locais eles estão presentes em três áreas pastorais e 10 paróquias. Na Diocese de Santarém, os verbitas seguem em missão nas Paróquias São Raimundo Nonato, bairro Aldeia, e Nossa Senhora do Rosário, grande Área do Santarenzinho, e nas Áreas Pastorais São Mateus, grande Área do Maracanã, e Santo Arnaldo Janssen, região do Arapiuns.

Na Amazônia os verbitas têm as seguintes prioridades: luta pela defesa da vida dos rios, florestas, povos e toda a criação. E a valorização de toda a luta dos povos tradicionais na defesa de seus territórios e o trabalho e organização dos agricultores familiares.

Fonte: RG 15/O Impacto e Aritana Aguiar/Assessoria de Imprensa da Diocese de Santarém

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *