Governador participa, em Brasília, da apresentação do Projeto de Lei Anticrime

O governador Helder Barbalho participa, nesta segunda-feira (4), em Brasília (DF), de agendas com o Governo Federal. A primeira, que iniciou às 9h30, foi o lançamento do Projeto de Lei Anticrime, apresentado pelo ministro da Justiça, Sérgio Moro. O secretário de Estado de Segurança Pública, Ualame Machado, e o Procurador Geral do Estado, Ricardo Sefer, também acompanham a programação.

Além de Helder, participam do encontro os governadores Eduardo Leite (RS), Camilo Santana (CE), João Doria (SP), Ibaneis Rocha (DF), Marcos Rocha (RO), Ratinho Júnior (PR), Renato Casagrande (ES),  Ronaldo Caiado (GO), Rui Costa (BA), Antonio Denarium (RO), Mauro Carlessi (TO). Os estados do Acre, Amapá, Pernambuco e Rio de Janeiro estão representados pelos vice-governadores. Além dos chefes de estado, estão também os secretários de segurança pública.

Ao chegar ao ministério, o governador do Pará, Helder Barbalho, disse, em entrevista à Agência Brasil, ser importante o empenho do governo federal e de todo o país para resolver os problemas de segurança pública. “Hoje, a criminalidade tem um perfil vinculado principalmente ao tráfico de drogas, por isso é necessário que o governo federal possa colaborar [no enfrentamento]. Seja com a participação da PF nas investigações, seja no monitoramento de nossas fronteiras”, afirmou o governador do Pará, destacando a importância do cumprimento das leis como forma de combater a impunidade.

O Projeto de Lei, apresentado por Moro, foi debatido entre os governadores e, posteriormente, será enviado ao Congresso Nacional. Segundo ele, a sociedade também deve demandar ao governo suas necessidades. “É um desejo do brasileiro que ele possa viver um país mais seguro”, disse Moro em sua conta no Twitter. Nas redes sociais, o ministro detalhou que a proposta considera que o crime organizado alimenta a corrupção e o tráfico de drogas e assim simultaneamente. “É um projeto simples e com impacto para enfrentar esses três problemas”, ressaltou o ministro.

Sobre as medidas apresentadas pelo ministro, o governador Helder comentou. “É muito importante que a gente possa valorizar a iniciativa do Ministério da Justiça, que busca endurecer as regras contra a criminalidade nos mais diversos perfis a repeito do crime, seja ele de corrupção, de tráfico de drogas, homicídio ou latrocínio. Particularmente, gostaria de destacar a importância de buscarmos fazer com que o sistema carcerário possa ser mais rígido para que evitemos que, a partir dos presídios, continue existindo a cultura da liderança da criminalidade no ambiente externo. Estaremos sintonizados com estas ações para que o Governo do Pará, junto com a população, possa trabalhar para a pacificação do nosso território”.

OUTRA PAUTA – Helder reúne da tarde desta segunda-feira, na Corporação Andina de Fomento (CAF), com o Dr. Jaime Holguin. A pauta é o Programa Municípios Sustentáveis. Junto ao governador, estão o titular da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa), René de Oliveira e Sousa Júnior, e a secretária de Estado de Educação, Leila Carvalho Freire, que também participam da agenda.

Fonte: Secom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *