EM VÍDEO, SENADOR ÁLVARO DIAS APOIA PRÉ-CANDIDATURA DO DELEGADO PAIXÃO

 

O senador Álvaro Dias (Podemos), pré-candidato à Presidência da República, afirma em vídeo que está satisfeito que seu partido tenha como filiado e pré-candidato a uma vaga na Assembleia Paraense, o Delegado Jaime Paixão, que é líder do “Movimento pela Moralidade e Renovação da Polícia Paraense.

Ao O Impacto,  Delegado Paixão falou das perspectivas de sua pré-candidatura. Como servidor público estadual do sistema de segurança pública, Paixão acredita que somente a renovação do quadro político dará resultados positivos à sociedade. Acompanhe a entrevista:

Jornal O Impacto – Delegado Paixão, você depois de muito tempo ajudando na segurança pública, vem encarar um novo desafio na política. Por que resolveu ser candidato?

Delegado Paixão – Esse desafio surgiu através de amigos e familiares em razão dessa situação política que estamos passando no País, onde há muita imoralidade que gera indignidade no meio político. Então pela nossa característica de trabalho e pela nossa personalidade, os amigos entenderam por bem que a gente encarasse esse desafio dentro do meio político, afinal de contas, quando fui fazer o concurso para Polícia Civil, muitos falaram “ah, você vai entrar na Polícia, que é um meio onde há muita corrupção”, então eu falei, “eu vou entrar para encarar isso de frente e mostrar que é possível a gente preservar nossa dignidade e nosso caráter e tentar transformar o meio”. Acredito que hoje a Polícia Civil com certeza é um órgão bem mais estruturado com a questão da dignidade e na política não há de ser diferente, graças a Deus eu tenho uma personalidade formada e vou encarar esse desafio de frente, ingressando no meio político para tentar mudar essa visão política que há por parte dos eleitores.

Jornal O Impacto – Você lidera um movimento de moralização e renovação da política. Como está pensado esse movimento?

Delegado Paixão – Sim, esse movimento pela moralidade e renovação da política paraense vem justamente para a gente quebrar esse paradigma, onde há muitos políticos de carreira, muitos político que já vêm há um bom tempo e o que observamos é que existe um movimento político dentro dessas estratégias que é montado para benefícios individuais e não coletivos. Então o movimento pela moralidade e renovação da política vem justamente para tentar modificar essa situação para que a gente faça políticas públicas que venham beneficiar a sociedade em geral e não indivíduos.

Jornal O Impacto – Percebemos a população muito descrente em relação aos políticos. Qual seria o recado para população diante desse movimento?

Delegado Paixão – Eu estou colocando o meu nome à disposição, me colocando de peito aberto para encarar, pois a gente sabe que quando nos envolvemos no meio político temos que estar abertos para receber críticas, e graças a Deus, quanto a mim e à minha família, não há críticas a serem feitas, afinal de contas nós sempre tivemos uma personalidade muito forte. Quanto ao combate à corrupção, então o que posso deixar para população é que acredite que ainda há esperança nesse meio político, que realmente nós podemos renovar e fazer algo diferente, afinal quando o eleitor diz que não  se interessa, não gosta de política, ele vai ser governado por uma pessoa que gosta e essas pessoas que gostam, estão acabando com o nosso país, nosso estado. Diante disto,  vamos fazer diferente. Convido que venham junto conosco nesse movimento de renovação e de moralidade da nossa política e vamos encarar esse desafio com o Delegado Paixão.

Jornal O Impacto – Você como delegado participou de muitas operações de combate à corrupção. Considerando essa experiência, você acredita que é possível acabar com a corrupção?

Delegado Paixão – Sim, é possível desde que a população entenda o seu papel,  a população tem de saber que dentro do mundo político ainda existem muitas pessoas que têm boas perspectivas de bom caráter e que podem ajudar de fato nosso País, agora vai do eleitor, vêm por aí muitos candidatos a Deputado Estadual e Federal, cabe ao eleitor escolher. Estamos colocando o nosso nome à disposição para servir à população, é isso que eu espero, que a população pesquise e vá atrás e veja que o delegado Paixão é hoje a melhor opção para Deputado Estadual.

Jornal O Impacto – Diante do trabalho de combate à corrupção, em Santarém, temos acompanhado a “Operação Perfuga”, como você avalia o resultado para a população. Quais os ensinamentos?

Delegado Paixão – Operações como essa de combate à corrupção são uma amostra do que citei há pouco, são uma amostra de que as instituições estão se modificando, há um pensamento de combate à corrupção sistemática, então quando vemos uma operação dessas da Polícia Civil em conjunto ao Ministério Público, começamos a perceber que há esperança e que existem pessoas comprometidas com o combate à corrupção, então a operação “Perfuga” é uma porta de entrada para que possamos modificar dentro da própria instituição política esse pensamento que vem acontecendo anos a fio, para que o meio político possa enxergar que o parlamento, o executivo, são feito para benefício da sociedade e não para beneficiar interesses pessoais.

Jornal O Impacto – Você atua na Polícia Judiciária, e levará sua experiência para a política. Nos últimos anos estamos acompanhando em âmbito nacional um embate entre o Judiciário e o Político. Neste contexto, qual é o seu posicionamento?

Delegado Paixão – Bem eu não vejo como embate e sim como um fortalecimento das instituições, quando você começa a perceber que pessoas poderosas estão sendo investigadas, julgadas e processadas e no final, estão sendo condenadas, você vê que há um fortalecimento das instituições, tanto no fortalecimento do poder judiciário, legislativo e o executivo, esse fortalecimento se dá a partir do momento em que o meio político toma consciência de que o combate sistêmico à corrupção também passa pelo executivo e legislativo, no momento em que deputados, senadores, presidentes e governadores tomarem consciência que o seu papel principal também está inserido no combate à corrupção, haverá um fortalecimento das instituições e eu acredito piamente que isso vem acontecendo, afinal a Polícia Civil é um órgão do poder executivo e hoje nós estamos combatendo firmemente a corrupção, isso mostra o fortalecimento do poder executivo e judiciária e isso é muito bom para população e sociedade em geral.

RG 15 / O Impacto

 

Um comentário em “EM VÍDEO, SENADOR ÁLVARO DIAS APOIA PRÉ-CANDIDATURA DO DELEGADO PAIXÃO

  • 22 de julho de 2018 em 16:22
    Permalink

    Não reeleger ninguém, isso é o mais importante, se queremos melhorar como país devemos colocar gente nova. Não reeleja nenhum!!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *